Energia em Equilíbrio Espiritualidade

A Criação do Planeta Terra

Ilustração de planeta Terra
Allan Lucena
Escrito por Allan Lucena
Chegamos, enfim, à era de liberdade pela qual tanto lutamos e ansiamos por gerações. Claro que não foi tão simples assim. Vamos entender a história do nosso planeta e desfazer a confusão que nos obrigou a cultuar os deuses e, se possível para você, leitor, entender também a razão pela qual é cara a nossa liberdade.

Eu sou Allan Lucena e venho passar uma mensagem importante do Criador de tudo que é para todos.

O momento de compreender a verdade sobre o Planeta Terra chegou. Estamos liberados para contar por que lutamos pela liberdade neste planeta que, na prática, já é livre com o esforço das orbes angelicais e dos espíritos de luz que comandam este quadrante do Universo conhecido como Via Láctea e algumas outras galáxias ao seu redor, desconhecidas de vocês no momento atual.

O planeta Terra e seus planetas vizinhos foram criados como um centro de colheita de 2º dimensão. Os planetas e sistemas de centro de colheita utilizam a energia dos seres vivos para alimentar e ativar criaturas em expansão que não conseguem produzir a própria energia vital ou que, mesmo que possam produzir, vibram em uma frequência tão baixa que utilizam mais energia do que podem gerar. Para exemplificar bem, aqueles de vocês que assistiram ao filme “Matrix” podem entender essa referência como as pessoas sendo usadas como baterias para alimentar a vida das máquinas. O design no filme e as máquinas são uma analogia, já que os seres alimentados pela energia biológica dos seres vivos dos planetas de 2º dimensão são também seres vivos, mas que estão em orbes de frequência energética baixa.

Ilustração de sistema solar

Antes que você se assuste com isso, entenda que fazemos a mesma coisa ao nos alimentarmos de vida biológica na Terra. Quando comemos frutas, verduras, legumes e carne animal, estamos fazendo o mesmo processo de colheita energética por meio da matéria. É a lei natural das dimensões de vibração mais lenta, que não podem produzir a própria energia ou o alimento e precisam se alimentar de outras fontes para manter a vida. Também não precisam se assustar achando que eles nos mantêm presos em sonhos de uma realidade virtual enquanto sugam nossa energia vital. A “colheita” é feita energeticamente pela frequência do planeta, sem a necessidade de alimentação como a conhecemos, por meio da digestão de material orgânico que comemos via oral.

Durante a criação dos planetas deste sistema solar em que estamos vivendo hoje, o planeta Terra, nossa casa astronômica, foi criado com esmero e abundância, de forma que os mestres espirituais e orbes angelicais que supervisionavam as obras opuseram-se à ideia de que este seria apenas um planeta de 2º dimensão. Com esforço e empenho, fizeram um trabalho de transição da energia da Terra para um planeta de reabilitação (expiação e provação) de 3º dimensão e entregaram aos cuidados e ao comando de Gaia, a entidade responsável pela construção deste planeta mais desenvolvido. Quando falamos da deusa Gaia ou da entidade Gaia, esta é a razão. Nosso planeta é a personificação do trabalho e do empenho deste ser iluminado.

Ilustração planetas do sistema solar e sol

Este fato gerou descontentamento dos seres que se beneficiariam das energias deste plano e quadrante para sobrevivência, pois a Terra era um planeta de grande produtividade energética e sua promoção para a 3º dimensão implicava em dificuldades e leis diferentes para sua colheita, porém a transição já estava feita e as reclamações eram inúteis. Por muito tempo o planeta foi povoado e visitado por diferentes raças de diferentes níveis evolutivos, incluindo as raças e os povos que hoje fazem parte de nossa história ou de lendas, como os nemurianos, lemurianos, draconianos, atlantes e tantos outros. Houve muita guerra por domínio e controle do planeta Terra ou de sua área de órbita espacial, com o objetivo de continuar a colher sua energia abundante sem “burocracia”, mas todas as guerras foram perdidas. Com o trabalho dos apoiadores do planeta e o esforço de Gaia, as guerras etéreas foram obrigadas a findar quando o ser humano evoluiu aqui no planeta e desenvolveu a sua consciência. Desde então nossa evolução é guiada e auxiliada por Gaia e por mestres espirituais que fizeram parte do plano de transição planetária.

