Autoconhecimento Coaching

Como trabalhar pouco sendo produtivo

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Viver para trabalhar ou trabalhar para viver? A vida dos sonhos seria trabalhar pouco, ser produtivo e ainda ganhar bem. O fato é que dá para não trabalhar em excesso e ainda assim ser produtivo. Este é o caminho do mundo moderno, trabalhar com agilidade, otimizando processos.

Para isso, é preciso encontrar a combinação exata entre suas principais habilidades, técnicas e boas ferramentas, além de pensar fora caixa, criando oportunidades. E, claro, que não existe uma receita pronta, mas algumas dicas podem ajudá-lo a pensar nisso. Uma dica-bônus é encontrar profissões ou atividades que estão em evidência e que poucas pessoas conseguem desenvolver. Dedique-se para dominar o assunto, e não apenas aprender. Assim, você será diferenciado da “concorrência”, mesmo que por um período determinado. Se você conseguir isso, você conseguirá trabalhar menos e ganhar um bom valor por isso.

Vamos à prática:

  • Tenha uma agenda

Isso pode parecer óbvio, mas realmente é válido. Anotar suas tarefas, seja em um papel ou agenda eletrônica, tira a responsabilidade do seu cérebro em ter que se lembrar de tudo e ele ficará focado apenas em executar as atividades de acordo com o cronograma.

  • Tenha um objetivo principal

Sim, você tem o seu cronograma de atividades diárias, mas uma delas será a mais importante do seu dia, a que levará mais tempo para ser resolvida. Então, tudo o que você fizer depois de resolver sua prioridade será lucro.  Não adianta criar várias metas e não atingi-las, isso o deixará frustrado e o impedirá de executar outras tarefas com excelência.

  • Coloque prazos

Para realizar qualquer atividade, principalmente as que demandam mais tempo, é preciso estipular prazos. Então, antes de iniciar uma tarefa determine um tempo hábil para que ela seja realizada. Quando esta etapa não está definida, a possibilidade de postergá-la é enorme.

  • Organize seu e-mail

Se você trabalha com e-mail é preciso organizá-lo, afinal serão milhões de mensagens bombardeando sua caixa de entrada. Nosso conselho é criar quatro pastas para facilitar o seu dia: aguardando resposta – e-mails que já foram respondidos ou enviados, mas que precisam de resposta para prosseguir; ações não urgentes – e-mails que precisam ser respondido, mas que não precisam de pressa; arquivo – e-mails que já foram respondidos ou que não precisam de resposta, porém devem ser guardados; caixa de entrada – e-mails que devem ser respondidos em um prazo curto.

  • Conte com o imprevisto

Por mais organizado que você seja, os imprevistos podem acontecer e acabar com seu planejamento diário. O ideal é reservar cerca de duas horas para possíveis imprevistos, seja uma reunião que demora mais tempo do que o esperado; um problema com cliente; ou até mesmo queda de energia. Tudo pode acontecer!

  • Compartilhe responsabilidades

Quando o trabalho é realizado em equipe todos precisam se ajudar. Então, compartilhe seu desempenho e prazos com as pessoas que estão envolvidas na mesma tarefa que você. A melhor solução é criar em conjunto um prazo para entrega final de cada projeto, assim todos assumem a responsabilidade.

  • Deixe um tempo vago

Trabalhar sem intervalos é forçar o cérebro a pensar intensamente e isso pode colaborar para deixar sua mente mais confusa. Faça pequenas pausas ao longo do dia, seja para um café, uma conversa com os colegas ou só para um descanso mental.

  • Organize o ambiente

Ambiente desorganizado e improdutividade andam lado a lado. Isso não significa deixar as coisas totalmente alinhadas, sem uma caneta fora do lugar. Mas, organize seus documentos, pastas, agenda. As coisas que você precisa utilizar no dia a dia devem estar organizadas para que sejam encontradas facilmente quando precisar.

  • Saiba dizer não

Por fim, é preciso saber dizer não! Essa é a maior barreira que deve ser ultrapassada para produzir mais em menos tempo.


Texto escrito por Natália Nocelli da Equipe Eu Sem Fronteiras

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]