Convivendo

Como se dar bem na carreira?

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

A carreira profissional de uma pessoa implica em uma série de fatores: talento, disposição, esforço, criatividade e também uma boa dose de sorte, por que não? Por mais capacitado que você possa ser para um emprego, você pode não conseguir conquistá-lo por um motivo trivial como, por exemplo, o entrevistador não ir com a sua cara naquele dia ou você contrair uma gripe que afete o seu desempenho. Infelizmente, neste caso, um imprevisto pode comprometer o seu trabalho, que parecia certo.

Portanto, caro(a) leitor(a), infelizmente, não foi inventado ainda, e nem creio que seja, o manual de garantias para se dar bem na corrida. Apesar dessa triste notícia, existem sim algumas dicas que podem ajudar a aumentar suas chances de ser bem sucedido na carreira ou, ao menos, fazer com que diminua as possibilidades de você não conseguir o que quer.

Business Team Working On A New Plan With Laptop

Seguem alguns conselhos que poderá ajudar tanto para a entrevista de emprego, mas também para que construa uma longa e frutífera carreira de sucesso:

– Tão importante quanto o que você fala, é como você fala. Tom de voz e expressões corporais podem ajudar no poder de convencimento e gerar simpatia de superiores e colegas de trabalho.

– Busque feedback nos trabalhos realizados por você. É muito importante saber a opinião das pessoas sobre como você pode melhorar.

– Não se acomode.

– Não se iluda com elogios, mas também não se deprima com críticas. Quem não gosta de um elogio para massagear o ego? É normal e isso não lhe torna necessariamente egocêntrico, porém fique mais atento com as críticas do que com os elogios.

– Seja disciplinado. Busque sempre chegar no horário, principalmente na entrevista de emprego, e mostre presença nos momentos em que mais precisarem de você.

– Seja solícito e respeitoso com todos. Saiba igualmente dar e receber ordens de superiores e subordinados, respectivamente.

– Tenha ética. Se não souber exatamente o significado disso, então faça com os outros somente o que gostaria que fosse feito a você. Seguindo rigidamente este conceito, estará sendo mais ético do que a maioria das pessoas.

Nem sempre você poderá fazer o que gosta, quanto mais cedo aceitar isso, mais cedo chegará aonde quer. Pode ter certeza que os postos mais altos têm as travessias mais difíceis. No mundo do trabalho, um pensamento de Rousseau faz muito sentido: “Felicidade não é fazer tudo o que quer, mas sim não fazer o que não quer”.


  • Diego Rennan da Equipe Eu Sem Fronteiras.

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]