No entanto as guerras continuaram a acontecer, em ataques de contrabandistas a conquistadores, porém contra as leis não existem alternativas, então o planeta manteve-se livre de invasões com a ajuda de um véu que impede a realidade da 3º dimensão ser invadida por seres e energias de dimensões diferentes.

Ainda assim, existem seres que evoluíram da 2º para a 3º dimensão, então foram capazes de entrar e fazer parte da população terrena, trazendo em suas mentes planos de colonizar o planeta por meio do livre-arbítrio dos habitantes daqui. Trouxeram também as guerras que realizamos uns contra os outros. Com promessas de poder e glória, criaram cultos e culturas em que pessoas sediavam sua energia ou trabalhavam para os seres da 2º dimensão em troca de conquistas materiais imediatas, já que estes seres tinham acesso a conhecimentos que no nosso planeta não eram comuns, por políticas e um sistema de crenças limitantes instaurado por seres gananciosos que pretendiam utilizar eles mesmos a energia dos habitantes do planeta, estes sistemas são o que vocês chamam de governo, monarquia, clero ou algumas religiões e o sistema de sociedade; as hierarquias de seu sistema sócio-político. As pessoas cedem seu poder a um número pequeno de pessoas com o objetivo de que elas usem este poder para melhor administrar seus recursos. Boa parte desses recursos são extraviados daqui para outros planos ou investidos em mais guerra, controle e submissão.

Ilustração abstrata de ser com energias flutuantes

Por meio do trabalho destes seres vindos da 2º dimensão, que alguns chamam de Magos Negros, outros de Vampiros, outros ainda de Empresários Espirituais, que usam a manipulação e a ilusão para usufruir das energias e da força de trabalho dos seres vivos da Terra, nosso planeta enfrentou duras baixas energéticas e batalhas bélicas e ideológicas pela liberdade. Independentemente dos esforços dos guias espirituais e da quantidade de seres de luz que lutavam para desfazer a ilusão de poder dos seres humanos, entendemos que quando se trata do livre-arbítrio, não temos poder algum sobre as escolhas de cada um. Ao compreender o tempo e a evolução individual, continuamos também com nosso trabalho de difundir conhecimento e buscar iluminar cada vez mais pessoas, de acordo com o equilíbrio das frequências ao serem atraídos para a luz e para a sabedoria, fazendo entender que o poder oferecido pelos cultistas já é um direito garantido pelo Criador, bastando apenas o conhecimento e o reconhecimento de suas capacidades e da conexão com sua consciência plena para que nós, humanos, também tenhamos acesso ao poder.

Muitos humanos conhecem essa história, pois se lembram de como isso aconteceu. A raça humana é tão antiga quanto o planeta Terra, então evoluiu junto com ele para a 3º dimensão, em consonância dos planos de expansão das orbes galácticas e angelicais. Não somos especiais por causa disso. Temos, porém, um trabalho a fazer: utilizar este conhecimento para libertar aqueles que ainda estão presos em um mundo de ilusão que não mais condiz com a transição energética pela qual o planeta Terra está passando e acolher o Amor Incondicional como sua fonte de energia, para libertarmos também nossa existência da limitação de alimentarmos nossa vida a partir de outras vidas. Este passo é importante para nossa evolução, pois já somos criadores (é mais correto dizer que somos cocriadores de nossa realidade) e temos muito o que contribuir e produzir para nossa evolução, continuando nosso caminho em direção ao nosso estado mais elevado de existência. Como neste momento falar sobre isso é previsão de futuro, não é sensato continuar ou mesmo estimular que olhem para o futuro, mas para o presente, que tem inúmeros desafios, aprendizados e criação para ocupar e estimular sua vida, mente, corpo e sentimentos.

Ilustração de criatura abstrata

Você também pode gostar de:

Estamos sempre auxiliando vocês sem nenhuma cobrança ou promessa desequilibrada de energia ou oferenda. É importante compreender que o culto a deuses, anjos e santos tem também sua hora de acabar por meio do conhecimento, pois não há preço nenhum a ser pago pela nossa existência quando nos conectamos ao nosso Eu Superior e ao Criador de tudo que há no Universo. Talvez este seja um próximo passo para comentar, já que ao conhecer sua história este conhecimento pode ser, então, possível e de curiosidade pública.

Antes de mais nada, a verdade está dentro de você. Todos têm acesso para questionar e confirmar suas verdades, então confiem em sua própria verdade, pois de cada verdade individual advém a Verdade Una, o universo.

Sábia gratitude para todos!

