Autoconhecimento Coaching

Uma parada necessária

Nosso cérebro trabalha ininterruptamente, porém em diferentes estágios de atividade e consumo de energia. Tirando-se os aspectos de alma, ele, o cérebro, é responsável por tudo o que fazemos, o que pensamos, sentimos, agimos e também como convivemos com outras pessoas. Ou seja, quanto mais saudável estiver nosso cérebro, quanto melhor ele funcionar, melhor será nossa qualidade de vida. Por outro lado, se ele estiver perturbado, a probabilidade de termos uma vida problemática é muito maior.

Isso não é ficção, mas sim resultado de experiências neurocientíficas encontradas na literatura mundial, em particular no livro best seller do New York Times:  “Use seu cérebro para mudar sua idade”, do Dr. Daniel G. Amen, de onde tiro algumas citações que vão direcionar o ponto específico que quero tocar hoje.

O cérebro é ainda considerado o órgão mais complicado do corpo humano, com seus estimados 100 bilhões de células e cada uma delas conectada a outras células do cérebro por milhares de conexões individuais, ou seja, temos mais conexões em nosso cérebro do que o número de estrelas no universo, o que faz dele um grande consumidor de energia do nosso corpo, cerca de 20% a 30% das calorias que consumimos diariamente.

Existem várias estratégias para manter nosso cérebro sadio e até desacelerar seu envelhecimento e uma delas é manter o máximo possível uma vida alegre e saudável.

Daí a importância fundamental de uma “parada técnica” ou as popularmente chamadas, merecidas férias, de preferência, em boa companhia.

Nosso círculo de convivência tem um grande poder de influência, por isso é muito importante escolher nossas amizades, uma vez que tendemos a adquirir os hábitos delas e que acabam influenciando, positiva ou negativamente, nosso cérebro. Isso não significa eliminar todos nossos amigos e familiares que têm hábitos não saudáveis, mas sim limitar o tempo que passamos com eles.

Tive a oportunidade de viajar por duas semanas com casais amigos da época da faculdade, com mais de 40 anos de convivência. Uma raridade atualmente, onde as amizades são mais virtuais, superficiais e de pouca duração. Foram dias de passeios e viagens intensas, conhecendo lugares e culturas novas.

Essa viagem me fez valorizar a importância de uma parada necessária na nossa correria do dia a dia e assim poder ver, aprender e vivenciar novas experiências que modificam e criam novas sinapses, ativando e exercitando ainda mais nosso cérebro. Rir (muitas vezes de bobagens), se divertir com novas aventuras, aprender coisas novas, assistir a um bom show, enfim, colocar música nova no nosso universo mental.

Só o fato de se distanciar um pouco dos problemas do dia a dia já nos traz vigor e energia rejuvenescedores ao nosso corpo, mente e alma.

shutterstock_210599278

Sei que nem sempre é possível usufruirmos de momentos de férias como essas que tive a oportunidade de realizar recentemente, mas existem cuidados diários que merecem nossa total atenção.

Assim como nosso corpo físico precisa dos descansos diários através do sono reparador, precisamos também um descanso para a nossa mente e assim abrir novos caminhos para problemas que, muitas das vezes, parecem não ter solução. A prática de uma boa alimentação, exercícios físicos e controle do estresse (por exemplo através de técnicas de meditação) ajudam a manter nosso cérebro sadio.

Para a nossa mente, uma leitura saudável é primordial para manter nosso otimismo, assim como essa que cito a seguir ao encerrar esse artigo:

Nas horas em que o mundo parece cruel e as pessoas parecem demônios, não imagine as complicações acima da sua resistência. Arregimente sua defesa, segure seus ímpetos e reaja com otimismo. Encare os problemas e dificuldades como lições, treinos, oportunidades e benefícios. Transtornos acontecem com todas as pessoas. Analise os fatos com lucidez e, se precisar, se socorra com uma prece. Você tem força interior para vencer toda e qualquer dificuldade.

– Livro Otimismo Todo Dia de Lourival Lopes.

Sobre o autor

José Helio Contador Filho

José Helio Contador Filho

Engenheiro Politécnico/USP com especializações nacionais e internacionais, pós-graduado em Musicoterapia Organizacional e Hospitalar. Formado como Conselheiro de Administração pelo IBGC/SP, Coach internacional pelo ICI/SP e Technician em Neurobusiness pelo Instituto Brasileiro de Neurobusiness.

35 anos de experiência (nacional e internacional) como executivo na Siemens Brasil/Alemanha, Ford Brasil, Presidente para a América do Sul da Visteon Sistemas Automotivos e CEO do GRAACC Hospital de Câncer Infantil, incluindo vivência como conselheiro de diversas instituições nacionais.

Atual Sócio-diretor da HCont Consultoria, Coaching e Neurotreinamentos de Alta Performance. Palestrante, autor de livros e artigos, além de presidente voluntário das instituições filantrópicas Instituto Cândido de Desenvolvimento Social e O Semeador Instituto de Desenvolvimento Humanitário e Assistência Social.

E-mail: [email protected]
Site: www.hcont.com.br