Espiritualidade Religiões

PENTECOSTES

“E acontecerá que todo aquele que invocar o nome do Senhor será salvo.”

Atos 2:21

Pentecostes é uma data muito importante no calendário cristão, porém vem sendo negligenciada e relegada a um segundo plano nos dias atuais.

A palavra “pentecostes” tem sua origem no grego, e significa “quinquagésimo”, pois foi aos cinquenta dias após a celebração da Páscoa que os discípulos seguidores de Cristo, reunidos em Jerusalém, após sua ascensão aos céus, receberam o Espírito Santo, passando a falar em outras línguas, disseminando a sabedoria divina.

Exatamente na mesma data, os judeus comemoram a entrega da Torá (as Tábuas da Lei e o Pentateuco), que aconteceu no Monte Sinai, a Moisés. Esta celebração chama-se “Shavuot”, traduzida como “semanas”, pois acontece decorridas sete semanas após a celebração de Pessach, a assim chamada Páscoa judaica.

A Bíblia nos conta que os discípulos estavam em oração, juntos com Maria, mãe de Jesus, e com os irmãos dele, em Jerusalém, quando ouviram um som estrondoso, acompanhado de línguas de fogo. A partir de então, o Espírito Santo encheu-lhes de sabedoria e ímpeto, sendo que todos que estavam ali com eles ficaram atônitos, pois eles começaram a falar em línguas diversas, sendo entendidos por todos, em suas próprias línguas maternas.

Podemos perceber, dessa maneira, que a data se revela como um ponto de inflexão na divulgação da palavra de Deus neste mundo, sendo desde então transmitida aos mais diversos povos ao redor do planeta. A partir do momento da ascensão de Cristo aos céus, dez dias antes de Pentecostes, coube aos seus seguidores o trabalho de passar a mensagem das boas novas adiante. A palavra bíblica, propagada por Jesus, revelou-se como sendo de uma linguagem universal, que ultrapassa todas as fronteiras, não se restringindo apenas a um pequeno grupo e aos seus descendentes. Assim, após a descida do Espírito Santo e passado tanto tempo, cabe a nós, como indivíduos e também coletivamente, aceitarmos e invocarmos o nome do Senhor, para sermos salvos da morte e da escuridão.

Você também pode gostar

A nós foi entregue a palavra, para que possamos viver em vida e em liberdade, em uma vida plena e digna. Perseveremos, pois, na vida em Cristo, com amor no coração.

Sobre o autor

Denis Schaefer

Denis Schaefer, oficial da Marinha do Brasil - formação em ciências navais, com ênfase nas matérias de administração, Agente Fiscal de Rendas do Estado de São Paulo, Cabalista, Escritor e Palestrante.

Estuda e divulga os conhecimentos da cabala, sabedoria que desvenda os códigos ocultos da Torá (Bíblia). Segue os ensinamentos de Isaac Luria (ARI), renomado cabalista do século XVI, que viveu em Israel, tendo estudado em diversas escolas, sendo as mais recentes dirigidas pelos rabinos cabalistas Rav Berg e Rav Joseph Saltoun. Realizou suas primeiras palestras após viagem iniciática em Israel, Marrocos e Espanha, onde visitou as principais fontes e teve muitas inspirações. Promove encontros de cura e meditação.

A missão de minha vida é de revelar a luz do Criador ao mundo, para que todos vivam em sua plenitude, alegria e paz.

CONTATOS:
Grupo no Facebook: Estudos da Cabala
Celular: (11) 997120833
E-mail: schaeferdenis@gmail.com
Instagram: @schaeferdenis