Saúde Integral

Hábitos que precisam voltar para a sua rotina

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras



Nem todo passado merece ser esquecido, principalmente quando se trata dos velhos hábitos que fazem bem a nossa saúde.

Estamos na geração onde tudo está sendo reinventado, mesmo que algumas coisas não saiam de moda nunca. A vida moderna é tentadora, acelerada e cheia de promessas para um futuro melhor, mas será que não estamos deixando algumas coisas importantes para trás?

Algumas atitudes simples, que foram esquecidas com o passar dos anos, podem fazer toda a diferença em nosso dia a dia, principalmente aquelas que são da época dos nossos avós. Dicas que facilitam a nossa vida, preservam recursos naturais e melhoram muito o nosso bem-estar e a nossa saúde.

Listamos alguns hábitos que precisam voltar para a sua rotina. Inclua-os em seu dia a dia e melhore a sua qualidade de vida.

  1. Opte por remédios naturais

Que tal um pouco mais de qualidade de vida com um pouco menos de esforço? Na farmácia pode até ser mais prático e simples de se encontrar remédios, mas nem todos fazem bem ao nosso organismo, principalmente quando tomados em excesso.

Por isso, é essencial que você dê preferência aos remédios naturais para curar aquela gripe, como ervas e chás, que dão tanto resultado quanto uma cartela de analgésicos.

  1. Use as sobras dos alimentos

Na época dos nossos avós, praticamente tudo era aproveitado para não ser desperdiçado. Apenas famílias muito ricas podiam dispensar o que hoje dispensamos – cascas de banana e laranja, por exemplo.

Embora seja mais natural se consumir a polpa e o suco das frutas, é nas cascas que se concentram a maior parte dos benefícios. Cascas são repletas de nutrientes e combatentes de resíduos orgânicos, além de serem saborosas e ideais para decoração.

  1. Não renove o guarda-roupa conforme a moda

Eu sei, a moda pega. É muito difícil não se render às tendências e sair comprando tudo que está em alta em cada estação. Porém, todo esse consumismo além de te fazer “perder” dinheiro, acumula muitas roupas que você não vai usar.

Cuide das suas peças como se elas fossem únicas, como se você não tivesse como comprar outras amanhã. Lavar a mão, costurar, customizar, tudo isso pode fazer seu guarda-roupas ser renovado sem que você precise ir à falência.

Prefira roupas neutras para que possa usá-las em qualquer época e ocasião, compre o menor número de peças repetidas possível e não descarte o que você tem de bom por uma tendência que sempre volta. Olhe ao seu redor, as roupas dos anos 70 e 80 estão ganhando novamente os cabides.

  1. Reutilize objetos

Na mesma pegada das roupas, é preciso pensar em como algo nos serve de diversas formas antes de optarmos por nos desfazermos do objeto. Cadernos podem virar um bloco de anotação, potes podem virar vasos de plantas, roupas furadas podem servir como pano de chão, etc.

Pense da forma mais sustentável possível, com a grande oferta e o preço acessível acabamos por aceitar comprar coisas que muitas vezes já temos. Aproveite tudo da melhor forma possível e integralmente, assim você reduz o consumo e se torna mais consciente do valor daquilo que possui.

  1. Tenha uma horta em casa

Plantar o próprio alimento é uma das vantagens de ser um ser humano e não um animal, não precisamos sair para caçar – exceto por nossa própria vontade – porque a terra nos fornece coisas que podemos consumir por anos.

Nos dias atuais, é muito difícil ter espaço suficiente para plantar muita coisa, por isso, as hortinhas caseiras são ideais. Mesmo pequenas, conseguimos alguns legumes e variados temperos. Isso além de te livrar de agrotóxicos, economiza dinheiro e ajuda a natureza.

  1. Faça caminhada

hábitos

Com a tecnologia avançando, o que mais existem são aplicativos que nos inspiram a caminhar pelas ruas. Seja para ver quantos quilômetros você aguenta correr ou para caçar Pokémons, sair de casa não é mais desculpa para a falta do que fazer na rua.

O ideal mesmo é que você saia por vontade própria e não por uma obrigação, aproveite aquele dia bonito para um passeio a pé e os benefícios do sol – com protetor solar, é claro. Caminhar, além de beneficiar a saúde, fortalecendo o seu coração, reduz a emissão de CO2 no planeta, no caso dos automobilizados.

  1. Na hora de limpar a casa, pense de forma sustentável

Reduzir os medicamentos, caminhar, reaproveitar objetos e preservar roupas são todas ótimas formas sustentáveis de agir. Mas… e a limpeza da casa? E os produtos pesados que costumam agredir os narizes dos mais sensíveis? Tudo isso pode melhorar se você pensar de forma sustentável. Use vinagre e bicarbonato de sódio na limpeza da casa, coisa que nossas avós faziam no passado e que deixava o ambiente um brinco e não entupia o nosso lar de compostos químicos que agridem a natureza.  

Lembra de mais algum hábito da época dos nossos avós que deveria voltar a ter visibilidade? Escreva nos comentários e ajude a melhorar o meio ambiente e o nosso dia a dia.


Texto escrito por  Juliane Rodrigues da Equipe Eu Sem Fronteiras

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]