Autoconhecimento Espiritualidade Meditação

Como fazer o Ho’oponopono?

Como fazer o ho’oponopono? Utilizar essa técnica com conhecimento do que significa e de maneira adequada possibilita atingir uma grande transformação de si e em consequência da realidade que criamos. Encontre explicações e reflexões profundas sobre o assunto, que irão mostrar a importância e a facilidade dessa prática evolutiva.

Por mais popular que o termo ho’oponopono tenha se tornado, percebe-se que seu conceito foi esvaziado pela necessidade do consumo espiritual que promete resultados. Agora mesmo, embalado pelo clique rápido, você pode ter chegado a este artigo com a ânsia de um passo a passo prático e descomplicado sobre como fazer ho’oponopono em busca de resultados, algo muito típico da mente e que destoa e muito da essência dessa técnica. Aliás, se quiser embarcar nela, é melhor colocar abaixo a hegemonia dos pensamentos.

O ho’oponopono é uma técnica de cura que tem suas raízes em práticas havaianas antigas realizada pelos kahuna, para resolver questões sociais tendo como base a reconciliação e o perdão. Em 1970, uma curandeira no Havaí, Kahuna Morrnah Nalamaku Simeona, modificou a técnica tradicional e a associou a um processo de autocura. Contemporaneamente, a técnica ganhou holofotes quando o professor espiritual americano Joe Vitale publicou um texto na internet sobre o assunto narrando a história do Dr. Ihaleakala Hew Len e os milagres que aconteceram em um pavilhão de pacientes criminalmente insanos no Havaí.

Antes de sair entoando frases mecanicamente, permita-se compreender o que é ho’oponopono, sua essência e significados. Como disse, o ho’oponopono não serve para quem busca alcançar resultados, igual uma dieta, mas fala de mudança de consciência. Me acompanhe nesta jornada e, depois, aprofunde-se um pouco mais no tema clicando aqui.

Conheça o significado do Ho’oponopono

Responsabilizar-se pelos próprios atos não é tarefa fácil. Um grande e machucado ego sempre terá vez no púlpito da mente para impedir que assumamos esse sobrepeso, discursando até mesmo sob a égide de uma falsa lógica em que a culpa cabe perfeitamente no outro. Mas, e se lhe disser que essa responsabilidade vai além do “eu”? E se, na verdade, além de seus atos, palavras e atitudes, você for responsável pela desagradável realidade externa ao seu redor e pelas ações dos outros sobre você?

Digerir isso não é fácil, mas é um dos preceitos fundamentais para compreender o significado do ho’oponopono. O mundo à sua volta é o espelho do seu interior, que, na maioria das vezes, está uma bagunça, sufocado com pensamentos e memórias dolorosas e traumáticas que passam pela curadoria diária de um dolorido e traumatizado ego. Sobre ego, não estou falando de pessoas que se acham mais do que outras, mas de um “eu” identificado com todas as coisas que brotam na mente, que, na maioria das vezes, não são boas. Segundo o budismo, a mente produz dukkha, termo páli traduzido como sofrimento, insatisfação ou tristeza.

Estátua de Buda.
viauchan666 / pixabay / Canva Pro

Se o mundo é sua criação, só você pode pintar outras cores para este quadro. Ninguém disse que seria fácil, afinal, você dorme e acorda com o inimigo todos os dias. Mas nem tudo está perdido. Com o ho’oponopono, por exemplo, você pode “corrigir”, “colocar em ordem perfeita” essa bagunça através do autoamor. Para se amar, uma jornada interna muito intensa precisa acontecer, a fim de quebrar as correntes que aprisionam o seu “eu” à identificação com a mente, essa que todos os dias lhe trata como lixo e diz que você não é bom o suficiente. Para romper com a prisão, basta pronunciar quatro frases simples.

As 4 frases do ho’oponopono e seus significados

É importante deixar claro que simplicidade não quer dizer algo banal e nem deve ser tratado dessa forma. Saiba que uma importante responsabilidade que o homem deveria ter é com o que ele fala, já que emana essa energia boa ou ruim para o universo. Segundo uma filosofia tolteca, por exemplo, existem quatro grandes compromissos que devem ser seguidos pelo homem e o mais importante deles é “seja impecável com sua palavra”.

Palavras têm poder. Por isso, praticar o ho’oponopono é fazer uso dessa força invisível através de quatro frases poderosas: sinto muito, me perdoe, te amo e sou grato, que levam respectivamente ao arrependimento, perdão, amor e gratidão. Conheça um pouco do significado de cada uma delas.

