Autoconhecimento

Sonhos elucidativos

Mulher de vestido flutuando no ar enquanto dorme.
123RF/Nataliya Turpitko
Nilton C. Moreira
Escrito por Nilton C. Moreira

O sonho, sem dúvida, é um complemento do que vivenciamos quando estamos em vigília. Não é apenas um mundo virtual. Durante o sono, temos capacidade de resolver situações de que somos acometidos por ansiedade durante o dia. É na emancipação da alma que vamos colocar em prática a busca por soluções. Certamente, devemos nos preparar para adentrarmos no sono, para que consigamos a conexão entre nossos anseios e a solução deles que, muitas das vezes, não depende só de nós.

Quando dormimos e nos propomos a tentar achar solução para determinada situação do nosso dia, entramos em contato com outros que também estão dormindo e desprendidos do corpo físico; em contrapartida, pode ser que alguns estejam no plano espiritual por terem já desencarnado (morrido).

Disse ser necessária uma preparação para haver a conexão com entidades que possam nos auxiliar porque isso depende das nossas atitudes, nossos costumes, nossos hábitos, nosso padrão vibratório, nossos desejos, já que, quando dormimos, estamos livres para ir aonde quisermos, claro dentro dos limites estabelecidos pela espiritualidade. Entretanto, se gostamos de estar em companhia de amigos em um bar, por exemplo, vamos procurar nos juntar com eles. Por outro lado, se gostamos de leituras e atitudes humanitárias, vamos para bibliotecas ou entidades assistenciais. É assim que funciona.

Mulher deitada na cama, de bruços, dormindo enquanto abraça o travesseiro.
Foto de Andrea Piacquadio no Pexels

João Evangelista, quando estava na ilha de Patmos, recebe de Jesus a revelação do apocalipse, o que acontece através de sonhos.

Vamos encontrar também a solução para resolver o sonho que teve o faraó, interpretado por José, que teve aplacada a fome que se desenhava ao Egito na época.

É através dos sonhos que os espíritos amigos, que podem ser familiares que se foram, amigos, vizinhos ou simpatizantes, vêm nos alertar, incentivar, socorrer, acalmar, intuir no melhor caminho ou atitude a seguir. Não vão nunca resolver os problemas para nós, mas certamente nos ajudam muito.

Você também pode gostar

É comum também estarmos nesta vida trabalhando em obras de assistência, ajudando com amor ao próximo, isso em razão de profissão ou nas horas que temos folga e, ao mesmo tempo, no momento do sono, desenvolver tarefas na espiritualidade, pois, muitas vezes, dormimos e voltamos ao local de caridade para planejar o próximo dia dependendo da obra que estamos desempenhando.

Einstein, certa noite, estava confuso com certas configurações do Universo e foi levado em sonho para local longínquo. Depois, descreve que viu certo ângulo do universo, então, ao acordar, passa a decifrar conceitos astronômicos, que resolve do ponto de vista de suas pesquisas.

Homem deitado da cama, dormindo.
Foto de Andrea Piacquadio no Pexels

Para que possamos usufruir das experiências vivenciadas no sonho, temos de, ao deitarmos, elevarmos o pensamento a Deus e pedir ao nosso Mentor Espiritual que nos guie no sono e que tenhamos êxito nas nossas ansiedades, pois, do contrário, fica difícil.

Muita paz amigos.

Sobre o autor

Nilton C. Moreira

Nilton C. Moreira

Policial Civil, natural de Pelotas, nascido em 20 de maio de 1952, com formação em Eletrônica, residente em Redentora (RS), religião Espírita, casado.
Email: [email protected]
Facebook: /Nilton-C-Moreira