Nutrição Saúde Integral

Dieta cetogênica

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras
Numa variedade de opções de dietas elaboradas por nutricionistas, a dieta cetogênica surge como uma opção um pouco controversa. Esse tipo de dieta caracteriza-se por ser generosa em gordura e mínima em carboidrato, o que provoca uma mudança expressiva no metabolismo.

Segundo especialistas, em vez de consumir os 30% de gordura indicados na pirâmide alimentar, deve-se, na verdade, ingerir 50% de gordura numa refeição.

Esta dieta é baseada em descobertas recentes de especialistas que indicam que o problema no emagrecimento não está no excesso de gordura, mas sim na economia dela no prato. Isto porque o controle do peso tem mais a ver com a bioquímica do seu organismo, do que com a sua força de vontade.

No corpo, a escassez de fornecimento de carboidrato, leva o fígado a quebrar a gordura, tanto a que se ingere, tanto a que está no corpo, transformando-a em substâncias cetônicas que se tornam componentes de energia molecular. Ou seja, o corpo vai se acostumar a trabalhar com a gordura como fonte de energia.

Para nutricionistas, esta mudança de comportamento pode reduzir os níveis de gordura corporal até 3 vezes mais rápido, favorecendo também o ganho de massa muscular. Mas qual gordura ingerir?

Alguns nutricionistas indicam ingerir a gordura boa e apenas uma quantidade moderada da saturada, como óleos, leite integral e carne gorda. Já outros liberam qualquer tipo de gordura. Agora, as gorduras trans, presentes em bolachas, por exemplo, são proibidas! Além disso, é importante evitar alimentos embutidos, pois têm muito sódio, corantes e conservantes.

dieta cetogênica

Você também pode gostar:

O bacon, por exemplo, é liberado! Mas precisa ser feito de forma artesanal e sem açúcar (presente nas versões industrializadas).

Resumindo: o segredo da dieta cetogênica é consumir mais gordura do que carboidratos e não se preocupar em cortar calorias. Comer bem é uma recomendação de muitos profissionais.

Quando você dá pouco alimento para o seu corpo, ele tende a ter uma ação de “rebote”, estocando gordura para que a sensação de cansaço e fadiga não sejam tão intensas.

Também é preciso ficar atento ao tipo de carboidrato ingerido. Priorize as versões “do bem” com baixo índice glicêmico (IG) que, por isso, evitam picos de insulina que levam o corpo a estocar a gordura. Neste tópico, fuja do arroz e das massas, pães também precisam ser evitados.

Atenção: a dieta cetogênica não é indicada para ser feita por longos períodos! Por isso, se você achar que ela pode te ajudar, primeiro recorra a um médico especializado. São necessários muitos exames para garantir a melhor forma que você pode se alimentar, já que cada corpo reage de uma maneira e precisa de uma quantidade correta de alimentos. Por ser uma dieta restritiva, pode causar deficiências nutricionais no seu organismo, então não se arrisque! Busque o acompanhamento profissional.


Escrito por Gabrielle Carreira da equipe Eu Sem Fronteiras

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]