Sinto muito: o ponto de partida é reconhecer a sua responsabilidade diante de um evento. Por mais que sua mente, movida por suas memórias mais difíceis, elenque uma infinidade de argumentos que, normalmente, lhe isentam e apontem o dedo para o outro, isso não passa de tagarelice mental. Por meio dessa frase, você aceita não sua parcela, mas sua total responsabilidade pelo que está acontecendo e decide mudar.

Me perdoe: talvez o autoperdão seja o maior dos desafios na jornada proposta no ho’oponopono. Desde que formamos nossa personalidade, a partir dos 7 anos, vivemos às custas da aceitação externa. Quando recebemos uma negativa do mundo, nos punimos internamente e a mente faz o que ela sabe fazer melhor: produz sofrimento. Todo esse resíduo malcheiroso vira memória, ao mesmo tempo que abre uma ferida que é rotineiramente cutucada, independentemente da gravidade de nossos atos ou dos personagens envolvidos. Como, então, se perdoar? E a proposta da frase é: simplesmente não importa! Não importa o que aconteceu e com quem, aprenda com os erros que cometeu, seja compreensivo com o nível de consciência que tinha na ocasião, não busque culpados nem se culpar, se perdoe e siga em frente.

Eu te amo: o amor é a chave para destravar todas as portas da humanidade e também para iluminar o grande corredor interno onde vivem as memórias, ou os monstros. Amar aos outros e a si é se reencontrar com a existência, acordar do pesadelo criado pela mente, ocupar seu papel de direito ao lado de todas as criaturas deste mundo. Ao proferir, portanto, esta frase, o indivíduo se reintegra ao Todo, descrito pelo hermetismo, ou a Deus, para as religiões monoteístas. Viver em amor é quebrar as correntes internas que lhe aprisionam.

Sou grato: a utilização desta frase remete à aceitação de uma ordem invisível em todas as situações, o que se mostra um grande desafio para a mente. Aliás, todas as frases proferidas na prática do ho’oponopono se transformam em grandes nêmeses da mente. Agradecer é depositar no universo uma confiança plena, compreendendo que todas as coisas estão no seu devido lugar e que este desenho bonito ou feio da vida é e sempre será uma benção de amor e grandes aprendizados.

E aí, deu para compreender um pouco dessa mudança de mindset que é o ho’oponopono? Então, está na hora de praticar. Confira a seguir quais os benefícios dessa técnica e como fazer.

Você sabe quais são os benefícios da prática do ho’oponopono?

Praticar ho’oponopono é como renascer. Em meio à inundação de pensamentos, memórias e sentimentos de arrependimento e mágoa, aplicar esta técnica é como começar a fazer as pazes com o mundo, construindo uma realidade onde é possível experimentar ser livre das identificações com o pior comentarista da sua vida de todos os tempos. Imagine como será no dia em que, ao errar algo, qualquer coisa que seja, você não se sentir como se estivesse em um quarto minúsculo e sufocante? Sem terrorismo mental, só paz. Imaginou? Abaixo, segue uma lista de benefícios dessa prática:

  • Destituição do soberano: até aqui, quem manda em você são seus pensamentos desbotados, doloridos, viciados em dor. Com a técnica, não há mais espaço para deixá-lo brilhar;
  • Leveza nos ombros: a carga emocional produzida pela mente sempre deixou tudo pior e, com o ho’oponopono, você revê tudo, corrige o papel das coisas dentro de si, incluindo as emoções;
  • Paz interior: mais interessante do que estar em paz é observá-la ao redor de si, afinal, se você muda internamente, todo seu entorno tende a se adaptar às suas novas vibrações;
  • Saúde integral: pensamentos e emoções dolorosas fazem doer também o corpo físico, calejado de energias densas. A utilização da técnica retira do corpo este fardo e possibilita o restauro do equilíbrio mental, emocional e físico.

