Nutrição

O que você acha de incluir o ovo na sua alimentação?

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras
Considerado, há algum tempo, o vilão do colesterol, hoje o ovo ganhou destaque na alimentação saudável. Este alimento, rico em proteínas e nutrientes como ferro, zinco, fósforo e potássio, ocupa atualmente um lugar de destaque no cardápio, inclusive de atletas de alto desempenho.

Por ter uma concentração baixa de gorduras saturadas, o volume de colesterol presente nos ovos não é suficiente para causar alterações malignas ao corpo humano. Para um indivíduo saudável, uma pesquisa feita pela Escola de Saúde Pública de Harvard, nos EUA, indica o consumo de até 7 ovos por semana. Nos casos de quem tem colesterol alto, o número diminui para três unidades semanais. Mas, mesmo assim, não deve deixar de ser consumido.  

Além dos benefícios à saúde, o ovo de galinha, pato e codorna é um alimento barato e muito versátil, que pode ser consumido cozido, escalfado (colocados inteiros, sem casca, numa panela de água quente, até cozerem por fora, deixado a gema líquida) ou até mexido.

A seguir, vamos explicar melhor algumas características desse alimento para que você possa aproveitar cada um dos benefícios a seu favor, melhorando seu rendimento muscular e até dando uma força na dieta.

O ovo é uma ótima fonte nutricional

Como você já deve ter percebido, o que não falta no ovo são características positivas. E, uma das maiores e mais importantes é a grande diversidade e quantidade de nutrientes presentes, tanto na gema, quanto na clara do ovo. Esse, na verdade, é um dos pouquíssimos alimentos que contém proteínas completas, com proporções adequadas dos nove aminoácidos essenciais ao nosso organismo.

Na clara está a maior parte das proteínas, enquanto na gema podemos encontrar as gorduras e oxidantes. Além disso, todas as partes também são ricas em vitamina A, B, D e E, e em minerais como o cálcio, o ferro, o potássio, o magnésio, o zinco e o enxofre.

Pode ajuda na prevenção contra algumas doenças

Por conta de sua grande variedade de vitaminas e nutrientes, o ovo contém algumas substâncias importantes para prevenir e tratar doenças muito comuns. Inclusive, sua alta concentração de substâncias nutritivas ajuda no desenvolvimento da imunidade.

Por conta do selênio e dos oxidantes, o ovo pode ser útil na prevenção de cânceres e até no retardo do envelhecimento precoce.

Devido ao ferro, o ovo também é um bom aliado para eliminar tonturas e para prevenir o organismo contra anemias. Este nutriente ainda atua de forma muito eficiente para ajudar no transporte de oxigênio pelo sangue.

É um bom aliado da dieta

Mais um dos diversos pontos positivos do consumo do ovo é o fato de ele ser um alimento que colabora com a perda de peso. Isso acontece por conta da proteína de boa qualidade que forma os ovos, saciando e nutrindo sem que um número alto de calorias precise ser ingerido. Vale lembrar que, no total, um ovo tem apenas 70 calorias.

Se comido no café da manhã, por exemplo, os ovos – que podem ser preparados de diversas formas – contribui para que você se sinta saciado por bastante tempo, reduzindo a compulsão e a fome desmedidas ao longo do dia. Essa sensação ocorre, principalmente, por conta da digestão lenta desse alimento.

Ajuda a ganhar massa muscular

Além de ser uma fonte completa de proteína, os ovos possuem um aminoácido chamado leucina, que é encontrado na proteína da clara. Essa substância é usada por nosso corpo para sintetizar as proteínas musculares, atuando como fonte de energia na hora que estamos em movimento.

Como não é produzido pelo nosso organismo, a ingestão desse aminoácido é muito importante se a ideia é fortalecer o corpo e ganhar massa magra. Para isso, o consumo pode ser feito em quantidades menores da gema do que da clara do ovo, mas nunca excluindo completamente a gema da dieta, pois ela possui a maior parte dos minerais e nutrientes desse alimento.

Ajuda no crescimento dos cabelos

Por serem ricos em aminoácidos, os ovos são capazes de dar mais saúde e brilho aos fios capilares e também de favorecer o crescimento dos cabelos. Os minerais presentes na gema do ovo, como zinco, ferro e selênio também atuam positivamente para melhorar a qualidade dos fios.

Além disso, para quem procura um tratamento natural de condicionamento do couro cabeludo, a gema do ovo pode ser aplicada diretamente nos fios danificados.

A proteína desse alimento é uma ótima fonte de restauração, diminuindo consideravelmente o frizz e o ressecamento.

Pode melhorar a eficiência cerebral

Por conta de uma substância chamada colina, um tipo de neurotransmissor que ajuda no desenvolvimento das funções cognitivas, o ovo é um forte aliado de quem deseja nutrir e favorecer as funções celulares com a alimentação. A colina fica concentrada na gema, onde também existe uma boa quantidade de folatos, que por sua vez atuam na eficiência das células nervosas em atividade cerebral.

Já a presença da Vitamina B12 e das substâncias oxidantes, como as vitaminas A, D, E e K, selênio, magnésio, zinco, cálcio e ferro, ajudam no isolamento das fibras nervosas, prevenindo contra problemas no tubo neural, e podem reduzir o risco de doenças crônicas.

Ajuda no fortalecimento dos ossos

Eu acredito que este benefício do ovo você não conhecia, mas ele é um alimento com propriedades que podem trazer benefícios aos ossos do corpo humano. Por conta dos altos índices de vitamina D, o ovo favorece a absorção de cálcio pelo nosso organismo. Além disso, ele ainda contém uma grande quantidade do próprio cálcio e de fósforo, o que ajuda bastante no controle da osteoporose. Essas vitaminas e minerais ainda trabalham em conjunto com nosso organismo para aumentar a densidade óssea. Quem diria, não é?

Traz benefícios para os olhos e a visão

Para beneficiar a saúde dos olhos, podemos contar com a presença dos carotenoides nos ovos. Estes são compostos químicos que ajudam bastante na prevenção de doenças causadas pelo envelhecimento, como a degeneração macular e a catarata.

Os carotenoides ainda contêm oxidantes potentes para proteger os olhos dos raios ultravioletas, extremamente prejudiciais à visão.


Escrito por Laís Mori da Equipe Eu Sem Fronteiras

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]