Saúde da Mulher Saúde Integral

Outubro Rosa e a Saúde da Mulher

Pessoa segurando uma flor rosa
Min An/Pexels
Luis Lemos
Escrito por Luis Lemos

“Outubro Rosa” é uma campanha de conscientização que tem como objetivo principal alertar as mulheres e a sociedade sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de mama.

Esse movimento nasceu na década de 90, nos Estados Unidos, para estimular a participação da população feminina no controle do câncer de mama. A data é celebrada anualmente e vem ganhando cada vez mais apoio da sociedade, de celebridades e anônimos, pelo mundo inteiro.

Como geradora da vida, a mulher merece todo o cuidado, carinho e atenção. Desse modo, ela precisa ser respeitada, valorizada. E o governo deve propiciar meios e recursos para que ela cuide da saúde, da beleza, da vida… E assim ela possa ter uma vida feliz, plena, realizada.

No coração de cada mulher reside o mais belo tesouro: o amor à vida. Sendo assim, devemos nos empenhar em cuidar da saúde da mulher. Não podemos admitir que as mulheres sejam jogadas à própria sorte, sem assistência médica e muito menos sem serem atendidas em suas dificuldades.

Mulher sorrindo deitada em um gramado com pétalas
Daniel Xavier/Pexels

Pesquisas apontam que o câncer de mama é o que mais mata no mundo e o Brasil é o 5º país que mais perde mulheres para essa doença. Daí a importância do diagnóstico precoce. Quanto mais cedo a mulher descobre que tem essa maldita doença, mais chance ela tem de ficar curada.

Contudo, sabemos das reais condições de saúde do nosso povo. Infelizmente hospitais e postos de saúde do país não dispõem de profissionais e medicamentos básicos para o atendimento da população. Por essa razão, toda mulher merece ter o melhor plano de saúde do mundo!

Mesmo que não tenhamos a melhor saúde do mundo, não podemos desanimar. Mesmo que a luta pareça inglória, temos que lutar com todas as nossas forças. Há esperança de dias melhores, de que tudo vai ficar bem, de que vamos conseguir superar todas as nossas dificuldades, seja a nossa força, a nossa luz, a nossa união.

Você também pode gostar

Quando perdemos a nossa mãe, a nossa irmã, a nossa tia, a cunhada, a namorada, a conhecida, para essa doença maldita, para o câncer de mama, morremos todos nós, como sociedade, como pessoas. Não podemos continuar aceitando que as mulheres morram dessa doença. É preciso a união de todos. Somente unidos e emanados numa força positiva, seremos capazes de vencer o câncer de mama.

Para isso, é preciso que todos se envolvam nesse tipo de companha. “Outubro Rosa” não é uma campanha qualquer. É uma campanha que salva vidas. Mulheres, vamos fazer o autoexame, é fácil, simples e barato. Caso detecte algum caroço nos seios, não se desespere, não há de ser nada; mantenha a vida em perspectiva, procure um posto de saúde, um médico e lembre-se: quem se cuida vive mais.

Pense nisso!

Sobre o autor

Luis Lemos

Luis Lemos

Graduado em Ciências Biológicas pela Universidade do Estado do Amazonas (UEA); Graduado em Filosofia pela Universidade Católica de Brasília (UCB); Bacharelado em Filosofia pelo Centro do Comportamento Humano (CENESCH).

Professor de Ciências Naturais na Secretaria Municipal de Educação de Manaus (SEMED/AM). Professor de Filosofia da Educação, Ética e Filosofia Jurídica na Faculdade Martha Falcão/Devry Brasil.

Tem experiência na área de Filosofia da Ciência, com ênfase em História da Filosofia, atuando principalmente com os temas: Educação, Ensino de Ciências, Epistemologia, Ética e Ética Profissional.

Autor dos livros: O primeiro olhar – A filosofia em contos amazônicos (2010); O segundo olhar – A filosofia em temas amazônicos (2012); O terceiro olhar – A filosofia em lendas amazônicas (2014); O homem religioso - A jornada do ser humano em busca de Deus (2016).