Energia em Equilíbrio

A verdade interior

Cláudia Lontra
Escrito por Cláudia Lontra

Um dos caminhos por onde a vida se movimenta é no fluxo da verdade. Por mais que se fuja dela – ela às vezes pode ser bem dura – a vida sempre colocará nossa bússola apontada para essa direção. Então, podemos postergar à vontade, porém, mais dia, menos dia, ela se mostrará. Não importa quantas voltas podemos dar. Ela é mais poderosa. E por quê?

Porque a verdade sempre trabalha a nosso favor, por mais desafiadora que seja.

A aceitação desse fato já facilita, e muito, nosso encontro com ela.  Muito do medo que sentimos, ao enxergá-la, se dissolve a partir desse entendimento.

A verdade é a justiça em ação. Ela chega para restaurar o equilíbrio perdido, equiparar os pratos da balança em alguma situação, porque o que não é verdadeiro não se estabelece, não tem fundamento, não tem sustentação. É como construir castelos na areia. Um dia, sabemos o que vai acontecer: tudo cai por terra e é ruína por todos os lados. É como as máscaras que insistimos em usar: todas elas um dia caem. Mas, diga-se de passagem, para o nosso próprio bem.

Na sabedoria ancestral indígena, a expressão “com a cara no chão” indicava aquele que dizia possuir talentos que não tinha. Nesse caso, a cara pintada do mentiroso era lavada e sua reputação ficava fortemente abalada.

No campo emocional, quanto mais estivermos ancorados na nossa verdade interior, mais teremos força para lidar com qualquer situação que se apresente em nossa vida.

“Quem sou eu”, é a pergunta contida na busca pela verdade interna.

Absorvemos, ao longo da nossa jornada, grande parte de ideias, crenças, valores, ideais, opiniões, rótulos, identidades, que não são nossos. Em muitos casos, simplesmente, herdamos e aceitamos como nossas, verdades que eram apenas conversas exteriores a nós.

Esquecemos de quem realmente somos por muito e muito tempo.

O momento atual pede atenção de nossa parte. É urgente que cada um de nós se lembre de quem é, que resgate sua verdade e, a partir daí, deixe brilhar a sua luz, encorajando, assim, outros a fazerem o mesmo.

O buscador e o buscado são a mesma pessoa e o processo de busca nada mais é do que encontrar a própria verdade dentro de si.

shutterstock_246889795

Então, pare um pouco e se pergunte:

O quanto estou caminhando em direção à minha verdade?

O quanto percebo, com honestidade, o que sinto em relação a alguma situação ou pessoa?

O quanto sou íntegro comigo e ajo para o meu maior bem e harmonia?

O quanto tento agradar o outro e nisso me desagrado?

Estou me proporcionando o que é justo para mim?  Ou ainda estou preso à necessidade de ser aceito e apreciado?

Não nos enganemos.  A verdade sempre aparece porque é mais forte.

Expressar com clareza o que somos, através da nossa essência, possui grande poder de transformação e de cura.

A hora é agora!  Não há  tempo a perder!

“Olha para dentro de ti, entra no silêncio e escuta teu coração”. 

– Mikao Usui

Sobre o autor

Cláudia Lontra

Cláudia Lontra

Terapeuta Integrativa, atuando com as técnicas de Light Touch, Fogo Sagrado – Alinhamento Energético, Reiki, estudiosa de técnicas de Cura Nativa/Xamanismo e organizadora do “Projeto Ressignificar-Te”, em que, por meio da arte de recortes e colagens manuais de imagens, as emoções se manifestam a partir da espontaneidade de expressão, se transformando em lindos trabalhos!

E-mail: [email protected]
Facebook: www.facebook.com/claudia.lontra
Instagram: @clontra
Instagram: @_ressignificar_te