Saúde Integral

Ginástica mental, como fazer?

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Alguns estudos esotéricos e conhecimentos antigos afirmam que corpo e mente, na verdade, são uma coisa só. Um depende e afeta o outro diretamente. Ou seja, se a sua mente vai bem, o seu corpo vai bem, e vice-versa. O contrário também acontece, se o corpo ou a mente estiver em desequilíbrio, a outra parte também estará. Levando isso em conta, alguns exercícios mentais podem ser feitos para ajudar também no bem-estar físico. Assim como a prática de atividades físicas beneficia o estado mental de quem a pratica.

Experimente esse exercício mental abaixo e veja como, aos poucos, você também vai sentir uma melhoria na qualidade de vida do seu corpo físico também.

  • Primeiro, sente em um lugar silencioso, onde ninguém possa incomodá-lo. Mantenha a coluna reta e deixe os braços relaxados sobre as pernas. Tire qualquer objeto do bolso, colar, pulseira, relógio ou qualquer outra coisa que possa fazer você sentir o corpo incomodado. Sem esses apetrechos, fica muito mais fácil permanecer parado sem o corpo começar a estranhar o que está encostando nele.

  • Comece a fazer uma respiração pausada e lenta. Respire durante quatro segundos, prenda o ar por mais quatro segundos e depois solte o ar durante quatro segundos. Faça esse exercício de respiração de olhos fechados até sentir que o seu corpo está bem relaxado.

  • Depois de relaxar, ainda de olhos fechados, movimente a cabeça levemente para a direita, depois para a esquerda e volte à posição original. Após fazer algumas vezes, fique parado e visualize a sua cabeça fazendo o movimento de novo, mas sem se mexer. Esse é um treino para a sua mente conseguir imaginar o seu corpo se movendo, sem realmente estar.

  • Após conseguir uma boa visualização, imagine que o seu corpo está livre e podendo se mover pelo ambiente em que você está. Visualize você se levantando da cadeira e andando em volta. Durante esses últimos dois passos, é normal que pensamentos do cotidiano comecem a interferir na concentração. Utilize esses momentos para aprender a afastar esses pensamentos.

  • Faça esses exercícios vários dias seguidos. Você vai reparar que ele vai ficando mais fácil com a prática.

O objetivo desse exercício é controlar a mente, expandir a sua capacidade imaginativa e aprender a manter o foco e distanciar os pensamentos desnecessários da sua cabeça. Mas lembre-se: apesar de ser um exercício mental, ele serve inclusive para o bem-estar do corpo.

Você já tentou esse ou outros exercícios para exercitar e controlar a mente? Conte aqui nos comentários como foi a sua experiência.


Texto escrito por Ricardo Sturk da Equipe Eu Sem Fronteiras

Sua opinião é bem-vinda, sempre que colocada com a educação e o respeito que todos merecem. Os comentários deixados neste artigo são de exclusiva responsabilidade de seus autores e não representam a opinião deste site.

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]