Autoconhecimento

Identificando um manipulador

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Manipular é o que você faz quando quer que outras pessoas façam o que você quer, mas sem ser verdadeiro com elas. Seja mentindo, fazendo chantagem emocional ou tramando pelas costas dos outros, manipular é um ato não muito bem-visto, porque fere a liberdade de escolha da pessoa manipulada.

Hoje em dia, de certa forma, é até normal encontrarmos pessoas manipuladoras, principalmente na política ou em ambientes corporativos extremamente competitivos. E, como ninguém gosta de perder a liberdade de escolha e perceber que foi manipulado, veja algumas dicas de como identificar um manipulador e como não cair na dele:

Você se sente culpado perto da pessoa

O manipulador pode tentar se fazer de vítima quando acurralado e, dessa forma, você sente culpa em tentar criticar ou falar algo mais duro para a pessoa. Tome cuidado nesses casos para sentir se a pessoa não está somente tentando fugir do diálogo.

Ameaças

Quando faltam argumentos, ameaças diretas ou indiretas podem fazer você se sentir mal. Se a pessoa te ameaçar de alguma forma — como, por exemplo: “Se você não fizer desse jeito você vai se dar mal” —, procure argumentos para mostrar que a opinião dela não faz sentido e isso não vai dar certo com você.

Sarcasmo

O sarcasmo é uma forma de tentar te fazer se sentir mal pelos seus feitos. Você não deve ter vergonha do que faz e, se a pessoa precisa de sarcasmo porque não consegue ter um diálogo sincero e direto, é porque não vale a pena ser ouvida. Aprenda a ignorar esses momentos.

Charme e elogios

Essa é uma estratégia muito utilizada por manipuladores de relacionamentos amorosos. Pode começar com um elogio e uma simpatia despretensiosa, mas com o tempo vira um jogo de manipulação. Tenha confiança nas suas qualidades e não caia na vaidade por elogios, pois assim esse tipo de manipulação não vai funcionar com você.

O “sabe-tudo” conselheiro

Alguns manipuladores colocam a máscara de sábios que têm conselhos para tudo e dizem saber como você deve agir, mas, no fundo, só querem que você faça as coisas do jeito deles. Confie no seu jeito de fazer as coisas. Os melhores conselhos são de pessoas que não ditam a forma como você deve fazer, mas sim o encorajam a tentar tudo do seu jeito.

Mudar de assunto rápido

Uma tática para manipular os sentimentos das pessoas é fazer algum comentário maldoso e logo em seguida mudar de assunto. Por mais que o assunto mude, a pessoa sabe que conseguiu mexer com o sentimento de quem ele queria. Caso isso aconteça com você, não deixe ele fugir do assunto tão fácil. Um diálogo sincero sempre desmascara um manipulador.

Essas dicas são para você saber como lidar com pessoas assim no dia a dia, mas vale a pena ressaltar que todos nós por vezes podemos assumir esse papel sem perceber. Portanto, vigie também o seu comportamento com as pessoas com as quais convive para perceber se não é você essa pessoa manipuladora em algumas situações. Lembre-se: se quer algo de alguém, a sinceridade e a conversa franca sempre são os melhores caminhos.


Texto escrito por Ricardo Sturk da Equipe Eu Sem Fronteiras

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]