Autoconhecimento Comportamento

Como ser mais feliz às segundas-feiras

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras




Para muitas pessoas, este dia da semana não deveria existir. Mesmo em alguns momentos torturantes, listamos aqui algumas dicas para torná-los ao menos
suportáveis, confira:

1 – Vista algo que você goste

“Segundas podem ser animadas”

Ao acordar cedo, quando for se arrumar para ir trabalhar, procure usar uma roupa que você considere bonita e confortável para passar o dia. Aposte em cores quentes, atraindo boas energias na segunda-feira desafiadora.

2 – Comece com seu café da manhã favorito

Começar seu dia “presenteando-se” com um belo café é uma ótima maneira de tolerar a segunda-feira de toda semana. Além de proporcionar bem-estar, comer o que gosta é sempre algo bem vindo, independente do dia.

3 – Organize suas coisas um dia antes

Normalmente o fim de semana é para relaxarmos, curtirmos ou até mesmo colocar as coisas em ordem. E é natural que deixemos nossa bolsa ou mochila para arrumar na última hora. Faça diferente: tire um tempo do seu domingo para deixar suas coisas em ordem para o outro dia. Assim você não se estressa logo cedo na segunda-feira.

4 – Faça playlists animadas

Músicas favoritas, de preferência que deem um up no seu dia logo cedo é uma ótima recomendação. Baixe suas músicas favoritas e monte uma playlist. A música tem o poder de revitalizar e melhorar o humor. Aposte nisso também.

Quem disse que as segundas-feiras devem ser odiadas? Podem ser ao menos toleradas, com certeza. E com essas dicas, esperamos que você curta melhor cada dia de sua vida. Boa sorte e boas vibrações!


Escrito por Bruno Melo da Equipe Eu Sem Fronteiras

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]