Autoconhecimento

Dê boas vindas ao Outono!

Elaine Pera
Escrito por Elaine Pera

As folhas já começam a cair das árvores, a brisa fresca surge no final da tarde, anunciando o início de um tempo de recolhimento; assim, o Outono vai chegando de mansinho, exigindo de nós mais compostura, introspecção e refazimento.

Dia 20/03, precisamente, às 01 h 30 min, chega o novo Ano Astrológico, guardado e introduzido em nossas vidas junto a nova estação, trazendo consigo um mito, a bela história do Rapto de Perséfone, e se você aprecia histórias, me acompanhe que eu te contarei.

A Grande Deusa da Natureza Deméter, também conhecida como a Deusa- Mãe, protetora e regente da natureza, tem na figura de Perséfone, sua jovem filha amada, adolescente e pura – a doce menina que brincava e colhia narcisos no jardim, quando das profundezas da terra, levanta-se e surge, com seus cavalos portentosos, o Deus dos Mistérios HADES, que, rapidamente, rapta a princesa para torná-la sua esposa e Rainha do mundo avernal, conhecido como Mundo Oculto, Inferno ou Inconsciente.

Autumn Forest

Durante muito tempo, a Mãe desesperada procura pela filha, sem notícias, até que um agricultor, corajosamente, lhe conta o ocorrido. Deméter vai imediatamente até Zeus, rei do Olimpo e Pai de Perséfone, solicitar que interceda junto a seu irmão, Hades, para trazer a filha de volta. Zeus, no entanto, prefere não se indispor com o Deus do Oculto e não toma nenhuma providência. Deméter, muito triste e cada vez mais melancólica, passa a descuidar da natureza; as grandes plantações secam, e uma grande fome passa a assolar a Terra.

Condoídos pela situação, vários Deuses se reúnem e intercedem junto a Zeus, solicitando providências urgentes. Sem saída, Zeus resolve enviar Hermes – o mensageiro dos Deuses – até o mundo da morte, para conversar com Hades.

Após algumas negociações, o Deus do mundo subterrâneo concorda em liberar Perséfone, porém, antes que ela saia, lhe oferece lindos romãs, que ela aceita e come, sem saber que a profecia dizia que, quem se alimentasse daquela fruta ali, deveria ali retornar.

Sendo assim, o acordo foi selado: durante meio ano (na primavera e verão), Perséfone retorna para sua Mãe, e então a alegria de Deméter se mostra através das flores, das cores e da beleza refletida na natureza em festa. Porém, chegando o Outono, a filha deve retornar a companhia do esposo e reinar soberana até o final do inverno, tempo este que, triste pela separação, a natureza se recolhe, se fecha e adormece.

Este relato nos explica de forma encantadora o trânsito das estações e agora, no final de Março, a Mãe inicia o ritual de sua despedida e deixa ir embora as flores e todo o verde, ressecando e quase morrendo; para que, novamente, na primavera, um novo ciclo se faça renascer.

Cada condição é preciosa, porque cumpre seu próprio desígnio; assim como Deméter, vamos preparar um tempo para aquietar-se, acolher-se e aguardar, mas só por um tempo….

Sua opinião é bem-vinda, sempre que colocada com a educação e o respeito que todos merecem. Os comentários deixados neste artigo são de exclusiva responsabilidade de seus autores e não representam a opinião deste site.

Sobre o autor

Elaine Pera

Elaine Pera

Formada em Comunicação Social e Pedagogia com Pós Graduação e Especialização em Qualidade e Terapia Floral. Em 1990 iniciei meus estudos na área Terapêutica envolvendo quatro aspectos do ser humano.

O psíquico-mental através de cursos e formações na área da Programação Neurolinguística, Terapia da Linha do Tempo, Hipnose Ericksoniana e Constelação Familiar.

O emocional e físico através de técnicas terapêuticas como o Reiki, Cromoterapia, Florais de Bach e Massagem Bioenergética.

O espiritual através de conhecimentos e aplicações na linha da Cura e Apometria Quântica e estudos sobre a Grande Fraternidade Branca e a ação dos 7 raios, Tarô mitológico e Numerologia pessoal e Empresarial.

O objetivo do meu trabalho é caminhar junto, ser uma facilitadora para que cada um possa se sentir seguro para olhar para si mesmo e suas experiências, acolhendo-as, transformando-as e levando-as a frente para abrir novos caminhos, obter mais confiança em suas realizações pessoais.

Além dos atendimentos pessoais, workshops e trabalhos em grupo, também sou professora e facilitadora dos cursos de Terapia Floral e Cromoterapia, tendo realizado diversas turmas e cursos no SENAC-Saúde e em outros Espaços e Clínicas do ABC e SPaulo.

Telefone: 11 4221.1164 e 11 4228.2804
E-mail: [email protected]