Espiritualidade

O Significado Esotérico do “Pai Nosso”

Dois dedos se tocando e uma luz emergindo entre eles. Uma releitura da obra "A Criação de Adão" de Michelangelo.
Carlos Pompeu
Escrito por Carlos Pompeu

PAI NOSSO – fonte única de vida eterna e luz. Energia primeira que permeia o universo da vida pulsante, multiforme e multidimensional. Aquele que nos criou, a quem pertencemos por inteiro, sem segredos, de quem recebemos tudo o que somos e possuímos.

QUE ESTAIS NO CÉU – pastagem dos mais altos planos, de toda a manifestação da vida visível e invisível de paz absoluta, de frequências vibratórias intocadas; céu que permite a visitação do filho de Deus e manifesta-se com seu próprio centro cardíaco em partículas de oscilação compatíveis, conservando a mesma riqueza de qualidade.

Céu escuro com muitos raios.

SANTIFICADO SEJA O VOSSO NOME – que o santo Deus manifestando a mais alta fonte de vida, seja abençoado e sempre pronunciado com sincero e profundo respeito em meio à assentir vibrações de amor e gratidão, que o santificado nome jamais seja dito de forma inconsequente ou desrespeitosa.

VENHA A NÓS O VOSSO REINO – que o reino do amor, da abundância, da alegria, da verdade, da iluminação, da realização esteja presente também no corpo causal e na chama trina de cada ser humano.

Você também pode gostar

SEJA FEITA A VOSSA VONTADE, ASSIM NA TERRA COMO NO CÉU – que estas palavras sejam pronunciadas de forma confiante e que o ser humano possa, amorosa e dependente, curvar-se ante a vontade e o poder de Deus, reconectando-se com o poder do amor, da sabedoria, único e real sustentáculos de tudo que existe em toda parte e por toda a eternidade.

O PÃO NOSSO DE CADA DIA NOS DAI HOJE – que a luz destinada desde o início ao filho de DEUS, possa abastecer o seu espírito e proporcionar o amadurecimento, virtudes divinas em seu corpo de sentimentos, promovendo a sutilização de sua mente para que haja captação das verdades cósmicas para trazer graça, beleza e dignidade a seu mundo físico, na medida certa, na construção de um futuro melhor.

PERDOAI A QUEM NOS TEM OFENDIDO, ASSIM COMO PERDOAMOS AQUELES QUE NOS OFENDERAM – que o pai, usando de sua infinita paciência e misericórdia, perdoe a inversão da pura energia da vida, doada por ele, amorosamente aos seus filhos por meio do plano da perfeição estabelecido por DEUS no ato da criação. Portanto, Deus é a plena luz do amor.

NÃO NOS DEIXAI CAIR EM TENTAÇÃO – Deus quer que você seja vencedor, tenha a vitória, porque maus pensamentos e sentimentos causam energias vibratórias que nos levam à tentação.

Braço esticado em direção ao sol, com o dedo indicador na mesma altura do mesmo, como se estivesse o tocando.

NOS LIVRAI DO MAL – a luz de DEUS invocada atua como escudo protetor, a fé substancia a proteção ao amor formando um ambiente ardente, aprazível e acolhedor para todas as irradiações.

AMÉM – que seja cumprida sob todas as formas a vontade de DEUS. A união na luz perfeita entre o pai e seus amados filhos.

Sobre o autor

Carlos Pompeu

Carlos Pompeu

Carlos Pompeu, 46 anos, bacharel em Direito e formação em Letras, tendo sido redator publicitário e colunista em jornais e revistas, escreve em blogues, sobre entretenimento e cultura, na internet, sendo autor de livros virtuais de ficção, no qual adota o pseudônimo Boris de Pedra. Começou, ainda nos anos 1990, com esse nome artístico,”Boris”, em uma banda de Rock, na qual tocava baixo e cantava, além de compor as músicas e letras.

Já no século XXI, migrou para a Literatura, não tendo ainda nenhuma publicação, mas com a esperança de ter sua obra editada. No entanto, sabe que essa possibilidade encontra-se na formatação de um público leitor, o que vem fazendo, escrevendo na internet.

Atualmente tem suas atenções voltadas para a Terapia Holística, sendo sua especialidade o Reiki, com a graduação Nível III, o que o inspirou a escrever textos com a temática esotérica, que abordam a espiritualidade, pensamentos positivos e a autossugestão mental.

E-mail: ccarlospompeu@gmail.com
Site: tecnocibernetico.wordpress.com/