Autoconhecimento Comportamento

O Sucesso

Silhueta de pessoa em cima de montanha com sol ao fundo
Carlos Pompeu
Escrito por Carlos Pompeu

Para se ter um constante fluxo de energia, estar em harmonia e equilíbrio com o universo, você vai precisar cultivar, como as flores do jardim, bons sentimentos; que por sua vez, se tornam uma poderosa energia vibracional; que interage com o sublime, o transcendental, a interação com a sabedoria infinita do cosmos.

A autoestima, o seu poder pessoal, a sua força interior; a boa disposição, a energia do entusiasmo, a alegria de viver; que geram o bem-estar, tornando a vida mais leve, sem fardos, algo mais suave, sutil; um jeito definitivamente mais fácil de se viver.

Todavia evite as pedras do caminho, os espinhos da rosa, o gosto amargo da existência, além de todo tipo de preocupação que possa acontecer. Mantenha sempre, acima de tudo, uma atitude calma, busque a tranquilidade, a serenidade, uma postura consciente perante à vida, alimentando pensamentos de natureza saudável, como o otimismo.

Silhueta de pessoa pulando com sol e montanhas ao fundo

Assim, você alcançará a tão almejada paz de espírito, para navegar até as águas calmas. Seja humilde, permita-se errar e se arrepender, na verdade, são lições da vida que você vai aprender, os ensinamentos que elas podem demonstrar. Permita-se ter calma nessa hora, como em todas, a agitação mental não é benéfica para sua saúde.

Você também pode gostar

Pise no freio, desacelere. Dê um ”break”, faça uma pausa, um intervalo do turbilhão de informações que se tornou os dias atuais; cuidado para não se afogar no mar de iniquidades. Siga os bons ventos da calmaria,”be cool”, leve de boa, com sutileza, se afaste por quinze minutos, do smartphone, não acesse a caixa de mensagens, nada é mais urgente do que a sua vida.

Pare, pense um pouco, reflita, não somos máquinas, ainda somos seres humanos, temos sentimentos e emoções, valorize isso. Agradeça pelo ar que respira. Pronto, agora recomece. Recarregue as baterias, tudo vai dar certo. Assim você vai encontrar o sucesso em tudo que fizer.

Sobre o autor

Carlos Pompeu

Carlos Pompeu

Carlos Pompeu, 46 anos, bacharel em Direito e formação em Letras, tendo sido redator publicitário e colunista em jornais e revistas, escreve em blogues, sobre entretenimento e cultura, na internet, sendo autor de livros virtuais de ficção, no qual adota o pseudônimo Boris de Pedra. Começou, ainda nos anos 1990, com esse nome artístico,”Boris”, em uma banda de Rock, na qual tocava baixo e cantava, além de compor as músicas e letras.

Já no século XXI, migrou para a Literatura, não tendo ainda nenhuma publicação, mas com a esperança de ter sua obra editada. No entanto, sabe que essa possibilidade encontra-se na formatação de um público leitor, o que vem fazendo, escrevendo na internet.

Atualmente tem suas atenções voltadas para a Terapia Holística, sendo sua especialidade o Reiki, com a graduação Nível III, o que o inspirou a escrever textos com a temática esotérica, que abordam a espiritualidade, pensamentos positivos e a autossugestão mental.

E-mail: [email protected]
Site: tecnocibernetico.wordpress.com/