Conheça 4 passos fundamentais para fazer o Ho’oponopono

Agora que passamos pela fase da compreensão, chegou a hora dos passos. Mas como fazer o ho’oponopono corretamente? Como toda técnica de cura, o ho’oponopono requer um momento de conexão, uma abertura de energia e um compromisso entre o praticante e as frequências com as quais ele pretende trabalhar. Por isso, seguem abaixo alguns passos considerados fundamentais para realização da técnica:

  • 1º – Torne-se consciente: tornar-se consciente é observar seus pensamentos de forma serena, sem reagir a eles. Em meio à tranquilidade, siga adiante;
  • 2º – A situação: compreenda o evento que está lhe afetando, suas nuances e todos os envolvidos e diga mentalmente ou em voz alta: “Divindade, purifique em mim o que está fazendo com que eu experiencie essa situação”;
  • 3º – As frases: comece a repetir as frases (sinto muito, me perdoe, eu te amo, sou grato) pelo tempo que achar necessário. Por favor, acredite nesses dizeres e compreenda seus efeitos internos;
  • 4º – Não seja seletivo: por mais interessante que seja utilizar essa técnica para situações específicas, não a transforme em muleta espiritual que você usa de vez em quando e, em seguida, a deixa em algum canto escuro. Compreenda seu poder e use para mudar sua vida.

Como fazer o Ho’oponopono de forma direcionada?

Em comparação a outras técnicas de cura, dizer algumas frases parece algo relativamente simples, mas, como já vimos, essa prática carrega dentro de si um grande poder de transformação interior capaz de mudar o cenário externo. Pela facilidade de sua prática, ela serve para “atacar” alguns pontos que você pode considerar fundamentais neste momento da sua vida. Por isso, conheça abaixo algumas versões dessa prática e seus propósitos:

Confira aqui uma playlist com diferentes Ho’oponopono em aúdio para auxiliar na sua prática!

Como fazer o ho’oponopono original: originalmente praticado pelos sábios, o ho’oponopono era realizado pelos sacerdotes com o propósito de curar problemas familiares e da sociedade. Eram eles que guiavam os processos de cura entre as pessoas.

Como fazer o ho’oponopono para iniciantes: com Morrnah Simeona, o ho’oponopono passou a ser uma técnica feita por qualquer pessoa. Por isso, em qualquer momento que se sentir mal, com emoções difíceis de digerir, encontre um local tranquilo e recite as frases: sinto, me perdoe, eu te amo, sou grato. Siga repetindo pelo tempo que precisar.

Como fazer o ho’oponopono para outra pessoa: quando o Dr. Ihaleakala Hew Len curou um pavilhão inteiro de pessoas criminalmente insanas, ele não as abordou de alguma forma e, muito menos, focou a sua cura neles, mas admitiu para si que ele mesmo os havia criado. Por isso, se você busca curar outra pessoa, antes de qualquer coisa, saiba que o que essa pessoa é e faz é responsabilidade sua, você a criou. Compreenda isso para poder seguir em frente com a recitação das frases.

Como fazer o ho’oponopono mágico: muitas versões do ho’oponopono foram criadas a partir de então e uma delas é o ho’oponopono mágico, que associa as frases a um objetivo desejado. Exemplo disso: “Dinheiro abençoado, sinto muito, me perdoe, eu te amo, sou grato”.

Como fazer o ho’oponopono 108 vezes: técnica criada em associação ao número 108, que seriam as 108 vezes que ele deveria ser proferido, já que muitos acreditam que este número potencializa os resultados. Ele é confirmação da vontade divina manifestada na Terra. Para sua realização, geralmente é feito utilizando um japamala, colar com 108 contas.

Como fazer o ho’oponopono 21 dias: a utilização dos 21 dias ininterruptos já é conhecido dentre os que praticam orações como, por exemplo, a Limpeza do Arcanjo Miguel. Por isso, torne a recitação de frases um ritual em sua vida ao longo desses 21 dias.

Como fazer o ho’oponopono para mulheres: técnica que combina recitar 108 vezes as frases em 21 dias, produzindo uma cura intensa e libertadora quando se trata dos desafios do sagrado feminino. Não se esqueça de, antes de iniciar a prática, sempre respirar profundamente algumas vezes a fim de aliviar o fluxo de pensamentos.

Como fazer o ho’oponopono para homens: sente-se em posição de flor de lótus e comece a respirar profundamente algumas vezes. Procure apenas observar os pensamentos e emoções sem se apegar a nenhum deles. Quando estiver calmo, recite as frases 108 vezes.

Como fazer o ho’oponopono para filhos e filhas: o relacionamento familiar precisa ser continuamente reciclado, pois acumula resíduos de memórias que podem ser nocivos, por isso, se possível, adote junto ao seu filho ou filha a prática de recitar as frases sempre que conseguirem. Além da purificação, a técnica poderá aproximar vocês.

