Convivendo Sustentabilidade

Biodigestores transformam a sustentabilidade

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras



Cascas de frutas e bagaços, dejetos de bovinos, suínos e aviários e restos de ração devem ser descartados corretamente para não contaminarem o meio ambiente. O biodigestor é um sistema que converte matéria orgânica em fertilizante natural e também em biogás, através da decomposição anaeróbia, um processo sem oxigênio que origina um biofertilizante e biogás que pode ser usado como gás de cozinha ou ser transformado em energia elétrica.

A empresa Recolast Ambiental há 38 anos trabalha com biodigestores, aquaponia, sistema que integra a criação de peixes e hortaliças e confinamento sustentável de bois. Saiba como funcionam e as orientações para manutenção dos biodigestores.

Como funciona?

O biodigestor da Recolast tem duas divisórias interligadas: biodigestor tubular + uma lagoa de biofertilizante. Os resíduos vão para o tubo e ficam até as bactérias fermentarem esse material e liberarem o biogás. O líquido vai para a lagoa de biofertilizante, onde é coletado para ser pulverizado na plantação ou descartado.

Outra vantagem é que o sistema também trata dejetos animais e humanos. O material orgânico animal, aliás, potencializa a produção de biogás.

Tamanho

A empresa comercializa biodigestores de 4 m³ a 720 m³.

Produtos gerados pelos biodigestores

Biofertilizante: adubo natural que age como fertilizante e pode ser utilizado como inseticida;

Biogás: gás produzido pela união dos gases metano e carbônico é uma fonte alternativa de energia. A Recolast Ambiental informa empresas que comercializam geradores de energia aos clientes interessados.

O descarte correto de lixo no campo também protege o meio ambiente. Você, produtor rural informe-se sobre métodos sustentáveis e faça sua parte para preservar a natureza.


  • Texto escrito por Sumaia de Santana Salgado da Equipe Eu Sem Fronteiras.

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]