Autoconhecimento Comportamento

Logosofia: conheça a filosofia do auto aperfeiçoamento

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Carlos Bernardo González Pecotche é um argentino que também é conhecido pelo pseudônimo de Raumsol. Ele se tornou conhecido depois de fundar a logosofia, a partir de suas habilidades de escritor, educador, pedagogista e pensador humanista.

A partir dessa doutrina filosófica e ética, Pecotche tinha como objetivo fornecer orientações conceituais e práticas para que as pessoas fossem capazes de desenvolver o autoaperfeiçoamento a partir de um processo de evolução consciente.

A logosofia foi fundada em 1930, com a criação da Fundação Logosófica, na Argentina. Dois anos depois, uma sede foi construída no Uruguai, chegando ao Brasil em 1935. Desde então, as pessoas seguem a logosofia como forma de conhecer mais sobre quem são e de aproveitar ao máximo suas capacidades.

Imagem da transformação e evolução da borboleta.
Direitos autorais : Sutisa Kangvansap

Princípios da logosofia

A logosofia pode ser diferenciada de outras doutrinas filosóficas e de pensamento porque considera que as pessoas são compostas por aspectos psíquicos, mentais e espirituais. É como se, a partir da doutrina, fosse possível obter uma compreensão ampla do ser humano – em seus pensamentos, suas atitudes e suas crenças – e do mundo.

De acordo com a logosofia, os pensamentos das pessoas são conduzidos pela moral de uma pessoa ou de uma sociedade. Elas agem seguindo aquilo que foi determinado para elas, pois são incapazes de se libertar dos padrões e da vontade alheia.

Para que uma pessoa seja capaz de agir e de pensar por si, nesse sentido, precisaria se libertar das influências externas, que sugerem como devem ser os pensamentos, os sentimentos e as palavras.

A vantagem da logosofia é que ela é voltada para o aspecto individual de cada ser. Isso significa que a experiência de cada um com essa doutrina sempre será diferente. É uma constante busca por evolução e pela compreensão de si, a fim de auxiliar o mundo e as outras pessoas.

Os objetivos da logosofia são definidos como: a evolução consciente do indivíduo, o autoconhecimento, a integração entre corpo e espírito, o conhecimento das leis universais e do mundo mental, o desenvolvimento de uma nova vida a partir das próprias capacidades e o domínio das habilidades de estudar, aprender, ensinar, pensar e realizar.

Imagem da evolução das 4 estações do ano refletida na transformação e nas cores da folhagem da árvore.
Direitos autorais : Matic Ã…Â tojs

Como praticar a logosofia?

Depois de conhecer os ensinamentos teóricos da logosofia, está na hora de aprender a praticá-la. É importante ressaltar que, nessa doutrina, é essencial que as pessoas pratiquem os conhecimentos que elas aprendem.

Sendo assim, depois de ler um livro sobre autocuidado, por exemplo, você deve realizar as ações que foram recomendadas pelo livro e que fazem sentido para a sua vida, avaliando o que pode ser aproveitado.

Uma nova individualidade só será construída se as leituras não ficarem presas ao papel. Quanto mais uma pessoa investigar sobre sentimentos, questões do universo e relacionamentos, mais ela terá ensinamentos para colocar em prática.

De acordo com a logosofia, não se deve aplicar absolutamente todos os conceitos que você aprender. O processo é pautado em aprender e avaliar como esses conteúdos te afetam, o que eles provocam em você, como são úteis para a sua vida e qual é a sua identificação com cada um deles.

Dessa forma, a logosofia mostra a importância de descobrir quem somos por meio do aprendizado e da prática de conceitos. Faça investigações sobre sua personalidade, suas qualidades, seus defeitos, suas faculdades mentais, suas emoções e seus pensamentos. Não será um processo rápido ou simples, mas é apenas por meio do autoconhecimento que você será capaz de desenvolver suas potencialidades.

Imagem de várias folhas em seu processo de transformação, mudando de cores (do verde ao amarelo) e de estrutura do liso para uma folha mais seca.
Direitos autorais : PRASAN MAKSAEN

Quais são os benefícios da logosofia?

1) Autoconhecimento

O primeiro benefício da logosofia, que é também um dos seus objetivos, é o autoconhecimento. A partir do momento em que você traz essa doutrina para a sua vida, a possibilidade de conhecer mais sobre suas vontades, seus desejos, suas crenças e sua personalidade estará diante de você.

O autoconhecimento proporcionado pela logosofia partirá de um processo individual por meio do qual você é capaz de definir seus limites e o quanto deseja evoluir. Sempre há algo em que podemos melhorar, ao mesmo tempo em que sempre há uma característica que subestimamos em nós mesmos.

2) Relações interpessoais

Muitas vezes, as nossas relações interpessoais são comprometidas porque frustramos as expectativas das outras pessoas ou porque não somos capazes de identificar o papel de cada um nas nossas vidas. A logosofia, por meio do autoconhecimento e da constante evolução pessoal e espiritual, permite que um indivíduo mantenha ao seu lado as pessoas que o fazem sentir-se bem e que auxiliarão seu processo de amadurecimento.

As relações interpessoais podem melhorar se tivermos consciência do que podemos fazer por nós e pelos outros. Auxiliar outras pessoas a evoluir é essencial nesse processo. Você saberá o que fazer quando tentarem te reduzir a algo que você não é e agradecerá quando alguém te conhecer tão bem quanto você se conhecerá.

3) Compreensão do mundo

A logosofia estimula a compreensão de si e do mundo tanto físico quanto espiritual. A partir dos seus estudos, você será apresentada(o) a diferentes perspectivas sobre a realidade, analisando aquela que mais se assemelha às suas crenças.

O primeiro e mais importante passo é se abrir para esse tipo de aprendizado, desenvolvendo a sua capacidade de questionar o mundo e se aprofundando nas questões humanas. Com esse processo, você não encontrará dificuldades para compreender melhor a realidade que te cerca.

Imagem de uma linda borboleta nas cores branca, marrom e amarela pousada em uma flor amarela e laranja.
Direitos autorais : szefei

4) Processo de evolução constante

A logosofia não pode ser entendida como algo para realizar em um momento da vida. A doutrina tem como objetivo a evolução constante do ser, devendo acompanhar toda a existência dele. Mesmo quando você acreditar que já aprendeu tudo que existia para aprender será possível estudar mais.

Continue colocando em prática os conceitos que você aprende mesmo quando sentir que já sabe tudo. Você vai perceber que novas questões irão surgir e que talvez você ainda não sabe como lidar com elas. Seja mais, evolua e amadureça a cada dia.

5) Sensação de liberdade

A sensação de liberdade proveniente da doutrina logosófica pode ser identificada na consciência que cada pessoa terá sobre as próprias atitudes. Uma vez que você se torna responsável pelas suas ações e compreende seus pensamentos, seus sentimentos e suas emoções, sente mais liberdade para agir, para falar e para ser quem você é.

Você também pode gostar

A liberdade dos seres só pode ser alcançada por um processo de estudo e pela prática das questões que dizem respeito ao indivíduo. Assuma uma posição no mundo, abra-se para o conhecimento e compreenda como é possível aproveitar as suas melhores qualidades.

Agora que você já conhece todas as características da logosofia está na hora de colocar os conceitos em prática. Busque o seu aperfeiçoamento sempre, nas mais variadas situações, e perceba as mudanças que irão acontecer na sua vida!

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]