Autoconhecimento

Descubra as principais características das pessoas infelizes e se afaste delas

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Segundo uma pesquisadora da Universidade da Califórnia, Sonja Lyubomirsky, “40% da nossa capacidade de ser feliz, depende de nós mesmos”. A felicidade é um estado de espírito, por isso é importante focarmos nossa energia para estarmos bem, ainda que haja aqueles momentos que nem tudo está tão lindo como gostaríamos, precisamos saber filtrar as coisas boas para nos estimular e nos guiar pelo melhor caminho.

shutterstock_275049851Porém, existem pessoas que se apegam à tristeza como modo de vida, sentem pena de si mesmas e não fazem nada para mudar, se colocam no lugar de vítimas e se afundam em seus problemas.

Listamos alguns hábitos de pessoas infelizes, se perceber algum deles em você ou em alguém próximo, fuja imediatamente.

  • Sentem pena de si mesmas:

Pessoas infelizes tendem a vitimizar-se, acham que os seus problemas são maiores do que dos outros. Se apegam às dificuldades e se lamentam como a vida é dura com elas.

  • Só percebem o lado ruim das coisas:

Todos temos momentos difíceis, aqueles dias que parece que tudo vai dar errado. Porém, precisamos conseguir concentrar nossas energias para as coisas que estão boas, tentar ver os fatos pelo lado positivo. Dar ênfase ao lado ruim só torna o fardo mais pesado e mais difícil de carregar.

  • Nunca estão satisfeitas:

Nada está bom para pessoas infelizes, querem sempre mais. Não necessariamente desejam algo por não terem, às vezes, apenas colocam defeitos para preferirem outro, seja material ou não, o que se tem nunca é bom o suficiente.

  • Se prendem ao passado e temem o futuro:

Relembrar o passado é bom, saudável, é muito gostoso viajar na nossa memória, resgatar as coisas que já vivemos. Mas nos apegar e ficar nos lamentando pelo que não tem volta é algo autodestrutivo, além de não nos deixar seguir e viver novos tempos. Devemos saber viver um dia de cada vez, nos preparar pelo que ainda vem pela frente, pessoas infelizes remoem feridas e não se abrem para viver o novo, com medo de sofrer ou de fracassar.

  • Reclamam de tudo:

Pessoas infelizes não conseguem se divertir, aproveitar as coisas boas da vida. Tendem a colocar defeito em tudo e todos, ficam buscando defeitos nas coisas, apenas pelo simples prazer de reclamar. Não estão abertas para viver bons momentos, mesmo que eles aconteçam, elas estarão de cara fechada falando mal de alguma coisa, ou alguém.

  • Não confia em ninguém:

Criar e cultivar laços são características de pessoas felizes, pois sabem a importância de ter alguém com quem contar, seja para trocar uma lâmpada ou tomar uma cerveja. Já as pessoas infelizes não conseguem confiar nos outros, estão sempre com os pés atrás em qualquer relação.

  • Não tentam mudar:

Muitas pessoas se intitulam infelizes e apenas aceitam a sua condição, como um fardo o qual a vida lhe deu e terá que segurar, com toda as suas forças. Não farão nada para conspirar ao seu favor, preferem se lamentar pela sua condição a tentar fazer algo diferente que possa tirá-la do seu mundinho triste e sem alegrias.

Assim como os momentos bons acabam, os tristes também. Permita-os ir embora, sempre!


  • Texto escrito por Carolina Peixoto da Equipe Eu Sem Fronteiras

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]