Como fazer o Ho’oponopono para prosperidade: a prática segue sendo a mesma inicialmente, com a respiração profunda, “limpeza” dos pensamentos, mas, antes de começar a recitar as frases, aproveite para focar em tudo que está bloqueando sua prosperidade financeira, qual sua responsabilidade neste cenário e que você quer libertar. Importante deixar claro que ho’oponopono não é uma técnica que vai lhe dar exatamente o que você quer em troca. Ser grato é aceitar o que a vida tem preparado para nós.

Como fazer o Ho’oponopono para a cura dos relacionamentos: da mesma forma que o tópico anterior, é muito importante que saiba o ho’oponopono é, antes de tudo, uma técnica que pretende curar a si. Por favor, não a utilize achando que está tudo bem com você e o objetivo é o outro. Assuma a responsabilidade pelo relacionamento, pelo modo como ele está. Se ele não está agradando, você não tem uma parcela, mas sim você é responsável por isso. Compreenda isso e mude. Utilize o ho’oponopono para isso, recite as frases. Quando você muda, tudo ao seu redor também muda. Se você emana amor, vai atrair em igual medida.

Como fazer o Ho’oponopono para o amor-próprio: a base do ho’oponopono é o autoamor. Portanto, para praticar essa técnica com esta finalidade, foque a atenção na sua responsabilidade com tudo ao seu redor. Busque o autoconhecimento. O externo tem muito a dizer sobre sua realidade interior. Investigue sobre si e comece o processo de autocura.

Como fazer o Ho’oponopono para a cura da ansiedade: só a respiração profunda já ajuda no estado de ansiedade, portanto, tome algum tempo para inspirar e expirar algumas vezes, e, quando sentir que está muito envolvido com esta energia de paz, inicie a recitação das frases por 108 vezes. Se comprometa a realizar esta prática pela quantidade de vezes necessária.

Como fazer o Ho’oponopono para ganhar mais dinheiro: não utilize essa técnica achando que ela é milagrosa. Se sua situação financeira está difícil, não leve essa carga de pensamentos para a prática. Respire profundamente, deixe os pensamentos fluírem sem acompanhá-lo e não espere um resultado. Apenas vivencie a técnica, proferindo as frases, que podem ser repetidas 108 vezes ao longo de 21 dias. Ela pode ajudar a eliminar crenças limitantes.

Como fazer o Ho’oponopono para dormir: prepare-se para o sono com essa técnica. Utilize a respiração profunda inspirando e expirando para o corpo relaxar e foque sua atenção em um ponto de suas narinas para sentir o ar passando. Fique nesta etapa pelo tempo que achar necessário até sentir que seu corpo está completamente entregue e inicie a prática mentalizando as frases. Siga neste processo até adormecer.

Saiba também como fazer o:

Ho’oponopono para a gratidão: a técnica do ho’oponopono tem, em sua essência, a gratidão. Por isso, utilize o ho’oponopono como um processo de limpeza, reserve um momento do seu dia para focalizar na beleza que existe em sua vida e recite as frases o quanto achar necessário.

Ho’oponopono para a saúde: utilizar a técnica do ho’oponopono para a saúde é algo que faz todo sentido, já que o corpo também sofre diante de uma realidade interior complicada. Use a técnica na rotina, reservando um tempo do seu dia para essa limpeza ou mesmo à noite, para ter um bom sono, e acorde com as energias renovadas.

Ho’oponopono para a abundância divina: a prática do ho’oponopono desbloqueia uma série de crenças limitantes (a mente no auge do seu terrorismo) e outros pensamentos que criam um estado de inaptidão diante das oportunidades da vida. Acolha o significado de cada frase utilizando a técnica diariamente.

Ho’oponopono para o perdão: a técnica do ho’oponopono para o perdão requer a identificação dos gatilhos que tornam a autoperdão um desafio. Faça essa busca interior e prepare-se para começar com algumas respirações profundas. Inicie a técnica de recitar ou mentalizar as frases quantas vezes achar necessário. Faça isso por 21 dias.

Sugestões para praticar o Ho’oponopono

A técnica de cura do ho’oponopono é simples, mas é muito importante que reserve um espaço de seu tempo para inseri-la em seu dia a dia. Ela não pode se apertar na sua agenda, pois corre o risco de você não dar muita atenção a ela. Seguem abaixo algumas dicas de como colocar em prática o ho’oponopono na sua vida.

