Convivendo

Escutar música clássica pode ser um poderoso meio de nutrir a alma com felicidade

música clássica
Verônica Chagas
Escrito por Verônica Chagas
Beber de doses diárias de música clássica pode mudar a sua vida?  Eu digo que sim, mas o que a ciência fala?

Teve um estudo divulgado na Finlândia por cientistas da Universidade de Helsinque, que se escutamos com frequência música clássica, ela ajuda a ativar os genes associados à função cerebral e a prevenir as doenças na degeneração do cérebro.

Os investigadores queriam estabelecer as alterações genéticas que a música clássica causa, foi examinado o sangue de um grupo de 48 pessoas antes e depois de escutarem o Concerto para Violino número 3, de Mozart.

música clássica

O professor Chakravarthi Kanduri conclui ressaltando que escutar música clássica com frequência aumenta a atividade dos genes envolvidos na secreção de dopamina e nos neurotransmissores, que por meio dessas trocas eletroquímicas entre neurônios é que o cérebro analisa e transmite toda a informação necessária para uma perfeita funcionalidade do organismo, ajudando na aprendizagem e na memória.

Todos esses efeitos combinados são uma bela ajuda contra a depressão e a ansiedade.

Segundo os cientistas, a música clássica ajuda também a tornar menos ativos os genes envolvidos na degeneração do cérebro e do sistema imunológico, o que reduz o risco de contrair doenças neurodegenerativas, como o Mal de Parkinson ou a demência senil e a epilepsia.

Isso não quer dizer que somente a música clássica é, sobretudo, algo que se deva colocar como grandioso, existem músicas que também nos fazem tão bem, que nos atingem tão profundamente quanto a música clássica ou erudita.

Devemos avaliar melhor e se estamos precisando de um up para as atividades, por que não ouvir músicas com um encanto e belas por si só?

música clássica

As músicas de Mozart ganharam fama depois desse estudo, mas devemos sempre avaliar o que é bom para a nossa saúde mental. Meditação e mantras também causam grandes equilíbrios para o nosso corpo e mente.

Nós somos seres que sempre fomos dotados com a música, ela sempre fez parte de nossas vidas, desde os tempos mais remotos na época de evolução, que evoluímos como humanos ao nos reunir ao redor da fogueira depois de um dia longo de caça e coleta para contar histórias com músicas e cantar.

Isso que dá o verdadeiro sentido ao mundo, os sons, percebemos eles na mais simples gota que cai do céu no chão, até a força das águas em uma cachoeira linda e intensa.

No canto dos pássaros, no suave bater das ondas do mar, no barulho do vento quando estamos andando de bicicleta, ou correndo, e em um lindo som de uma pessoa ao cantar.

Talvez não faça parte de sua rotina, mas tente começar.
Aqui abaixo estão algumas músicas que acredito que podem dar sentido para você começar com esses novos hábitos, são músicas mais modernas com o toque das antigas e belas músicas clássicas e os irresistíveis desenhos animados que fizeram parte de minha infância, que, com certeza, contribuíram para que eu gostasse de música clássica.

Pica-Pau, Tom e Jerry e muitos outros desenhos estavam recheados delas.

 

E aos que dizem que música clássica não é legal, deixo os meus carinhosos gifs abaixo, hehehhe, só para descontrair! 🙂

música clássica música clássica música clássica

Muito obrigada a todos! Agradeço ao mundo e a vocês, leitores, um ótimo dia para vocês! ☺

Fonte: https://www.eurekalert.org/pub_releases/2015-03/uoh-ltc031315.php

Sobre o autor

Verônica Chagas

Verônica Chagas

Sou libriana, amo arte desde que nasci, e vivo para me inspirar nesse caminho.

Teatro, cinema, fotografia e música, tudo que envolve estar de corpo e alma é o que me motiva a continuar. Tenho experiência como designer gráfico e sou praticante de meditação.

Atualmente estou com um projeto do sagrado feminino, que visa a cura interior da mulher, chamado Círculo Lunar. Convido a todas que entrarem no Instagram a acompanhar nossos posts e fazer parte dessa fraternidade!

Sou muito curiosa com coisas relacionadas ao bem-estar físico, mental e espiritual. Estar aberta ao mundo e à sensibilidade do ser humano me encanta.

Também gosto de uma dose de bom humor e isso fica bem nítido nos meus posts e na minha vida, :) Gosto muito de pessoas que emanam essa vibe positiva.

Tenho formação em artes visuais e também cursei Meta Practitioner em PNL, coach para líderes e reiki.

Tenho muita gratidão à mãe Natureza e ao pai divino do Universo.

Gratidão a meu amado Andry, a meus pais, aos amigos, aos leitores e a todos do portal Eu sem Fronteiras.

Um abraço a todos vocês deste mundo tão iluminado e feliz.

E-mail: [email protected]
Behance: veronicaamoramar
Instagram: @veronicaamoramar @circulolunarfeminino
@amoramarstudio