Autoconhecimento

Hipnose: Uma maneira de conversar com o inconsciente

Elaine Pera
Escrito por Elaine Pera
Quando se fala em hipnose, a maior parte das pessoas tem como referência os antigos shows de TV, onde um apresentador dito hipnotizador, escolhia pessoas do público e, com frases e movimentos sugestionáveis, colocava as pessoas em estado de hipnose e a partir de seus comandos, as pessoas faziam de tudo, inclusive comiam cebolas.

Infelizmente essa maravilhosa técnica de cura, já caiu em descrédito muitas vezes exatamente por ser utilizada como algo extraordinário, ou mesmo, um show mágico; o que poucos sabem é que há 3.000 a.C os egípcios já a utilizavam para cura em seus “Templos do Sono”.

A palavra hipnose está relacionada ao Deus Hipno, chamado Deus do Sono, até porque a pessoa em estado hipnótico tem a respiração mais lenta, os pensamentos desacelerados e uma sensação de conforto que se parece muito com o “estar com sono”.

Mas o que é de fato a Hipnose?

Hipnose

Sabemos que a mente tem basicamente duas partes, a mente Consciente que é responsável por todas as ações e movimentos do ser humano no cotidiano e a mente Inconsciente que é a mente “sábia”, capaz de captar a totalidade de cada situação ou ambiente.

Vamos imaginar que você entra em uma loja para procurar um produto, se dirige ao balconista e pergunta sobre o que deseja, e o atendente lhe diz que não possui esse produto no momento, você agradece e sai. Todo esse processo é o que sua mente consciente computou; porém se colocado em estado de hipnose seria possível que sua mente pudesse dar detalhes do ambiente da loja, da cor das paredes, prateleiras, informar se tinha outros clientes, como eram as vitrines, a cor de alguns produtos e até mesmo a roupa do atendente e muito mais; isso significa que essa mente capta e armazena todas as informações que não são úteis naquele momento e as coloca numa caixa dentro de você chamada Inconsciente.

Para ter uma noção do tamanho dessas duas mentes, você pode imaginar aqueles blocos de gelo que deslizam no mar – icebergs, naturalmente você os avista acima da superfície como se fossem uma ponta (mente consciente) e só depois pode perceber o grande corpo que fica oculto abaixo da superfície (mente inconsciente).

Hipnose

Você também pode gostar:

Isso nos garante que tudo que sabemos, somos e temos como experiência e conhecimentos ficam alojados nessa mente maior chamada Inconsciente, mas, como e por quê trazer isso à tona?

Na verdade essa mente “sábia” é que governa sua vida de acordo com todas as informações que foram armazenadas durante suas experiências e que podem trazer curas, pois todos os problemas físicos, emocionais, comportamentais advêm de uma relação pobre e equivocada no que diz respeito a sua relação com sua mente inconsciente.

A hipnose é então uma técnica de colocar sua mente em um estado de serenidade e, neste estado, fica mais fácil perceber as ondas, pensamentos, informações. A técnica se utiliza do transe hipnótico e estar em transe, nada mais é do que se colocar em uma condição de atenção concentrada em foco. Se você já chamou várias vezes alguém que estava diante da TV, do computador, ou vendo um filme e percebeu que o outro não lhe escutava, provavelmente ele estava em um estado de concentração focada, ou seja, estava em um transe hipnótico.

Quando se está neste estado, o metabolismo e a ação do campo diminuem, a mente se tranquiliza e a troca de informações é facilitada.

Hipnose

No ano de 1.800, o médico James Braid provou que o verdadeiro poder da hipnose está no indivíduo e não no hipnotizador, e mais tarde, Coné descobriu que a sugestão do hipnotizador não realizava nada; mas ACEITAR essa sugestão era o sucesso; portanto toda hipnose é na verdade uma auto-hipnose.

Milton Erickson, médico norte-americano considerado o maior hipnoterapeuta de seu tempo, e de todos os tempos, realizou um trabalho pioneiro de resgate na confiança da mente Inconsciente e acreditou que através desta técnica é possível fortalecer sua comunicação consigo mesmo, abrindo novos caminhos para uma vida mais saudável e de maiores possibilidades.

A hipnose utilizada hoje na maior parte das terapias que trabalham com a mente, como a PNL (Programação Neurolinguística), TLT (Terapia da Linha do Tempo) e outras técnicas de reprogramação mental é a Hipnoterapia Ericksoniana, até porque ela revolucionou a maneira de olhar a mente e garante um acesso rápido, eficiente e natural a sabedoria do Inconsciente facilitando a cura de muitos desajustes emocionais, de comportamento e relacionamento.

Quer conversar com seu Inconsciente?

Respire, respire, respire, relaxe e deixe um espaço “sem pensamentos” para que a mente inconsciente possa bater à sua porta e entrar.

Sobre o autor

Elaine Pera

Elaine Pera

Formada em Comunicação Social e Pedagogia com Pós Graduação e Especialização em Qualidade e Terapia Floral. Em 1990 iniciei meus estudos na área Terapêutica envolvendo quatro aspectos do ser humano.

O psíquico-mental através de cursos e formações na área da Programação Neurolinguística, Terapia da Linha do Tempo, Hipnose Ericksoniana e Constelação Familiar.

O emocional e físico através de técnicas terapêuticas como o Reiki, Cromoterapia, Florais de Bach e Massagem Bioenergética.

O espiritual através de conhecimentos e aplicações na linha da Cura e Apometria Quântica e estudos sobre a Grande Fraternidade Branca e a ação dos 7 raios, Tarô mitológico e Numerologia pessoal e Empresarial.

O objetivo do meu trabalho é caminhar junto, ser uma facilitadora para que cada um possa se sentir seguro para olhar para si mesmo e suas experiências, acolhendo-as, transformando-as e levando-as a frente para abrir novos caminhos, obter mais confiança em suas realizações pessoais.

Além dos atendimentos pessoais, workshops e trabalhos em grupo, também sou professora e facilitadora dos cursos de Terapia Floral e Cromoterapia, tendo realizado diversas turmas e cursos no SENAC-Saúde e em outros Espaços e Clínicas do ABC e SPaulo.

Telefone: 11 4221.1164 e 11 4228.2804
E-mail: [email protected]