Homeopatia Saúde Integral

O que você precisa saber sobre homeopatia para crianças?

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras
A

 homeopatia é uma forma de medicina alternativa que tem conquistado cada vez mais adeptos no Brasil, principalmente para o tratamento de crianças, já que os compostos utilizados nesta medicina costumam ser mais brandos e menos invasivos, diminuindo o risco de efeitos colaterais e reações adversas.

Caso você esteja em dúvida sobre iniciar o tratamento homeopático em seu filho, confira abaixo algumas dicas sobre o assunto e tome a melhor decisão

– Como funciona

A homeopatia tem como princípio similia similibus curantur (semelhante pelo semelhante se cura), o que indica que o tratamento acontece a partir da diluição e dinamização da mesma substância que produz o sintoma num indivíduo saudável. A alopatia costuma cuidar das doenças, enquanto que a homeopatia trata o paciente. Por isso, dificilmente um remédio servirá para duas pessoas diferentes com os mesmos problemas. O ideal é que sempre se procure um médico especialista e faça uma consulta individualizada para que ele elabore um medicamento exclusivo de acordo com a sua necessidade.

Vidro com remédio sendo colocado em uma pedra

– Eficácia

Muitos ainda contestam a eficácia da homeopatia, mas diversos estudos científicos atestam sua eficácia, além de muitos pacientes, ao se tornarem adeptos da homeopatia, virarem defensores ferrenhos desta prática. Hoje a homeopatia é, inclusive, reconhecida pela Associação Médica Brasileira e pelo Conselho Federal de Medicina.

– Medicamentos

Os medicamentos podem ser administrados através de solução alcoólica, glóbulos brancos açucarados ou em creme e pomada, dependendo da prescrição médica. A opção de ser feito tratamento exclusivamente homeopático ou em conjunto com alguns remédios alopáticos será feita a partir da decisão do médico em conjunto com o paciente, ou no caso, os pais do paciente.

– Acompanhamento

Assim como no tratamento alopático, a homeopatia também requer consultas periódicas para acompanhamento da criança. No caso da homeopatia, como muitos remédios são usados por períodos extensos, este acompanhamento se faz ainda mais necessário. A homeopatia é capaz de tratar sintomas vistos como corriqueiros pela alopatia, como nervosismo, ansiedade ou mesmo compulsão por doces. Sendo assim, visitas periódicas serão necessárias.

Você também pode gostar

– Primeiros socorros

A automedicação deve ser evitada ao extremo por todos, principalmente por crianças. No entanto, remédios básicos para uma maleta de primeiros socorros em casos de emergências, viagens ou em quaisquer circunstâncias em que o contato com o médico não seja possível, pode ser montada de acordo com indicação do médico durante consulta.


Escrito por Ricardo Sturk da equipe Eu Sem Fronteiras

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]