Convivendo

Não crie filhos mimados

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

A forma de educar as crianças mudou de alguns anos pra cá. A rigidez que era muito comum décadas atrás, hoje já não é algo que faz parte da rotina de pais que educam seus filhos. Claro que os modelos adotados em uma rigidez extrema não faziam e não fazem bem ao seu filho, mas hoje o que muitos especialistas estão preocupados é com os filhos mimados que provavelmente se tornam adultos com muitos problemas.

Mas por que os pais estão criando filhos mimados? Como saber se o seu filho é mimado? E como conseguir educar hoje com tantos desafios? Ver uma criança se esperneando, chorando e implorando tudo para os seus pais e eles apenas aceitaram é uma cena comum por aí. Mas o que os próprios pais não sabem é que eles estão piorando essa situação.

Limites são necessários

Seu filho não vai deixar de amá-lo se você colocar limites. Saber dizer não, explicar que não dá é muito importante na educação das crianças. O limite precisa existir na educação de seus filhos. Crianças que não têm limite acabam abusando de toda a paciência dos pais e se tornam mimadas.

Muitos pais tiveram uma infância complicada. E depois que se tornaram pais, acreditam que uma forma de recompensar o que não tiveram é fazer todas as vontades dos filhos. Aí está o erro. Você não deve criar uma ilusão em seu filho e ele achar que a vida é fácil. É preciso dizer e nem sempre fazer as suas vontades.

Não se culpe

Muitos pais se sentem culpados em dizer não aos filhos e vê-los chorando.  Mas eles precisam senti-los firmes e coerentes em suas ações, do contrário os filhos acabam acreditando que podem fazer o que bem entenderem com os pais.

Crianças mimadas serão adolescentes revoltados e adultos cheios de problemas. Essa é a tendência. Seu filho não vai mudar de uma hora pra outra, principalmente depois que ele acha que pode fazer tudo. Na hora de educar e de dizer não é preciso pensar no futuro.

Hoje é possível ver que os filhos não respeitam seus pais. E a culpa não é das crianças é dos pais. E eles precisam aceitar isso. Muitos pais colocam a culpa nos avós, nos amigos, na escola como uma forma de se livrar da culpa do comportamento de seu filho. Mas eles precisam saber que são eles os responsáveis pela educação dos menores.

Educar: um desafio

Educar é um desafio. Não é tarefa fácil. Exige tempo, paciência e dedicação. Mas é preferível regar e podar a árvore (filho) quando pequena, porque depois de grande fica difícil, pois a única forma é cortando a árvore. Compreenderam a metáfora?

Ao mesmo tempo que é um desafio é também um aprendizado para os pais que podem reavaliar formas de comportamento, o que querem da vida e o que de importante devem passar para os filhos. A primeira coisa é que os pais devem assumir sim que estão mimando seus filhos. Não podemos ficar colocando a culpa no sistema, quando nós mesmos estamos contribuindo com ele. Vale a reflexão!


  • Texto escrito por Angélica Fabiane Weise da Equipe Eu Sem Fronteiras.

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]