Nutrição Nutrição Naturalista Nutrição Orgânica

Benefícios das algas marinhas na sua dieta

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

As algas marinhas são muito usadas na culinária japonesa, envolvendo sushis ou enrolando bolinhos de arroz. São plantas aquáticas que crescem em água salgada ou doce, ricas em proteínas, carboidrato, vitamina A, ferro, cálcio e iodo.

Suas propriedades nutricionais desintoxicam o organismo, ajudam a evitar gastrite e úlcera gástrica, protegem o coração, além de auxiliar na prevenção aos cânceres de ovário, mama e endométrio, segundo pesquisa da Universidade de Berkeley (Estados Unidos), que atribui a baixa incidência desses tipos de câncer à dieta rica em algas das japonesas. Saiba quais são os outros nutrientes e benefícios:

  • Anti-inflamatório: o fucoidan, um carboidrato complexo e o magnésio atuam como um relaxante natural. Essa ação anti-inflamatória alivia crises de enxaqueca e asma;
  • Regulação de hormônios: a alta concentração de iodo regula os hormônios da tireoide;
  • Reduz sintomas da endometriose: a suplementação diária com cápsulas de 700 mg de algas marinhas pode reduzir os sintomas da endometriose, alteração que faz o endométrio, a mucosa que reveste a parede interna do útero, crescer em outras partes do corpo;
  • Previne defeitos congênitos: algas marinhas são ricas em vitamina B9, por isso consumi-las durante a gestação previne a espinha bífida (mau fechamento da coluna do feto).

Como consumir?

Além das comidas japonesas, as algas marinhas podem ser consumidas em pílulas, em pó no preparo de saladas, sopas, sucos, ou então assadas no forno. O alimento é encontrado em lojas de produtos naturais e também em supermercados.

Confira essa receita de torta com algas marinhas:

Ingredientes

  • Um punhado de algas negras secas, hidratadas com água e limão;
  • 1 copo de leite de soja;
  • Ervas aromáticas a gosto;
  • Coentro fresco;
  • Noz moscada moída;
  • Ervilhas de soja;
  • Azeitonas sem caroço cortadas em cubinhos;
  • 3 ovos inteiros;
  • Presunto defumado de peru em cubos grandes;
  • 2 fatias de queijo magro cortado em cubinhos;
  • 1 colher de chá bem cheia de fermento em pó.

Modo de preparo

Bata os ovos na batedeira, acrescente o leite de soja e bata mais um pouco. Adicione os demais ingredientes e mexa com uma colher. Coloque numa forma untada com manteiga e leve ao forno a 160 °C por 30 minutos.

Spirula

Também conhecida como spirulina, é uma alga verde azulada com mais proteína que a carne vermelha. Pode ser consumida em cápsulas ou em pó.

Algas marinhas para emagrecer

Elas têm poucas calorias e as fibras dão sensação de saciedade por muito tempo. As algas marinhas ainda regulam o intestino e eliminam toxinas e gorduras. Outro benefício é que o alginato, fibra presente no alimento, reduz a absorção da gordura, que é convertida a glicose em energia.

Bom para a pele

O colágeno presente nas algas diminui a flacidez facial, reduz a incidência de rugas e ainda combate a celulite. As algas estão nos cremes cosméticos, nas ceras depilatórias e nos produtos para peelings.

Não é a toa que os japoneses não abrem mão dela. Coloque as algas marinhas na sua dieta e fale para a gente os benefícios que percebeu!


Texto escrito por Sumaia de Santana Salgado da Equipe Eu Sem Fronteiras

Sua opinião é bem-vinda, sempre que colocada com a educação e o respeito que todos merecem. Os comentários deixados neste artigo são de exclusiva responsabilidade de seus autores e não representam a opinião deste site.

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]