Saúde Integral

8 hábitos diários que podem estar te dando enxaqueca

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras
De acordo com dados da Sociedade Brasileira de Cefaleia, 30 milhões de brasileiros sofrem com as dores da enxaqueca. Mais agressiva que as dores de cabeça, pessoas com este quadro podem apresentar sintomas como náuseas, vômitos, fotossensibilidade, aversão a cheiros, irritabilidade e visão embaçada.

Apesar da necessidade de tratamento e acompanhamento médico para diminuir a incidência de crises, algumas mudanças na sua rotina também podem ajudar. Pensando nisso, elaboramos uma lista de hábitos que pessoas que sofrem com dores de cabeça devem considerar abolir da sua vida.

1 – Estresse

Situações de estresse e ansiedade podem desencadear crises de enxaqueca, porém entendemos que nem sempre podemos evitá-las. Logo, a dica aqui é não se render, procure por ajuda profissional para não se deixar afetar nesses momentos ou, até mesmo, métodos alternativos como a acupuntura.

2 – Má alimentação

É claro que isso pode variar entre cada paciente, mas alguns alimentos são considerados vilões por alguns especialistas. Neurologistas aconselham que seja evitado o consumo de café, chocolate, alimentos cítricos, aspartame, alimentos muito condimentados, leite e seus derivados.

O problema é que estes alimentos alteram a liberação de enzimas e diminuem o nível de serotonina no seu cérebro, hormônio diretamente ligado às dores de cabeça. Também é recomendável evitar muitas frituras e doces, além de não ficar muito tempo sem comer.

Cigarros

3 – Cigarro

O cigarro causa uma série de males para a saúde e também pode estar relacionado à maior frequência das suas crises de enxaqueca. A nicotina, substância presente nos cigarros, altera a circulação sanguínea e enrijece os vasos, o que pode provocar um caso de cefaleia mais forte, sendo mais um dos muitos motivos para que você desista de uma vez do hábito de fumar.

4 – Sedentarismo

Pessoas que têm enxaqueca tendem a ter uma produção de serotonina muita baixa, mas existe uma maneira muito simples de reverter este problema: prática de exercícios físicos. Porém, se você leva um estilo de vida sedentário, além de estar propenso a problemas como a obesidade e hipertensão, também estará mais suscetível às terríveis dores de cabeça.

5 – Consumo de bebidas alcoólicas

O consumo de bebidas alcoólicas causa dilatação dos vasos sanguíneos por todo o corpo e, sendo a enxaqueca a contração e dilatação dos vasos, isso pode acentuar ainda mais as suas crises. Por isso, se você sofre com este problema, evite beber com frequência e preze sempre pela moderação.

6 – Falta de sono

Manter uma rotina é muito importante para você que sofre com dores de cabeça. Pouco sono pode desencadear uma crise, contudo, sono em excesso também pode fazer mal. Por isso, busque sempre o equilíbrio para se manter saudável e livre de dores.

Remédios

7 – Automedicação

Cuidado com o consumo desenfreado de analgésicos ao menor sinal de dor, pois isso pode tornar as suas crises de cefaleia cada vez mais resistentes à medicação. Por isso, procure sempre por acompanhamento para iniciar um tratamento adequado. Apenas um profissional pode receitar o melhor tipo de medicação e indicar a frequência que ela deve ser ingerida.

Existem profissionais especializados nestes casos, atendendo em clínicas particulares ou através de planos de saúde como a SulAmérica Saúde, Amil, Bradesco e muitas outras.

8 – Má postura

Manter uma boa postura pode te ajudar a reduzir as dores de cabeça, além de evitar problemas de coluna. Trabalhar em uma cadeira confortável e com o computador na altura dos olhos ajuda a evitar o que os especialistas classificam como cefaleia de tensão.

A tensão nos músculos na parte de trás do pescoço ou no couro cabeludo podem ocasionar uma dor difusa, como se uma faixa estivesse apertando a cabeça. Além da má postura, também pode ser causada pela ansiedade, cansaço ou exercícios em excesso.

A enxaqueca, assim como outros problemas de saúde, pode ser minimizada ou até mesmo evitada com algumas mudanças simples nos seus hábitos diários. Você pode estar abrindo mão de algo, mas é um preço muito baixo a se pagar para ter uma melhor qualidade de vida.

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]