Saúde Integral Vídeos

Coronavírus – Respire melhor. Dicas da fisioterapeuta Mônica Porto

Mulher em pé, de olhos fechados e expressão tranquila.
123RF/Aleksandr Davydov
Mônica Porto
Escrito por Mônica Porto

Diante dessa pandemia pela qual estamos passando, em que o sistema respiratório é um dos mais prejudicados, precisamos cuidar muito do nosso pulmão.

Nossos pulmões são a nossa árvore interna. São eles que favorecem a nossa troca gasosa do gás carbônico por oxigênio. Os pulmões ficam dentro do nosso gradil costal e para que eles realmente façam o movimento que precisam, de contrair e relaxar, ou seja, de expandir e fechar, eles precisam de grupos musculares auxiliando. E quais são esses grupos musculares?

O principal músculo respiratório, o diafragma, seguido dos intercostais, que ficam entre as costelas e o esterno cleido mastoideu, que fica no nosso pescoço.

Precisamos trabalhar os músculos dos pulmões para que eles possam manter a sua função otimizada e prevenir possíveis complicações. Por isso, vou passar aqui nesse vídeo alguns exercícios.

Esses exercícios que eu vou ensinar para vocês podem ser feitos por qualquer faixa etária, mas é principalmente indicado para quem está na terceira idade, ou seja, 60 anos ou mais.

Cada pessoa precisa fazer dentro do seu ritmo para que não haja cansaço nem sobrecarga. Algumas pessoas, quando fazem os exercícios muito rápido, tendem a ficar tontas, cansadas e até a ter náuseas.

Mulher sentada na cama, em um quarto, com os olhos fechados e as mãos cruzadas sobre o colo.
123RF/Shannon Fagan

Então, os exercícios, para serem eficazes, precisam ser feitos de maneira: lenta, profunda e seguindo um ritmo com intervalo entre cada série. Devem ser feitos três vezes ao dia: manhã, tarde e noite.

O primeiro exercício é bem simples: é apenas inspirar pelo nariz e expirar pela boca, longa e pausadamente. Quando você inspirar, você vai expandir o seu abdômen, encher o seu abdômen e o seu peito e, quando você expirar, vai contrair o seu peito e o seu abdômen para ajudar a expulsar mais o ar. Então, vamos lá, faça o primeiro.

No segundo exercício você vai fazer isso em dois tempos: inspira, inspira – expira, expira – enche, enchem – sopra, sopra.

Você também pode gostar

No terceiro exercício você vai encher, reter, segurar o ar e depois soltar.

Para o quarto exercício, a gente vai usar os braços. Você vai elevar os braços acima da cabeça. Se não conseguir elevar os braços tanto assim, vá até onde você consegue, tudo bem.

Então, enchendo e levantando os braços e ao expirar, ao esvaziar abaixo os braços.

No quinto e último exercício você vai esticar os braços à frente no seu peito. Ao inspirar você vai abrir os braços e ao expirar você vai fechar os braços.

Com esses movimentos simples e em sincronia você mantém o seu pulmão oxigenado, todas as vias abertas e fortalece essa musculatura tão necessária.

Muita saúde para todos!

Sobre o autor

Mônica Porto

Mônica Porto

Fisioterapeuta há quase 40 anos. Mestre e doutora em neuropediatria. Ex-docente de três Universidades no Estado de São Paulo na disciplina de Neuropediatria, com cursos e estágios nos EUA e Europa. Terapeuta complementar e integrativa, com formação em ayurveda, ginecologia natural, aromaterapia, fitoterapia, florais de Bach e da Lua, pós-graduação em uroginecologia e em saúde da mulher, mestre reiki. Facilitadora de Roda de Mulheres. Ministro cursos, palestras e workshops em espaços holísticos e empresas. Foco de trabalho saúde da mulher.

Contato
Email: [email protected]