Coaching

Como criar uma autoimagem impactante para falar em público

Homem de costas falando em público
Eliuse Silva
Escrito por Eliuse Silva

Os seres humanos são seres gregários, gostam de estar em grupo, de viver em sociedade. Logo, comunicar-se é parte intrínseca de sua natureza. O que quer dizer que continuamente vivenciam situações em que precisam expor suas ideias.

Observe que não estou falando que seja em um contexto profissional apenas. Mas que no dia a dia a pessoa precisa se expressar de alguma forma. É nessa hora que a autoimagem entra em cena e assume grande importância.

Sua autoimagem é basicamente a forma como você se vê. É sua fotografia interna que se mostra para os outros. E como você avalia o impacto da sua imagem diante dos que te ouvem?

Se você se enxerga como alguém que não tem capacidade de fazer uma grande apresentação em público, é provável que não consiga fazer realmente. Se, talvez, na época da escola você tenha falado algo errado e os colegas tenham rido de você, pode ser que hoje tenha medo de que os outros riam novamente do que você tem a falar.

Homem em pé fazendo apresentação
Foto por Zhu Hehuai via Pexels

Note que esses problemas influenciam diretamente a sua capacidade de falar em público. E que, se você mudar a forma como olha para si mesmo, conseguirá melhorar muito seu potencial de se expressar em grandes grupos.

Para falar bem em público – numa reunião, entre amigos ou numa apresentação da faculdade –, é preciso ter o que se costuma chamar de “presença”. É preciso marcar o seu espaço, dizer a que veio. Ou seja, é preciso ter uma autoimagem impactante. Não estamos aqui falando de incorporar um personagem para ser um orador. Estamos falando de usar os próprios recursos pessoais para ser alguém interessante.

Homem fazendo palestra com microfone
Foto por Reimond de Zuñiga via Unsplash

E isso não é algo passageiro, de momento, só para impressionar seus ouvintes. É algo que se constrói gradualmente. Envolve sua postura, sua conduta, sua relação com a vida e com as pessoas e, principalmente, sua relação consigo mesmo.

Construa uma autoimagem de grande impacto com os 8 passos abaixo. Vamos lá:

Identifique a imagem que você tem de si mesmo hoje

Mulher passando batom segurando espelho de mão
Foto por Septian Simon via Unsplash

Não é possível você promover uma mudança, se não sabe o que vai mudar. Então, enumere os atributos positivos e negativos que compõem sua imagem. Não o que os outros falam, mas aquilo que realmente você sente por dentro.

Defina que imagem você quer de você mesmo a partir de agora

Ao lado dos atributos negativos, coloque o atributo que você deseja ter. Talvez você chegue à conclusão de que, para falar bem em público, você precisa perder a timidez. É importante comunicar com clareza ao cérebro o que você quer se tornar. Por exemplo, você pode dizer que quer se tonar uma pessoa mais comunicativa.

Dê o primeiro passo para a mudança

Pessoas conversando na rua
Foto por Alexis Brown via Unsplash

Para cada atributo que você deseja desenvolver, coloque as ações que pretende realizar e até quando pretende. Se, por exemplo, você quer se tornar mais comunicativo, experimente abordar ainda hoje uma pessoa desconhecida na rua, caso você nunca tenha tido coragem para fazer isso.

Seja lá qual for a característica que você deseja transformar, é preciso fazer uma mudança gradativa. Se você fica nervoso ao apresentar um trabalho na faculdade, não é indicado apresentar-se para um auditório lotado. É preciso dar um passo de cada vez.

Viva bem consigo mesmo

Se você não se agrada, dificilmente agradará aos outros. Para falar em público, você tem que se sentir bem e merecedor dessa tarefa. Precisa sentir que tem algo de interessante para passar. E quem não está de bem com a vida não vai se sentir assim.

Viva bem com os outros

Homens em pé se abraçando
Foto por Erika Giraud via Unsplash

Tenha uma vida social saudável, saiba se relacionar. Tenha visibilidade para ser alguém marcante, pois “quem não é visto, não é lembrado”! É importante saber interagir com as pessoas, porque elas são o seu foco.

Saiba escutar as pessoas

Esse é um dos requisitos fundamentais para um orador. Se um orador não ouve, ele não sabe o que os outros pensam e sentem, logo não saberá dizer o que as pessoas gostariam de ouvir. O bom orador está sempre atento aos interesses das pessoas.

Você também pode gostar

Mantenha sempre boa aparência

Mulher em frente ao espelho penteando cabelo
Foto por Jill Wellington via Pexels

Tenha ao menos uma aparência adequada aos ambientes que você frequenta. Tome por parâmetro a referência que você deseja ser e use um figurino adequado ao contexto. Uma pesquisa com diretores de empresas revelou que a boa aparência interfere significantemente no ambiente de trabalho. E por que não dizer que interfere em como a sociedade te vê?

Estude continuamente e tenha conteúdo transformador

Não seja superficial. Tem uma ótima imagem quem promove melhoria na vida das pessoas. Então amplie seus conhecimentos e habilidades. E ao conversar com alguém, dê motivos para que as pessoas te vejam como alguém interessante. Inspire pessoas!

Inicie sua transformação agora! Faça já o primeiro passo. O sucesso te espera!

Oratória Mestra. Pratique. Comunique-se!

Sobre o autor

Eliuse Silva

Eliuse Silva

Nascida e residente na Bahia, carrego a alegria de minha gente e o jeito espontâneo de se expressar. Realizo-me profissionalmente como Professora Universitária e como Coach em Comunicação Harmônica e em Oratória.

Licenciada em Letras e mestra em Linguística, sou uma apaixonada pela linguagem, pelas formas de interação e pelo contínuo desenvolvimento do ser humano, seja pessoal ou profissional. Acredito que somos seres múltiplos e inacabados, em constante transformação e potencialização.

Por isso, venho mesclando estudos relativos a autoconhecimento, autodomínio emocional e comunicação intra e interpessoal. E, dessa simbiose, nasceu o Projeto Oratória Mestra, através do qual ofereço cursos presenciais e online em Comunicação Compassiva e em Oratória Emocional, provocando a expressão autêntica e autônoma de cada participante.

Email: [email protected]
Facebook: eliusesilva.oratoria
Instagram: @eliusesilva_om
YouTube: eliusesilva