Nutrição Saúde Integral

Benefícios do própolis

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras
Antes de conhecer os benefícios do própolis, vamos explicar o que ele é. A origem da palavra mostra seu poder: “pró” significa “defesa” e “polis” quer dizer “cidade”. As abelhas produzem o material a partir da resina contida dos brotos das flores. O material possui várias funções: proteger a colmeia de rachaduras, impedir a entrada de predadores e proteger de possíveis ataques. Quem consegue invadir é morto e seu corpo embalsamado pelo própolis. O material ainda mantém a colmeia limpa, pois as abelhas tomam um banho dele antes de entrar na colmeia.

Além da coloração dourada, existem três tipos de própolis: o verde, o preto e o vermelho. Todas são benéficas à saúde, conheça as características básicas de cada um:

– Própolis verde: à base de resina e outros materiais da flor do alecrim- do-campo;

– Própolis preto: produzido com vários tipos de flores;

– Própolis vermelho: feito com a planta rabo-de-bugio, encontrada nas praias e mangues nordestinos.

Já foram catalogados mais de 200 compostos químicos que ajudam o bom funcionamento do organismo. Confira as principais propriedades do própolis:

1. Fortalecedor do sistema imunológico

O própolis estimula a produção de anticorpos, o que deixa o sistema imunológico fortalecido. O indicado é tomar 3 colheres de própolis com água uma vez ao dia.

2. Antioxidante

O consumo regular de própolis livra o corpo dos radicais livres, substâncias que envelhecem as células. O poder dele é tanto que pesquisas do Instituto Nacional do Câncer dos Estados Unidos apontam eficácia para impedir e destruir células cancerígenas.

3. Antiviral

Quem nunca tomou própolis durante resfriados ou gripes? As mamães e as vovós tinham razão. Para essa finalidade, o recomendado é tomar 15 gotas diluídas em água, ou então, 4 ou 5 gotas em uma xícara com água para fazer gargarejos três vezes por dia. Outra receita é a inalação com 10 gotas de própolis duas vezes por dia.

4. Antibacteriana e antifúngica

O própolis combate bactérias ruins e conserva as boas. Ele é muito usado em doenças bacterianas, como faringite, laringite, bronquite, sinusite, rinite, pneumonia, amidalite, verminoses e problemas ginecológicos. Já a ação antifúngica combate micoses, frieiras e problemas no couro cabeludo. Pode-se usar a mesma indicação do item 1.

5. Analgésica

A dor de ouvido pode ser combatida com massagens ao redor do ouvido feita com 2 ou 3 gotinhas de própolis.

6.Cicatrizante

Já percebeu quantas receitas de máscaras faciais e tratamentos à base de própolis existem por aí? É porque os flavonoides e os aminoácidos, encontrados no própolis, são os responsáveis por cicatrizar feridas, dermatites e espinhas. Para feridas e herpes, aplique 3 ou 4 gotas na ferida 3 vezes por dia. Para as espinhas, 1 ou 2 gotas na área afetada de 4 a 5 vezes por dia.

7. Higienizador bucal

No Japão existem chicletes à base de própolis para tratar cáries. A higienização bucal é feita com 5 gotas de própolis diluídas em 4 colheres de água após a primeira e última escovação do dia.

Recomendações antes de consumir própolis

O consumo de 5 gotas diárias é um hábito positivo. Porém, antes da utilização, pingue 2 gotas no antebraço e espere 30 minutos para atestar possível alergia. Caso for oferecido às crianças, use apenas o própolis sem extrato de álcool.

Você conhecia os poderes do própolis? Agora que sabe, aproveite e torne-o parte do seu dia a dia! Saiba outra forma de utilizá-lo, também no tratamento da sinusite.


Texto escrito por Sumaia de Santana da Equipe Eu Sem Fronteiras.

Sua opinião é bem-vinda, sempre que colocada com a educação e o respeito que todos merecem. Os comentários deixados neste artigo são de exclusiva responsabilidade de seus autores e não representam a opinião deste site.

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]