Autoconhecimento

A mulher não é inferior

Jomar Lessa Muktesh
Escrito por Jomar Lessa Muktesh

Oshomens têm tentado por toda história usar as estratégias politica e psicológica sobre as mulheres. Que elas são inferiores a eles. E o homem convenceu até mesmo a própria mulher.

A mulher não é inferior nem superior ao homem. Eles são duas categorias diferentes de humanidade, não podem ser comparadas. A própria comparação é idiota e, se você começar comparando, vai ter problemas. Como comparar a rosa com a margarida? A própria ideia de comparação é absurda e sem sentido.

Mas por que a mulher tem sido proclamada inferior pelo homem no mundo todo?

 Porque esta foi a única maneira de mantê-la no cativeiro, de transformá-la em uma escrava durante muitas centenas de anos. Era mais fácil, pois se ela fosse igual, haveria problemas, ela devia ser condicionada à ideia de que é inferior. E as razões apresentadas são que elas têm menos força muscular, sua altura é menor, ela não produziu nenhuma filosofia, ela não fundou nenhuma religião, não tem havido importantes mulheres na ciência, arte e etc.

Escolhendo comparar dessa maneira e usando esses argumentos, talvez alguns pudessem convencer a mulher de que ela é inferior, as mais incultas. Mas essa é uma maneira muito sagaz e inconsciente. Há algumas implicações que devem ser observadas. A sociedade masculina tirou da mulher seu direito de participar nas tarefas mais altas da sociedade, exaltando somente suas funções animais de maternidade, apesar desse dom de dar à luz ser tarefa dada pela natureza somente para um ser superior, esse fator da criação da prole e cuidados do lar, talvez tenha sido o principal empecilho de a mulher ter crescido intelectualmente. Depois de dar à luz a mãe fica envolvida na criação do filho durante a vida inteira, agora veja, no passado ela estava continuamente grávida. Quanto tempo lhe sobrava para ser uma cientista, para ser uma filósofa, uma teóloga? Ela estava constantemente dando à luz ou cuidando dos filhos que havia parido. Estava cuidando da casa, da família, para que o homem conseguisse contemplar coisas mais elevadas, sem a mulher nada poderia ter ocorrido, ela foi a base mais fundamental para que o homem tivesse encontrado o que encontrou, ela sempre foi o alicerce e a detentora de tantas conquistas mas sempre nos bastidores, os créditos foram somente para os homens.

Um mundo comandado por mulheres haveria guerras e torturas? Tanto derramamento de sangue, tanta violência e morte? Todos nós sabemos que não, isso não é da natureza superior da mulher. Isso é tarefa da tolice masculina.

Se a mulher tivesse a oportunidade de ter adentrado nos ramos que o homem floresceu, com certeza teríamos muito mais qualidade e beleza em todas as áreas.
Sei que atualmente a mulher está ganhando seu espaço, que é seu por direito, mas para aqueles que nunca agradeceram suas mães, avós ou até mesmo esposas que se encontram somente ligadas ao lar, para esses, apenas por um dia, por 24 horas, troquem de trabalho.

Deixem-a contemplar o mundo, criar poesia, filosofar sobre a vida, e durante 24 horas você cuida da casa e das crianças sozinho. Então vai saber quem é superior. Apenas 24 horas serão suficientes para lhe provar.

Sobre o autor

Jomar Lessa Muktesh

Jomar Lessa Muktesh

Espiritualista e meditador, aborda alguns temas tabus como drogas, sexo, morte, feminismo, dando ênfase à espiritualidade. Admirador do mestre Osho, também estuda em profundidade o Gnosticismo e Ocultismo Hermético (Corpos Emocionais e vitais, Projeção astral ou Projeciologia, Dissecação do EGO).

Contato: [email protected]

Youtube: Canal Muktesh