Convivendo

Otimismo

Papel cortado em forma de um rosto feliz.
Carlos Pompeu
Escrito por Carlos Pompeu

A disposição para encarar as coisas pelo lado bom da vida, isso se chama otimismo. É crer, ter fé, ter confiança que tudo de bom vai acontecer; é acreditar em seu próprio valor, em suas virtudes.

Ter otimismo é esperar, confiar, em um desfecho favorável, mesmo em situações difíceis, é esperar e contar sempre com o melhor possível. Isso é otimizar. Seja uma pessoa cheia de esperança, isso faz bem para todo mundo; tenha atitudes positivas, seja confiante, esbanje animação.

Mulher sorrindo.

Uma pessoa entusiasmada tem o espírito da alegria, acredita que tudo pode e deve; e vai dar sempre certo. Acima de tudo, que coisas boas vão acontecer. É ter fé no futuro, é saber que vai vencer, sob todas as condições a vitória será conquistada; que vai ser contente, feliz, repleto de prosperidade, ser afortunado, abençoado, agradecido pelas bênçãos que recebe da vida.

Tenha a gratidão como parceira, agradeça sempre, não se canse de dizer muito obrigado; isso faz um bem danado, recarrega as energias; ser otimista é crer que tudo na vida vai ser algo positivo; é dizer com um sorriso no rosto que tudo será magnífico, excelente; que tudo será bom com a gente, assim do nada, sem explicação; como mágica, de repente a gente sorri e é feliz.

Você também pode gostar

Muito bom mesmo é otimizar as emoções, de natureza saudável, deixar os bons sentimentos fluírem, de nossa alma, do nosso espírito da vida humana, a nossa natureza moral e emocional, as flores do nosso ser, que desabrocham; levando VIDA para todos por meio de um simples sorriso.

Diga para você mesmo: Sou feliz agora, é isso que importa. Diga a si mesmo, eu tenho; repita, eu tenho FÉ, mais uma vez; eu tenho na vida, e no futuro; confiança absoluta, como o amor incondicional.

Porque felicidade é ter satisfação nas pequenas coisas, é comemorar toda conquista, por menor que aparente ser, é cultivar a alegria de viver, ter contentamento, bom êxito, sucesso, glórias e vitórias, além de esbanjar entusiasmo.

A pessoa otimista está cheia de amor para com os outros, repleta de afeição, afeto, autoestima, de zelo, com muita animação. Ser otimista é tudo isso e muito mais, é ter e jogar no time da esperança, comungar do bom senso, é sempre esperar o mais agradável do que está por vir.

Sobre o autor

Carlos Pompeu

Carlos Pompeu

Carlos Pompeu, 46 anos, bacharel em Direito e formação em Letras, tendo sido redator publicitário e colunista em jornais e revistas, escreve em blogues, sobre entretenimento e cultura, na internet, sendo autor de livros virtuais de ficção, no qual adota o pseudônimo Boris de Pedra. Começou, ainda nos anos 1990, com esse nome artístico,”Boris”, em uma banda de Rock, na qual tocava baixo e cantava, além de compor as músicas e letras.

Já no século XXI, migrou para a Literatura, não tendo ainda nenhuma publicação, mas com a esperança de ter sua obra editada. No entanto, sabe que essa possibilidade encontra-se na formatação de um público leitor, o que vem fazendo, escrevendo na internet.

Atualmente tem suas atenções voltadas para a Terapia Holística, sendo sua especialidade o Reiki, com a graduação Nível III, o que o inspirou a escrever textos com a temática esotérica, que abordam a espiritualidade, pensamentos positivos e a autossugestão mental.

E-mail: [email protected]
Site: tecnocibernetico.wordpress.com/