Saúde Integral

A relação entre tipos sanguíneos e as personalidades

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Você já parou para pensar que sua personalidade pode ser influenciada pelo seu tipo sanguíneo? No Japão e em outros países asiáticos, o sangue diz tudo sobre uma pessoa, temperamento, gênio, compatibilidade em relacionamentos e todas as outras questões que, no Brasil, são explicadas por signos astrológicos. Na Ásia, elas são desvendadas pelo Ketsueki gata, traduzido ao pé da letra como: tipo sanguíneo.

Há inúmeros relatos de como essa crença foi introduzida na cultura japonesa, mas o que é certo afirmar é que no final da década de 70, o Ketsueki gata foi popularizado por meio do jornalista Masahiko Nomi, que publicou diversos livros contendo artigos não científicos sobre este assunto. Suas publicações, que relacionam desde o tipo sanguíneo com a personalidade até diferentes maneiras de conviver com cada um dos diferentes tipos, viraram referência para estudiosos.

Mesmo sem comprovação científica, os asiáticos, em especial os japoneses, de modo geral acreditam realmente nessa associação. A obsessão por essa teoria é tanta que até nas redes sociais os tipos sanguíneos estão presentes. Personagens de anime também possuem tipo sanguíneo definido. Algumas escolas introduzem métodos de ensino baseados nos tipos sanguíneos das crianças.

Como todo extremismo causa problemas, com esta crença não é diferente. A fissura japonesa pelo Ketsueki gata se manifesta também em forma de preconceito. Os que mais sofrem são pessoas do tipo sanguíneo B e AB. Na escola, por exemplo, é comum crianças sofrerem bullying; já os adultos, serem questionados sobre o sangue e prejudicados em entrevistas de emprego.

De acordo com uma pesquisa realizada com a população japonesa, estima-se que cerca de 40% pertence ao grupo A, 30% ao grupo O, 20% ao grupo B e 10% ao grupo AB.

Características dos tipos sanguíneos

Tipo A

De modo geral, são pessoas organizadas e perfeccionistas. Aparentam ser calmas, mas na verdade são preocupadas, indecisas e com muita dificuldade para se relacionar, por isso geralmente possuem poucos amigos. No amor, quando estão apaixonadas, são muito românticas e fiéis.

Em relação ao trabalho, são extremamente pontuais, meticulosas e responsáveis. Possuem afinidade com tarefas que exigem atenção extrema.

Tipo O

Por ser o sangue mais antigo, é popularmente chamado de “sangue guerreiro”. Geralmente, são pessoas que chamam a atenção aonde chegam, são autoconfiantes, criativas e possuem muita facilidade para se relacionar tanto no amor, como em laços de amizade. Também podem ser consideradas pessoas organizadas e teimosas.

No trabalho, são competitivas e ambiciosas. Possuem perfil de liderança e geralmente lutam até conquistá-la.

Tipo B

Pessoas que gostam de escolher o seu próprio caminho e por isso, valorizam muito a liberdade e se for preciso, brigam por ela. São consideradas otimistas, compreensivas e muito companheiras.

No trabalho, possuem certa dificuldade de separar diversão e responsabilidade, por isso precisam gostar muito da profissão que escolhem, pois só assim serão totalmente dedicados.

Tipo AB

Podem possuir traços tanto do tipo A, quanto B. De modo geral, são pessoas fáceis de conviver. Geralmente, se destacam em meio aos outros por possuir uma personalidade diferente. São extremamente racionais, organizadas e conseguem desenvolver diversas tarefas simultaneamente.

Em relação ao trabalho, são pessoas honestas, concentradas e com muita facilidade de aprendizado.


  • Escrito por Natália Nocelli da Equipe Eu Sem Fronteiras.

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]