Autoconhecimento Nutrição Saúde Integral Sem categoria

A Carta de Despedida da Nutricionista Que Vai Te Ajudar a Enxergar a Vida Com Outros Olhos

Mãos escrevendo em papel com lápis verde visto de cima
Geise Machulek
Escrito por Geise Machulek

Vivendo na cidade de Brisbane, Austrália, a bela Holly Butcher encontrava-se em perfeita forma física e era apaixonada por esportes e qualidade de vida. Havia cursado educação física por um tempo antes de ingressar no curso de nutrição, tinha uma rotina saudável em alimentação e cuidados com o corpo e representava seu estado natal, Queensland, em competições de squash e hockey, até o momento de seu diagnóstico.

A nutricionista australiana lutou contra um raro câncer ósseo (Sarcoma de Ewing) e partiu aos 27 anos deixando ensinamentos preciosos sobre a vida, o amor e a felicidade. Abaixo estão dez dos conselhos de Holly, que foram divulgados a seu pedido por sua família e compartilhados por todo o mundo:

1 – Sobre os problemas cotidianos:

“Só quero que as pessoas parem de se preocupar tanto com as coisas pequenas e as tensões insignificantes na vida e tentem lembrar-se que todos nós temos o mesmo destino depois disso tudo. Então, faça o que puder para que seu tempo seja incrível. Nesses momentos que você estiver lamentando por coisas ridículas, apenas pense que alguém está realmente enfrentando um problema. Seja grato pelo seu pequeno problema. Não faz mal reconhecer que algo é irritante, mas tente não continuar a carregar isso e afetar negativamente o dia de outras pessoas”.

2 – Sobre saúde e corpo perfeito:

“Eu tentei viver uma vida saudável, na verdade, essa foi provavelmente minha maior paixão. Aprecie sua boa saúde e funcionamento do corpo, mesmo que não seja seu tamanho ideal. Cuide disso e aceite como é incrível. Mova-o e nutra-o com alimentos frescos. Não fique obcecado com isso. Lembre-se que há mais aspectos para uma boa saúde do que o corpo físico. Trabalhe com a mesma intensidade para encontrar sua felicidade mental, emocional e espiritual também. Dessa forma, você pode perceber o quão insignificante e sem importância é ter esse corpo perfeito que as mídias sociais equivocadamente retratam”.

Mulher deitada fazendo abdominal

3 – Sobre respirar:

“Uma vez que você faz isso, vá lá fora e respire fundo. Veja como o céu é azul e como as árvores são verdes; é tão lindo. Pense como você é sortudo por poder fazer isso: respirar”.

4 – Sobre nossas preocupações e reclamações com o corpo:

“Suas unhas postiças podem ter se quebrado, seus seios são muito pequenos, ou você tem celulite e sua barriga está balançando…é tudo tão insignificante quando se olha para a vida como um todo. Estou vendo meu corpo desaparecendo diante dos meus olhos e não há nada que eu possa fazer. E tudo o que desejo agora é que eu pudesse ter mais um aniversário ou natal com a minha família, ou apenas mais um dia com o meu parceiro e o meu cão”.

Menina se olhando no espelho com rosto triste

5 – Sobre trabalho e atividades físicas:

“Eu ouço as pessoas reclamando sobre o quão terrível é o trabalho ou sobre o quão difícil é para exercitar: Seja grato que você é fisicamente capaz. Trabalho e exercício podem parecer coisas tão triviais…até que seu corpo não permita que você faça qualquer um deles. Trabalhe para viver, não viva para trabalhar”.

6 – Sobre a vida:

“Esta é uma coisa da vida; é frágil, preciosa e imprevisível. E cada dia é um presente, não um direito dado. Eu tenho 26 anos agora. Não quero ir. Eu amo a minha vida. Estou feliz e devo isso aos meus entes queridos. Mas o controle está fora das minhas mãos”.

Mulher de costas com braços abertos com sol refletindo

7 – Sobre dinheiro:

“É uma coisa estranha ter dinheiro para gastar no final…quando você está morrendo. Isso faz você pensar como é bobo achar que vale a pena gastar tanto dinheiro em roupas novas e ‘coisas’ em nossas vidas. Compre algo para seu amigo em vez de outro vestido, produto de beleza ou joia para o próximo casamento. Ninguém se importa se você usa a mesma coisa duas vezes. Use seu dinheiro em experiências ou pelo menos, não perca experiências porque você gastou todo o seu dinheiro em coisas materiais”.

8 – Sobre celular:

“Tente apenas desfrutar e estar em momentos, em vez de capturá-los através da tela do seu telefone. A vida não é para ser vivida através de uma tela, nem é para obter a foto perfeita…aproveite o momento, as pessoas! Pare de tentar capturá-lo para todos os outros!”

Mão segurando celular com home aberta

9 – Sobre a opinião alheia:

“Sério, faça o que faz seu coração feliz. Diga não às coisas que você realmente não quer fazer. Não se sinta pressionado a fazer o que outras pessoas possam pensar que é uma vida gratificante…você pode querer uma vida mais simples e está tudo bem”.

10 – Sobre mudança e felicidade:

“Lembre-se que, se algo está te deixando infeliz, você tem o poder de mudá-lo, no trabalho, no amor, ou seja o que for: tenha a coragem de mudar. Você não sabe quanto tempo você tem nesta terra, então não perca tempo sendo infeliz!”

Mulher de costas em campo de girassóis com bolhas de sabão
Você também pode gostar

Em janeiro deste ano a associação australiana de nutricionistas: ‘Dietitian Connection’ anunciou o estabelecimento de um novo prêmio que será concedido anualmente chamado ‘Carpe Diem Award’, ou seja: ‘Aproveite o Dia’ e foi criado para homenagear o legado da nutricionista Holly Butcher, de Brisbane, Austrália.

Querida Holly, gratidão por deixar tão sábios ensinamentos e gratidão à família por partilhar sua carta.

Sobre o autor

Geise Machulek

Geise Machulek

Uma aprendiz de cerâmica manual, fotografia e restauro de antiguidades, amante das coisas simples da vida. Terapeuta corporal, nutricionista, mestre em psicologia. Autora do livro “Autoimagem Corporal”, Editora NEA – Novas Edições Acadêmicas, e de várias antologias poéticas, Editora Beco dos Poetas e Câmara Brasileira de Jovens Escritores – CBJE.

Contatos:

Email: [email protected]
Site: panaceiaagridoce.blogspot.com/