Linguagem do Corpo Saúde Integral

Seus joelhos doem? Está faltando flexibilidade em sua vida!

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Linguagem do Corpo: Joelhos

Pessoas de todas as idades podem sofrer de dores nos joelhos. As causas podem ser diversas, desde lesões nos ligamentos até problemas secundários como artrite e artrose. As dores nesta região aparecem, na grande maioria dos casos, devido ao uso excessivo dos joelhos, ausência de alongamentos e aquecimentos antes de exercícios físicos e excesso de peso. Em seu livro, Cristina Cairo afirma que dores no joelho são recorrentes em pessoas feridas em seus sentimentos e que não aceitam opiniões alheias. Acompanhe.

Joelho segundo Cristina Cairo:

Simbolizam suas atitudes para com você mesmo, no presente. Eles deveriam equilibrar o seu passado (coxas) com o seu futuro (pernas).

Pessoas que não conseguem aceitar opiniões alheias, e agem como crianças para defender seu espaço, mostram que precisam amadurecer mais para poder compreender novas formas de se defender contra aqueles que se lhe opõem. Faltar com respeito para consigo mesmo deixando de realizar seus objetivos ou suportando todas as contrariedades, domshutterstock_176279753-2ésticas ou profissionais, também não é uma maneira correta de comunicar-se. A anulação pessoal só acontece quando a pessoa não conhece outros meios de se expressar e acredita que já tentou de tudo para mudar uma situação desagradável que a aflige. Se você se sente ferido em seus sentimentos e em seu orgulho porque está fazendo coisas que contrariam seu verdadeiro modo de ser, se está se desrespeitando ao forçar uma situação por não saber como corrigi-la e vive com o coração repleto de críticas e desapontamentos, saiba que seus meniscos, ligamentos e ossos do joelho serão afetados. Eles irão inflamar e poderá até ocorrer estiramento ou rompimento dos ligamentos, mesmo que seja provocado por algum acidente. Nós somos conduzidos, cegamente, pelo nosso inconsciente, para o bem ou para o mal, conforme o que acreditamos ou pensamos constantemente.

As pessoas que não se dobram aos outros e teimam em sustentar as suas opiniões acabam somatizando um joelho que não dobra, que não flexiona e é extremamente dolorido.

A análise de nossa conduta mais secreta é, realmente, um trabalho difícil que requer sinceridade e lealdade com relação a nós mesmos. Para revertermos o quadro de doenças, dores, etc., para a saúde e a felicidade, devemos reconhecer nossas emoções diárias e não somente nossos pensamentos, para que possamos trabalhar na mudança do nosso interior.

livro 1

 

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]