Convivendo Saúde Integral

Livro “Eu, herói” e as histórias de quem luta contra o câncer

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

10Quando pensamos em crianças, sempre relacionamos a personalidade delas a muita energia, alegria, sorriso espontâneo, brincadeiras infinitas e um olhar de esperança e confiança pra cada situação. Crianças são sempre pessoinhas com o lado bom em pleno vigor, repletas de sinceridade e com um coração que contagia qualquer um. São extremamente imaginativas e adoram fazer de conta. E se restringirmos um pouco e falarmos apenas de crianças que precisam lidar contra o câncer? Nada muda, acredite!

É este o mote do livro “Eu, herói”: mostrar que as crianças podem ser o que desejarem ser, independente da doença que as acometerem. O livro “Eu, herói” é uma produção da AzulSol Editora e do Click Solidário do Brasil (um grupo de fotógrafos, maquiadores, jornalistas e profissionais diversos, totalmente voluntários para a realização de sonhos), com apoio sociocultural da Pró-Saúde — Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar. Escrita pelo jornalista Ricardo Viveiros e ilustrada com fotos de Kênia Hernandes e Marcel Santana, a publicação conta com as entrevistas de 27 meninas e meninos portadores de câncer e fotos cheias de alegria. Nela, os pequenos vestem a fantasia — física e emocional — de seus heróis favoritos e deixam a imaginação reinar.

Feito de forma totalmente voluntária por diversos profissionais, o “Eu, herói” pretende resgatar a inocência das crianças e mostrar a todos que a esperança faz parte da luta diária destes jovens guerreiros.

As fotos foram feitas na hora em que as crianças se viram prontas, vestidas com a fantasia que escolheram e com maquiagem e cabelo feitos. Os fotógrafos se posicionaram atrás do espelho para que pudessem captar este momento único de surpresa e contentamento. É acima de tudo uma experiência que fez bem para cada um dos envolvidos, desde as personagens do livro até os cerca de 40 profissionais envolvidos entre maquiadores, cabeleireiros e figurinistas.

Lançado em abril, o livro está à venda nas principais livrarias e terá toda sua renda revertida para entidades que cuidam de jovens com câncer. A esperança de todos que enfrentam a luta contra esta doença devastadora está estampada no rosto e nas histórias de pouco mais de 20 jovens e crianças.

Veja um vídeo que reflete mais sobre o projeto:


Escrito por Roberta Lopes da Equipe Eu Sem Fronteiras.

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]