Autoconhecimento

Como lidar com autocrítica

autocrítica
Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras
Ser crítico com os outros pode ser chato, mas ser consigo mesmo pode ser ainda pior. Pode ser fácil apontar para os erros de outras pessoas e sugerir como elas podem mudar. Só que quando se trata de encarar o espelho, as coisas ficam bem mais difíceis…

Um dos problemas de se autocriticar muito é cair em depressão. Quando damos mais valor ao que está errado do que o que fazemos de certo, criamos uma carga de frustração e cobrança muito grande para carregar e isso não é saudável. Por isso, separamos algumas dicas de como você pode lidar melhor com a autocrítica, para o seu próprio bem. Veja abaixo:

Feito é melhor do que perfeito

Quando se cobrar por não deixar algo perfeito, lembre-se do ditado: “Feito é melhor do que perfeito”. Sabemos que querer atingir o nível de excelência em algo pode ser bom, mas será que tudo precisa ser assim? Muitas vezes nos perdemos quando nos cobramos algumas tarefas cotidianas que nem precisam ser tão perfeitas assim. Você pode ter um padrão de cobrança rigoroso, mas tome cuidado para não exagerar.

Você não precisa ser o melhor em tudo

Muitas das autocríticas acontecem porque queremos ser o melhor em tudo. Vivemos em uma sociedade competitiva, é verdade. Mas isso não quer dizer que precisamos ser os melhores ou vencer em tudo todas as vezes. Muitos dos aprendizados mais importantes da vida acontecem quando não somos os melhores. Por isso, pense no aprendizado e não em querer acertar e ser o melhor em tudo sempre, o que nos leva para a nossa próxima dica…

É errando que se aprende

Quem nunca erra, não ganha experiência de vida! Somente errando bastante é que aprendemos a lidar com a frustração de forma saudável. Quem acerta em tudo, acaba não sabendo lidar com as emoções quando um pequeno erro acontece. Por isso, não se cobre tanto e não se critique por não se sair bem em todas as situações. Errar faz parte da vida e é errando que crescemos como pessoas.

autocrítica

Cuidado com o estresse

Se você quer ter uma saúde boa, isso quer dizer que também deve lidar com a sua saúde mental e emocional. Se você se autocriticar o tempo inteiro, uma hora ou outra, isso acabará sobrecarregando os seus pensamentos e emoções e, consequentemente, o seu corpo vai responder com algum desequilíbrio. Mente e corpo estão interligados e o estresse também vai afetar o seu corpo físico. Esse é mais um motivo para você pegar mais leve com si mesmo.

Qualidades

Somente quando paramos de nos autocriticar é que damos espaço para percebermos o que temos de melhor. Todos nós temos qualidades, mas precisamos reconhecê-las. Porém, como você vai reconhecer os seus pontos fortes se você não para de se criticar? Portanto, pare um pouco, relaxe e busque as suas forças interiores. Elas estão aí, somente esperando você olhar para elas. E então você verá que, com tantas qualidades, não há necessidade de se critica tanto. Você é uma pessoa muito melhor do que acredita ser, por isso não precisa se cobrar tanto.


Escrito por Ricardo Sturk da Equipe Eu Sem Fronteiras.

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]