Energia em Equilíbrio Yoga

A grande mentira

Pedro Kupfer
Escrito por Pedro Kupfer

Qual a maior mentira do mundo?

Estamos rodeados pela mentiras, seja das promessas dos políticos, ou das propagandas de publicidade: tudo é mentira! Mas há uma mentira, que é a maior de todas e que ninguém questiona: a grande mentira!

Essa grande mentira é a crença, difundida pelo materialismo científico, que afirma que a vida existe em apenas uma dimensão e que a ideia de uma realidade superior é mera fantasia.

Dessa questão surge uma ideia de vida que nos priva de nossa própria participação em dimensões superiores da existência e da nossa própria dignidade humana.

“Sem veracidade, o pújá é fútil. Sem veracidade, o japa é inútil.
Sem veracidade, o tapas é tão estéril
como uma semente em solo infértil.
Realmente, a veracidade é o melhor ascetismo.
Todas as ações devem se enraizar na veracidade.
Nada é tão excelente como a verdade”.
Mahanirvana Tantra IV:76-77

Uma vez o sentimento expresso por esse shastra, um escrito sagrado do hinduísmo, foi global, mas hoje não passa de apenas uma frase bonita. Quando somos verdadeiros com nossos pensamentos, palavras e ações, estamos da mesma forma, sendo verdadeiros com nossa natureza superior, que é a última verdade.

“Sat, a Verdade eterna de
onde provém toda a criação”.​
(Paramhansa Yogananda , A Essência do Bhagavad Gita)​

*Sat significa real, verdadeiro, que existe de verdade.

O objetivo de toda disciplina espiritual está em transformar a natureza pessoal, fazendo com que ela se sintonize com a realidade transpessoal.

shutterstock_279038867Para o Yoga, tudo é uma manifestação da última realidade, mas isso não se vê com facilidade, pois sob nós está a ignorância. Desta forma, acabamos vivendo automaticamente e tudo não passa de uma mentira.

A crença de que somos um corpomente limitado, que precisa ter medo da morte e que se separa dos demais é a maior da mentiras. Apenas quando encontramos nossa sintonia com a realidade superior é que conseguimos ser verdadeiros.

A veracidade dos pensamentos, das palavras e ações é o alicerce moral que solidifica a prática do Yoga.

A veracidade tem 3 aspectos:
  • Sinceridade
  • Simplicidade
  • Naturalidade

Um mestre de Yoga é sempre ele mesmo, sem levar em conta quem está à sua frente, assim, o yogi deve alimentar as mais elevadas aspirações, através das pequenas verdades do dia a dia que precisam ser respeitadas.

Assim, é preciso viver com integridade e consciência de que a veracidade é um poder sem fim e é condição fundamental para transcender.

Sua opinião é bem-vinda, sempre que colocada com a educação e o respeito que todos merecem. Os comentários deixados neste artigo são de exclusiva responsabilidade de seus autores e não representam a opinião deste site.

Sobre o autor

Pedro Kupfer

Pedro Kupfer

Pedro vive de vegetais, praia e surf. É casado com Ângela Sundari, com quem viaja com frequência para surfar, estudar, ensinar e compartilhar momentos bons com os seres humanos, plantas e animais deste belo planeta. Ensina Yoga há 30 anos. Move-se entre Portugal, Brasil, Índia, Indonésia e Chile, lugares que ama por diferentes motivos, sendo o mais importante de todos, as pessoas que conhece neles.

Oṁ Gaṁ Gaṇapataye namaḥ!

Site: www.yoga.pro.br
Facebook: http://www.facebook.com/pedrokupfer
SoundCloud: http://www.soundcloud.com/pedrokupfer