Convivendo

Amor é somente amor

Homens brancos se beijando.
Renate Vanaga / Unsplash
Escrito por Madaleine

Falar de amor é tão fácil e tão difícil,
Tão gostoso, mas tão amargo,
Tão suave, mas tão dolorido.

O amor é um paradoxo sem sentido,
Onde o coração é arrancado do peito,
O sangue continua correndo nas veias,
Mas você se sente quase morto.

Amor é assim, forma sublime,
Mas também um sentimento do mal, capaz de matar,
Matar por amor…

E fica quem ama à deriva?
E fica quem ama à espreita?
E fica quem ama à espera?
Sim, sim, sim!

Coração desenhado numa janela embaçada.
Michael Fenton / Unsplash

Amor é eterna deriva, espreita e espera,
Ele, de fato, nunca se concretiza,
Sempre falta uma pecinha para completar o quebra-cabeça.

Amor é bonito de se ver,
Por ele viveram grandes nomes,
Sacrificaram-se várias vidas,
Criaram-se muitas lendas.

Entre o ir e vir, o desencontro e do encontro,
O amor é fogo, é brasa que queima,
Lateja, incendeia, destrói e depois constrói de novo e de novo,
Se respira aliviado.

Você também pode gostar

O amor é sentimento do bem,
Faz sorrir e chorar lágrimas doces,
Tão doces quanto a água que se bebe,
Nutre, alimenta, cria, protege, deixa forte!

E sem amor não vivemos,
Sem amor não estamos completos,
Sem amor somos apenas um rascunho mal feito de nós mesmos,
A procura fica eterna,

Estamos sempre em busca de algo ou alguém que nos preencha e torne nosso desenho uma obra de arte, bonita de se ver, ter e admirar para sempre!

Amemos!

Sobre o autor

Madaleine

Minha formação acadêmica é em pedagogia. Atuo na área de educação há quase trinta anos, fiz diversos cursos e especializações, além de pós-graduação em supervisão escolar e letramento. Atuei quase 15 no ensino fundamental, desde sempre na educação infantil e na maioria do tempo na escola pública municipal da Cidade de São Paulo. Sempre em busca de aperfeiçoamento profissional, passo ainda a maior parte do tempo estudando — e não por acaso me apaixonei pelo estudo da espiritualidade. Frequentei um espaço durante muitos anos, onde fui acolhida e atendida. Mais tarde passei a ser estudante, depois trabalhadora. A cada dia conheço novas descobertas, além de me encantar ainda mais pelo tema e me aprofundar na espiritualidade como um todo. Eu me interesso também por temas como literatura, filosofia e ciências, além do amor, que, na minha opinião, nunca sai de moda. Mãe de um casal de adolescentes, sigo aprendendo a lidar com os desafios dessa fase tão linda e cheia de descobertas. Eu me considero uma pessoa amada e feliz. Minha missão é aprender e progredir sempre! Fé é uma palavra que gosto sempre de usar. Acreditar e ter esperança em dias melhores é minha meta.

Email: Psm.baron@gmail.com