Xamanismo

Oração do Xamanismo: A poderosa oração ao grande espírito

Incensos usados em rituais xamanísticos em cima de uma mesa.
Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Xamanismo é o nome atribuído ao conjunto de conhecimentos e crenças ancestrais e tradicionais de diferentes partes do mundo. O que prevalece nessa forma de pensar é o contato de cada pessoa com a própria espiritualidade. Para que a prática do Xamanismo seja eficiente, portanto, a pessoa precisa acreditar no poder de si mesma e no poder da espiritualidade de promover mudanças no mundo.

Uma das orações que podem ser reproduzidas para entrar em contato com o mundo espiritual é a Oração do Xamanismo. O objetivo dessa oração é transmitir a quem a profere a compreensão de que a vida humana é frágil e está submetida a um poder maior e superior, ligado ao mundo espiritual. Para saudar a existência de forças acima das questões mundanas, foi escrita a oração:

Mulher xamam em vestes de ritual com um falcão no seu ombro

“Oh! Grande Espírito do Norte, que dá asas às águias do ar e rola a grossa tempestade de neve antes de Ti. Tu, que cobres a Terra com um brilhante tapete de cristal, principalmente onde a profunda tranquilidade de cada som é maravilhosa. Tempera-nos com a força para permanecermos como parte da nevasca; sim, faça-nos agradecidos pela beleza que flui e se aprofunda sobre a quente Terra em seu despertar. 
Oh! Grande Espírito do Leste, a Terra do Sol Nascente. Tu que seguras em Tua mão direita os anos de nossas vidas e em Tua mão esquerda as oportunidades de cada dia. Sustenta-nos para que não esqueçamos nossas oportunidades, nem percamos em preguiça as esperanças de cada dia e as esperanças de todos os anos 
Oh! Grande Espírito do Sul, cujo quente hálito de compaixão derrete o gelo que circunda nossos corações, cuja fragrância fala de distantes dias de primaveras e verões, dissolve nossos medos, transmuta nossas aversões, acenda nosso amor em chamas de verdade e existentes realidades. Ensina-nos que aquele que é forte é também gentil; que aquele que é sábio tempera justiça com piedade; e aquele que é um verdadeiro guerreiro combina coragem com compaixão. 
Oh! Grande Espírito do Oeste, a Terra do Sol poente, com Tuas elevadas e livres montanhas, profundas e extensas pradarias, abençoam-nos com a sabedoria da paz que segue a contenção e a liberdade de quem vive como túnica flutuante nas asas da vida bem – disciplinada. Ensina-nos que o fim é melhor que o começo e que o pôr do sol não glorifica nada em vão. 
Oh! Grande Espírito dos Céus, em dias de infinito azul e misturado às infindáveis estrelas da noite de cada estação, lembra-nos o quanto és imenso e bonito e majestoso além de todo o nosso conhecimento ou saber, mas que também não estás tão longe de nós, quanto o mais alto de nossas cabeças ou o mais baixo de nossos olhos. 
Oh! Grande Espírito da Mãe Terra sob nossos pés; Mestra dos metais; Germinadora das sementes e Celeiro de ocultos recursos da Terra, ajuda-nos a dar graças incessantemente pela Tua presente generosidade. 
Oh! Grande Espírito de nossas almas, que ardes há tempos em nossos corações e em nossas profundas aspirações, fala-nos agora e sempre de tudo que precisamos saber sobre a grandeza e bondade de Teus presentes para a vida, para sermos orgulhosos do inestimável privilégio de viver.” 


Você também pode gostar de outros artigos do autor: As Pedras Amuleto da Sorte

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]