Um homem segurando um japamala na mão enquanto pratica ho’oponopono.
Thirdman / Pexels / Canva Pro
  • Tempo: não é o ideal, mas, caso precise, estipule um tempo em que pode desenvolver a prática e coloque um despertador;
  • Música: se preferir, escolha uma música relaxante de fundo para escutar enquanto recita ou mentaliza as frases. De preferência, músicas instrumentais, para não tirar sua atenção;
  • Japalama: como vimos anteriormente, o japamala é um colar de 108 contas e lhe ajuda tanto em práticas mais curtas quanto aquelas que chegam ao número total de contas.

O que fazer para que a prática do Ho’oponopono tenha eficácia?

Mas como fazer o ho’oponopono funcionar? Conforme viu até aqui, a prática de cura do ho’oponopono não pode estar associada a um resultado, como se estivéssemos falando de uma dieta. Dependendo do seu grau de comprometimento com a técnica e com a compreensão das frases ao longo de sua jornada pelo ho’oponopono, as coisas começarão a mudar, mas só porque você mudou. Confira abaixo algumas dicas que ajudam a potencializar essa prática:

  • Esteja presente: da mesma forma que uma meditação, a prática do ho’oponopono requer comprometimento com o momento. Então, não adianta muito aplicá-la enquanto sua atenção está completamente voltada a outros assuntos (ou mesmo ao resultado);
  • Apenas observe seus pensamentos: enquanto estiver mentalizando ou recitando as frases, sua mente lhe fará diversas provocações, seja para que sua atenção se volte para outros temas ou até mesmo para que deixe de lado a prática. Não cai nessa;
  • Reserve um tempo para si: este é momento seu e somente seu. Busque um local onde não poderá ser incomodado. Se comprometa com a prática que ela tem potencial para lhe fazer muito bem;
  • Significado das frases: as frases são os grandes gatilhos da mudança. Compreender, por exemplo, que o “me perdoe” está associado ao autoperdão é fundamental para que a mudança interna aconteça e, consequentemente, a externa se perpetue.

O que você ainda precisa saber sobre a prática do ho’oponopono?

Como você viu, esta não é uma técnica difícil de ser executada no dia a dia, mas nem por isso pode ser negligenciada como algo que você consegue fazer em 5 minutos. Tem gente que até acha que sim, mas se quiser uma mudança efetiva na sua realidade, abrace essa prática como uma grande cura em sua vida.

Do contrário, você só estará tentando remendar os acontecimentos da vida com paliativos, enquanto novos e mais difíceis surgem. E aí, ficou alguma dúvida? Caso ainda tenha, seguem abaixo algumas últimas informações.

Mulher segurando um japamala nas mãos.
GabrielPevide / Getty Images Signature / Canva Pro

Quantas vezes devo fazer o Ho’oponopono por dia?

Essa posologia não existe. Portanto, fique à vontade para utilizar o ho’oponopono quantas vezes puder. Mas, que fique claro, não importa quantidade se não houver qualidade na aplicação dessa técnica.

Como praticar o Ho’oponopono todos os dias?

Tudo começa com a força de vontade. Sempre arranjamos tempo para algo que nos dá prazer, então faça o mesmo com algo que irá curar suas dores. Se o dia é corrido, organize-se e procure incluir a prática pela manhã, quando a mente, normalmente, exige menos de sua atenção, ou pela parte da noite, quando a loucura do dia já cessou.

Pode fazer o Ho’oponopono deitado?

Sim. Aproveite o momento para fazer algumas respirações profundas, se deixe “afundar” na cama ou sofá enquanto mentaliza (ou recita) as frases.

Qual o melhor horário para fazer o Ho’oponopono?

Os melhores horários são: manhã, bem cedo, ou noite, próximo da hora de dormir. Perceba que ao acordar sua mente ainda não “pisou” com tudo no chão do dia. Já pela parte da noite, as atribulações ficaram para trás e você pode relaxar, mesmo que seus pensamentos insistam em dizer o contrário.

Por que o Ho’oponopono pode não funcionar?

Sempre que pensar nessa prática com a mente, ela não irá funcionar. Se a mente quer resultados e velocidade, ela vai até atrapalhar de tanto pensar nisso. Portanto, a prática funcionará se você, desde já, começar a mudar seu mindset.

Você também pode gostar:

E aí, o que achou dessa aventura que é o ho’oponopono? Técnica ótima para o dia a dia e fundamental para a vida. Somos, todos os dias, bombardeados com “alimentos” mentais nocivos, que só nos dão “indigestão”. Limpar o ambiente interno é sempre algo indicado e fará efeitos maravilhosos na sua vida. Cuide de sua casa, você é o protagonista dessa história!

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para colunistas@eusemfronteiras.com.br