Autoconhecimento Coaching

Nunca dizer Sempre!

Diego Trambaioli
Escrito por Diego Trambaioli

Quantas vezes na vida você já falou as poderosas palavrinhas “nunca” e “sempre”?

Quantas vezes disse “Nunca dá certo comigo”, “Meus relacionamentos acabam sempre mal”, “Nunca consigo ter tempo suficiente para mim”, “Qualquer coisa que possa dar errado sempre vai dar errado”, etc.?

Várias vezes, não é verdade? Pois saiba que essas duas palavras de cinco letras, no sentido negativo, têm o poder inestimável de poluir sua mente, são sentencias de condenação que acabam com sua autoestima, ainda mais quando você mesmo as pronuncia.

O “nunca” e o “sempre” transformam uma situação momentânea e gerenciável em uma crença absoluta e imutável e o pior de tudo é que seu cérebro acredita nisso e te condenando “para sempre”; qualquer coisa que você pensar, dizer ou fazer nunca será boa o suficiente e isto vai valer para sempre.

Parece louco se prejudicar tanto, mas a notícia boa é que você pode sair dessa situação de forma bem simples.

Vamos ver como podemos reverter a situação?

O que acha de começar a trocar os advérbios sempre (quando falo com ele é sempre um fracasso) e nunca (nunca consigo assistir um jogo em paz) por outras palavras mais especificas e suaves que possam estabelecer um limite espacial ou temporal? Garanto que sua autoestima e seu cérebro irão agradecer bastante.

Se você falasse ou pensasse: “Hoje quando falei com ele, não alcancei o resultado esperado” ou “Agora não consigo assistir ao jogo como queria” transformaria uma sentença definitiva e constante em um fato determinado e específico.

O que você ganha com isso?  

Simplesmente a possibilidade de mudar a situação. Se hoje ficou claro que falando com ele não alcançou o resultado esperado, talvez amanhã, mudando de estratégia você irá conseguir ou se agora não consegue assistir ao jogo como queria, talvez com um planejamento diferente você irá conseguir assistir o próximo exatamente como deseja.

Albert Einstein dizia Se você faz sempre a mesma coisa obterá sempre o mesmo resultado” e isto é um fato comprovado, portanto te proponho um desafio para os próximos 30 dias: elimine do seu vocabulário as palavras sempre e nunca, seja específico e concreto, coloque o foco nas causas e simplesmente observe os sintomas. O erro mais comum que pode ser feito é trocar causas por sintomas e por isso muitas vezes acabamos dizendo “Nunca dá certo comigo”.

O que te custa mudar por 30 dias? O pior que pode acontecer é que não aconteça nada, mas se algo acontecer sua vida vai mudar para sempre!

shutterstock_172673210Sei que está pensando que quando você fala sempre e nunca nem sempre quer dizer sempre ou nunca, ou seja, é somente alguma vez: nem “Seeeempre” e nem “Nuuuuunca”, portanto comece a colocar as palavras certas no lugar certo porque isto depende de você.

Antes de me despedir tenho uma última pergunta: você irá se “policiar” ou se “controlar”?

Parabéns! Eu sabia que iria acertar! Então comece agora e controle suas palavras porque a maior mudança vem de dentro para fora e eu tenho certeza que nos próximos 30 dias você mesmo irá se surpreender positivamente.

Aguardo suas notícias e me escreva aqui embaixo, o que sentiu e o que aconteceu se dando a oportunidade de mudar, melhorar e reverter situações desafiadoras simplesmente eliminando dois advérbios do seu vocabulário.

Sobre o autor

Diego Trambaioli

Diego Trambaioli

Licenciado em Ciências Políticas e Relações Internacionais na Universidade de Turim (Itália) possui o Master em Jornalismo esportivo obtido no Ateneo Formass de Milão (Itália). Master Coach Internacional formado na Escuela Europea de Coaching (EEC) associada com a International Coaching Federation (ICF) e na Sociedade Brasileira de Coaching (SBC) associada com a Association for Coaching (AC), Worldwide Association for Coaching (WABC), Institute of Coaching (IOC) É certificado em PNL pela Sociedade Brasileira de Programação Neurolinguistica (SBPNL). Tem 15 anos de experiência na área de Relações Públicas no Club Mediterranée Europe (Itália, Espanha, França e Martinica) e Road Manager na organização de eventos musicais (Malamusik Itália). Desde 2008 atua como Palestrante e Coach Pessoal e de Carreira com foco no desenvolvimento humano, realização de objetivos e melhoria continua da performance palestrando e atendendo no Brasil e na Itália.

Telefone: (11) 2269-3452 | 94545-9856
E-mail: [email protected]
Blog: www.diegotrambaioli.com
LinkedIN: Diego Trambaioli

Facebook: Diego Trambaioli
Twitter: www.twitter.com/diegotrambaioli