Autoconhecimento

O que é wanderlust? 10 sinais de que você é um amante de viagens

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Quem não ama viajar? Essa é uma das melhores maneiras para se aprender sobre a vida.

São através das viagens que adquirimos mais experiências, conhecemos pessoas diferentes, culturas diferentes e muitas vezes sonhos diferentes. E wanderlust é uma palavra alemã que reflete exatamente isso: um forte desejo de viajar, de explorar o mundo. E, agora, como saber se você apenas gosta de viajar ou se é um verdadeiro amante da prática?

1. Você valoriza experiências e não coisas

Enquanto os outros estão sonhando com suas incríveis mansões e “fazendo chover” notas de $100, você acha que a ideia de sucesso e de uma vida de realizações se resume em momentos tranquilos apreciando as coisas mais simples da vida – o sol, manhãs amenas explorando uma cidade antes de que ela acorde e comendo croissants de café da manhã sem culpa.

2. A sua primeira pergunta é: “De onde você é?” e não: “Como você está?”

Talvez inconscientemente você conheça alguém num bar e no mesmo instante pergunta de onde ele é, por onde tem viajado e qual lugar ambos visitaram só para ter algo em comum a discutir.

3. Você já é um mestre na arte de dominar fusos horários

Você sabe que é um amante de viagens quando estranha as pessoas reclamando sobre coisas mínimas como o fuso horário. Você já dominou essa arte com uma simples regra: mente sobre matéria.

4. Você sabe converter as moedas sem olhar

Encontrou algo de que gostou, mas o preço está em dólar americano? Não se preocupe. Você já fez essa conversão muitas outras vezes.

5. Você consegue dizer “olá” e “obrigado” em vários idiomas

Você sabe a importância de ser capaz de cumprimentar e agradecer alguém em sua língua materna, e acha essa é uma boa maneira de mostrar respeito. Você estranha quando seus amigos dizem as fatais palavras: “Eu não preciso fazer isso” porque “inglês é universal”…

6. Você responde a pergunta: “Aonde você comprou isso?” com o nome de um país ao invés de uma marca

“Bonito cachecol, onde você comprou?” “Barcelona” você diz. “De onde é?” você sorri para si mesmo e responde com um tom sarcástico: “Apenas uma pequena loja que eu encontrei num beco” — também conhecido por você nunca vai ter um igual la la la la la.

7. Você planeja viagens com meses de antecedência e pesquisa tudo o que consegue imaginar

Você sabe que tem um sério relacionamento com a estrada quando sabe como chegar em Londres da forma mais econômica sem mesmo nunca ter visitado a cidade. Seus amigos te perguntam onde ficar na Tailândia sendo que na verdade você nunca esteve lá… você simplesmente é um poço de sabedoria quando o assunto é se preparar para as viagens que sabe que vai fazer um dia.

8. Você tem uma contagem regressiva no calendário até a sua próxima viagem

Você enche suas redes sociais com atualizações da sua contagem regressiva até a sua próxima viagem e sabe que isso irrita seus amigos… Então, você posta ainda mais coisas

9. Você começa a alucinar e ver o mapa mundi na sua comida

PERIGO: você alcançou um caso sério com a sua vontade de viajar.

10. Você começa a maioria das suas histórias com: “Quando eu estava em…”

Por último, mas não menos importante, você sabe que é um amante de viagens quando começa todas as suas histórias com: “Quando eu estava em…”. Você encontra uma felicidade verdadeira quando está narrando seus contos e anedotas de viagens, e gosta de conviver com pessoas que tenham visitado os mesmos países que você porque vocês têm um interesse em comum e diversos assuntos para discutir.

Provavelmente depois desses 10 sinais, você já tenha chegado à conclusão se é ou não um amante de viagens. Mesmo que você não tenha se descoberto como um amante da prática, ainda há tempo. A sua vida é um livro, quem decide quais aventuras preencherão cada página é você. E, aí, está pronto para pegar o papel e a caneta?


  • Texto escrito por Amanda Magliaro Prieto da Equipe Eu Sem Fronteiras.

Sua opinião é bem-vinda, sempre que colocada com a educação e o respeito que todos merecem. Os comentários deixados neste artigo são de exclusiva responsabilidade de seus autores e não representam a opinião deste site.

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]