Sobre o autor

Allan Lucena

Allan Lucena

Olá, eu sou Allan Lucena, terapeuta holístico especializado em ThetaHealing e Reiki, com uma caminhada muito plural e interessante. Especialmente porque amo estudar!

Estudo espiritualidade, a busca pela verdade, desde os 11 anos de idade e nestes 20 anos de estudos, apesar de alguns amigos me darem a dica, nunca me interessei pelo caminho das terapias curativas, me interessava mais por descobrir as verdades ocultas e os mistérios insondáveis do Universo. Tanto estudo e tanta dedicação para descobrir que o Criador e nosso Universo nos dão todas as respostas quando simplesmente nos tornamos amigos do nosso ego e pedimos com humildade ao nosso Eu Superior.

Comecei meus estudos, desde muito cedo curioso, sobre religião e espiritualidade, que acreditava serem inseparáveis, para então descobrir que Deus não está na religião e, sim, em nossa conexão com ele, ou com o Criador de tudo que é, como falamos no ThetaHealing. Até que eu chegasse no ThetaHealing, estudei cristianismo, hermetismo, budismo, umbanda, wicca e muitas culturas mitológicas, que me levaram então a buscar e entender a filosofia e a física quântica, que finalmente abriram caminho para um estudo mais aprofundado e desmistificado sobre a espiritualidade.

Tudo é energia, energia é o Criador e todos nós estamos conectados com o Criador, fechando bem o ciclo da vida e elucidando minhas principais questões a partir do ponto em que eu me conectei mais conscientemente com Ele.

Desde adolescente eu digo e repito:

“Quando a ciência, a religião e a espiritualidade andarem juntas, aí, sim, evoluiremos e transcenderemos nossa realidade.”

Estamos fazendo exatamente isso hoje, a tecnologia (internet, computadores, celulares e tablets) está nos aproximando e possibilitando uma grande rede de luz e conhecimento a tomar conta do planeta, divulgando e ampliando cada vez mais informações que antes eram tratadas como ocultas, muitas vezes proibidas, para mais e mais pessoas.

Faço parte desta onda de luz e Amor incondicional que espalha cada vez mais felicidade e possibilidades mais elevadas para o nosso planeta e para o mundo.

Através do ThetaHealing®, uma técnica maravilhosa de cura e evolução espiritual criada por Vianna Stibal, que nos ajuda a entender e eliminar crenças limitantes que nos impedem de atingir nosso potencial mais elevado por meio do Amor incondicional do Criador. Assim podemos aprender sentimentos positivos e desenvolver crenças e aprendizados que levariam muito tempo em instantes. Fora inúmeros outros benefícios que explico com mais detalhes nas colunas sobre o Theta.

Também sou reikiano nível 2, formado no estilo Gendai Reiki Ho que segue a linhagem tradicional japonesa de Reiki do mestre Mikao Usui. Por meio do Reiki, proporcionam-se o equilíbrio das energias e a cura através da imposição das mãos, transmitindo a energia universal para todo o corpo.

Costumo dizer que por enquanto eu sou Allan, mas logo, logo serei outras coisas e outras pessoas, como também já fui em outras encarnações. Pois nós experimentamos por meio de nossas inúmeras vidas as inúmeras realidades.

Enquanto sou Allan, trabalhei em empresas grandes e saí do mundo corporativo para ser terapeuta, depois de criar e manter dois blogs sobre Arte e Espiritualidade (links abaixo), escrever meu próprio livro sobre o Amor (“Ensaios Umikizu”, com tiragem esgotada, por enquanto), trabalhar cinco anos com teatro musical, canto e performances, ou seja, vivendo intensamente!

Enquanto você for você, continue fazendo seu máximo, seu melhor, para evoluir e experimentar cada vez mais este mundo e a realidade onde está inserido, pois hoje é isso que você é e o que você tem. Hoje, para mim, isso basta, mas continuo criando minha realidade e experimentando cada vez mais as possibilidades que ela me oferece todos os dias enquanto eu estou por aqui.

Vamos juntos?

Eu sou Allan Lucena
Sábia Gratitude e um abraço amoroso.

Contatos:
Email: [email protected]
Site: sabiagratitude.com.br
Site: linktr.ee/sabiagratitude
Facebook: facebook.com/sabiagratitude/
Instagram: @sabiagratitude
Twitter: @pandumiel
YouTube: Sábia Gratitude
Linkedin: Allan Lucena