Autoconhecimento

Transforme sua viagem em uma descoberta por meio do Yoga

Fit woman doing yoga on mat at home in the bedroom. lifestyle concept
Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Viajar nos ajuda a contemplar o que existe de mais belo e sagrado dentro de nós. Além de ser uma experiência incrível, é uma ferramenta poderosa de autoconhecimento e ligação entre corpo, mente e espírito.

Quando viajamos sozinhos, ficamos com medo da solidão. Mas não há motivos para se assustar com a sua própria companhia, explorar um lugar novo pode te aproximar muito mais das pessoas e de si mesmo.

“Não tenha medo de se aventurar e aproveitar o que uma viagem pode lhe oferecer”

A paz interior de uma pessoa que viaja é tão importante quanto a de uma pessoa que medita. Quando decidimos viajar sem ninguém por perto, somos testados o tempo inteiro e é nessas situações que aprendemos a lidar com estresses e aumentar a autoconfiança.

Uma viagem interior é tão profunda e reveladora quanto uma viagem física. Já pensou em unir as duas coisas? Inclua o Yoga e o autoconhecimento em seu roteiro e aproveite a viagem para seu crescimento e contemplação.

Separamos algumas vantagens de viajar, confira e faça as malas!

  1. Viajar ajuda a entrar em contato com o seu Eu Interior

Através de uma viagem nos tornamos pessoas mais sensíveis e empáticas, valorizando o conforto de nosso lar e a estadia na Terra. Quando você abre o coração para essa experiência, começa a desafiar o seu melhor lado.

Em uma viagem, temos a oportunidade de refletir sobre nossa vida e sobre quem verdadeiramente somos.

É através das viagens que recebemos ensinamentos e energias importantes, de outras culturas, paisagens e pessoas. Abrace a oportunidade e entre em contato com as suas divindades, através de mantras e meditação.

Ser um turista é principalmente absorver o melhor de cada lugar e sua cultura.

Abuse dos lugares para praticar o autoconhecimento, mude sua postura física e espiritual para trazer na bagagem muitas energias positivas.

  1. Viajar nos ensina a ser mais tolerantes

Quando vivemos na rotina é normal nos sentirmos mais competitivos. Afinal, o mercado de trabalho é um mar cheio de tubarões onde você precisa se destacar. Mas quando viajamos, deixamos toda essa competição para trás e nos entregamos a experiências novas e contatos menos formais.

Em uma viagem ninguém é melhor que ninguém, todos têm o mesmo objetivo: aproveitar a estadia. O Yoga tem como seu principal lema a união, nela sabemos que todos somos um. E que precisamos entrar em contato com o universo.

Viajar te faz aceitar as diversidades e acolher o outro, provando que não importa a cultura, e sim a energia que carregamos dentro de nós.

  1. Viajar nos ensina sobre gratidão

Quando estamos viajando, somos gratos por cada experiência que adquirimos e pelas coisas que deixamos por alguns dias. E apesar dos momentos serem prazerosos, somos eternamente gratos pelo retorno. Afinal, não existe nada melhor que o nosso lar.

Alguns lugares nos ensinam a valorizar as pequenas coisas, seja através do saneamento básico, religião ou cultura, vemos que temos muito e que isso precisa ser motivo de orgulho.

Poucas pessoas no mundo têm a oportunidade de explorar o mundo e aprender com ele, por isso, transfira toda a sua gratidão para a sua viagem e aproveite-a muito mais. Seja uma pessoa grata por suas limitações, pela sua mente e pelo lar que você construiu.

  1. Viajar nos ensina o verdadeiro desapego

Valorizar as pequenas coisas é importante, principalmente materialmente. Não precisamos muito para sobreviver, mas temos muito porque isso nos é culturalmente ensinado.

Quando nossos pertences precisam caber em uma pequena mala, notamos que podemos viver com menos e como isso nos liberta. São as nossas necessidades que viajam conosco, nada mais que elas.

Viajar é um exercício de autoconhecimento e exploração de alma. Usamos a mesma roupa por alguns dias, levamos apenas o necessário e, muitas vezes, um bom livro nos basta para nos entregarmos a um momento de paz. Quando um pássaro cruza o mundo, ele não leva bagagem. Aprenda a ser mais pássaro durante a sua vida e voe mais.

  1. Viajar nos conecta com tudo que há de mais belo e sagrado

Durante uma viagem contemplamos tudo que existe a nossa volta, sem precisar de muito esforço para enxergar isso. Sentamos na praça, na beira do mar, olhamos o céu com mais intensidade e sentimos toda a energia do sol, da lua e das estrelas.

Poucas vezes enquanto estamos em nosso território damos tanto valor aos pequenos milagres da natureza. Ao viajar, nos conectamos com o belo e sagrado, sentimos a nossa presença física, espiritual e mental repleta de boas vibrações.

Cada passo de uma viagem é uma experiência eternizada pelo universo, respeite o seu momento de contemplação e crie um contato com o mundo interior e exterior.

Você gosta de viajar? Conte-nos qual foi o seu maior aprendizado durante uma viagem.


  • Texto escrito por Juliane Rodrigues da Equipe Eu Sem Fronteiras.

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]