Nutrição

5 alimentos deliciosos que fazem mal à nossa saúde

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Tratando-se de alimentos, uma das maiores lamentações humanas é que os mais gostosos são também os mais devastadores à nossa saúde. Segue uma primeira relação de alguns deles que são ótimos para o paladar, mas terríveis para o nosso bem-estar.

shutterstock_118838089Sorvete de massa: Além de ser pobre em nutrientes, aquela maravilhosa sorveteria por quilo pode te garantir um aumento de peso considerável. O fato do sorvete de massa ser rico em açúcar, a substância é absorvida rapidamente pelo organismo e se transformará em gordura. Para se ter uma ideia, uma bola de sorvete, algo em torno de 60 gramas, pode chegar a 130 calorias, proporção equivalente a 18,5% dos valores diários de gorduras saturadas que um adulto necessita.

Refrigerante: Esse é um sério problema. Caso uma pessoa beba uma lata de refrigerante por dia, no final do mês ela terá consumido cerca de um quilo de açúcar. Sem falar no fato que desestimula o hábito saudável da ingestão de água, os refrigerantes também podem causar maiores riscos de acidente vascular cerebral e problemas respiratórios.

Refrigerante Diet: Pois é, caro leitor. Desculpe ser o portador dessa triste notícia para você que, depois de ler o segundo item de nossa lista, pensou imediatamente em comprar um refrigerante zero. Diferentemente dos itens 1 e 2, a boa notícia é que o refrigerante diet não é rico em açúcar, muito pelo contrário. Aliás, esquecemos de mencionar que o refrigerante, diet ou não, possui gás, portanto atrapalha o controle entre fome e saciedade, podendo provocar maior ingestão alimentar. A solução proposta pelo refrigerante diet, o fato de não ter açúcar, também é um grave problema: o excesso de adoçantes artificiais que o produto contém eleva as chances de formação de cálculos renais. Outro malefício que pode ser provocado pela ingestão do refrigerante diet é o desenvolvimento de hipertensão arterial, pois intensificam o trabalho dos rins e fígado por não serem absorvidos pelo corpo.

shutterstock_253220299Bacon: Esse não tem nem muito o que falar. Segundo um estudo realizada pela Universidade de Harvard, a ingestão de 50 gramas diárias de carnes processadas, como o bacon, aumentam em 42% o risco de problemas cardíacos e em 19% o de diabetes tipo 2. Bacon bom mesmo só na telinha do cinema com o Kevin Bacon.

Batata frita: “Ué, mas a batata é um tubérculo e cultivei na minha própria horta. Tem coisa mais saudável do que isso?”. O maior problema não é a batata, mas sim o “frita” que a acompanha no nome. Se na nossa lista colocamos cinco alimentos que fazem mal a saúde, dá para fazer também uma outra lista com quatro motivos para que você evite comer batatas fritas: gorduras saturadas, gorduras trans, sódio em excesso e carboidratos. Vale destacar que a batata teve um papel importante no combate à fome, principalmente na Europa, há alguns séculos. A sorte que ainda não se tinha o hábito de fritá-las.

É amigos, a vida fica menos gostosa com essas informações. Mas da mesma forma que existem alimentos deliciosos que fazem mal a saúde, também existem simples técnicas gastronômicas que tornam outras comidas saudáveis tão saborosas quanto esses citados na lista. Como já dizia o filósofo grego Sócrates: temos que comer para viver e não viver para comer, mesmo que seja mais difícil isso num mundo com batata frita e refrigerante.


 

  • Texto escrito por Diego Rennan da Equipe Eu Sem Fronteiras.

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]