Maternidade Consciente Saúde Integral

Cólicas no bebê: como evitar?

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras



Quando as cólicas aparecem nos bebês, as mamães entram em desespero tanto por quererem evitar o sofrimento da criança como também, por muitas vezes, não saberem o que fazer. É claro que não é uma regra, mas há algumas táticas que podem funcionar quando o incomodo aparecer:

  • Não se desespere! Mantenha-se calma para poder ajudá-lo. Massagens no local da cólica e bastante carinho são fundamentais para acalmar os bebês no momento da dor;
  • Deitar a criança de bruços não é um mito e pode sim aliviar a dor;
  • Calor e aconchego são dois pontos importantes, deite-se e coloque a criança de bruços em cima do seu abdome;
  • Aquecer a barriga do bebê também pode ajudar! Em lojas especiais para crianças existem bolsas térmicas que servem para este tipo de desconforto. Mas, tome cuidado para não aquecer demais e machucá-lo. Como precaução envolva a bolsa em um pano; 
  • A luz do ambiente também não pode ser muito forte, isso ajudará a tranquilizá-lo;

  • No momento da cólica procure não amamentar a criança, a sucção pode agravar a dor;
  • Deite o bebê e flexione as suas pernas sobre o abdome, isso pode ajudar a eliminar os gases.

Entre as formas de prevenção do problema, podemos destacar:

  • O bom funcionamento do intestino: se o intestino não estiver funcionando corretamente, certamente o seu bebê sofrerá de cólicas, atente-se! Se a criança tiver dificuldades para evacuar peça ajuda ao pediatra.
  • Ofereça o peito: se você pode amamentar o seu filho, adie ao máximo a substituição do leite materno pelo industrializado, além de todos os benefícios ele também ajuda a prevenir o surgimento de cólicas.
  • Evite que o bebê engula ar: prestar atenção na amamentação do bebê é um ponto fundamental! O certo é evitar que a criança engula ar enquanto mama para evitar a formação de bolhas que acontecem no intestino contribuindo para o surgimento de cólicas. Sendo assim, evite que ele engula ar e observe se o bebê não está usando o peito como chupeta ao invés de engolir o leite.

Se as cólicas persistirem por muito tempo, procure um pediatra para solucionar o problema!


Escrito por Natália Nocelli da Equipe Eu Sem Fronteias

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]