Convivendo Sustentabilidade

Aprenda a viver de forma sustentável

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras
Na fase atual onde a sustentabilidade é o tema de notícias, assuntos, discussões, encontrar formas sustentáveis de viver é o objetivo de muitas pessoas. Não pense que isso é algo impossível para o modo como o ser humano vive hoje, atribulado ao trabalho e vivendo na cidade.

Viver de forma sustentável já é motivo de orgulho para muitas pessoas que vivem em vilas sustentáveis no Brasil. Se isso lhe parece inconcebível, saiba que é possível, e mais, viver perto da família e dos amigos e fazendo algo que lhe dê prazer e ainda, ajudando o meio ambiente.

Um exemplo real

shutterstock_126756305-2No interior de Minas Gerais, vive uma família na Vila Barroló que fez a sua própria casa, onde vivem pais, filhos e netos que fazem artesanato e oficinas de arte. Aqui, o contato com a natureza, o consumo de alimentos orgânicos e o parto humanizado fazem parte da rotina dessa família sustentável onde vivem os pais e os 14 filhos com seus netos.

Por mais distante que essa realidade lhe pareça ser, não se pode fechar os olhos e dizer que ações e modos de viver assim são inviáveis.  Já existem muitas vilas sustentáveis no Brasil. Talvez a grande marca destas pessoas por optarem em viver em contato maior com a natureza é também o desligamento com o comodismo que tanto impede os indivíduos de sonhar algo mais prático e humano.

Por onde começar?

Claro, não é preciso ter sonhos difíceis. Muitas famílias estão comprando terras no interior, perto da cidade. Alguns trabalham na cidade, mas retornam aos seus lares no fim do dia. Isso já possibilita um contato maior com a natureza.

Se essa ainda não é a sua realidade, não se sinta excluído. Existem ações tão simples que representam formas sustentáveis de viver: Aprenda algumas:

shutterstock_171671516-2● Conheça seus vizinhos: Hoje tantas famílias moram em apartamentos que mal sabem quem mora ao lado de sua porta. Ás vezes em momento de socorro quando a família está longe, mal sabem a quem recorrer, quando na verdade os vizinhos poderiam dar essa primeira ajuda. Conhecer seus vizinhos, ter contato com eles, conversar e dialogar sobre seu condomínio, bairro, cidade já implica em uma forma sustentável de viver, pois vocês podem se unir  para transformar algo e melhorar o lugar que moram. É mais fácil trabalhar e pensar unido do que sozinho, não é?

● Cooperativas: Existem algumas famílias ganhando o sustento através de cooperativas, seja de reciclagem de lixo, artesanato ou ONGs. Que tal conhecer mais sobre as cooperativas que existem no lugar que você mora? E se não existe, que tal criar uma a favor de sua comunidade? Sempre existe algo que se possa melhorar no local em que se vive;

● Construções menos impactantes: Você vai construir ou reformar que tal usar ferramentas mais viáveis e menos impactantes da natureza? A começar pela reciclagem que é uma ótima forma de reaproveitar materiais para colocar na sua casa. Vale desde a instalação de painéis sustentáveis até casa de barro. Pense não apenas em você, mas na união com a natureza. Você pode ter certeza que tudo se transforma.

Imagem: Alessio Moiola / Shutterstock.com

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]