Autoconhecimento

10 coisas que quem acabou de receber o diagnóstico de câncer precisa saber

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

O diagnóstico de câncer, realmente, não é nada fácil. Não é agradável, muito menos animador, saber que se tem uma doença e que certos cuidados terão de ser tomados. Entretanto, como qualquer outra enfermidade, grave ou não, o primeiro passo é admitir sua presença e enfrentá-la! Nada de deixar a peteca cair.

Ela pode parecer um monstro que surgiu na hora mais inoportuna de sua vida, mas você com certeza tem forças o suficiente para fazer o que for preciso e tornar esse problema menor.

Neste momento, é imprescindível o apoio e companhia das pessoas que você gosta. Busque fortalecer-se naquilo que te faz bem e deixe a doença como algo complementar, mais uma chance de provar que você pode se superar.

Para os pacientes de câncer recém diagnosticados, é importante ressaltar alguns pontos:

Assumir

O primeiro passo para ser forte contra a doença é assumi-la. Não adianta negar sua presença ou tentar disfarçar. Conte sim para seus parentes e amigos que você acredita que podem te ajudar e te apoiar.

Não tenha medo

Ter medo de qualquer consequência, independentemente de qual seja, não resolve nada, só deixa a situação pior. Se o medo chegar, trate de eliminá-lo com palavras e atitudes de coragem. Depois de assumir estar com a doença, deixe ela fazer parte da sua vida o período que for necessário e saiba lidar com ela sem torná-la um bicho de sete cabeças.
Enxergar a situação com mais simplicidade e realismo fará com que seu medo diminua e você tenha coragem de continuar firme.

Você não é o único

Milhões de pessoas já passaram pela mesma situação que você está passando. Se te conforta saber como reagiram e como foi o tratamento, não deixe de entrar em contato com elas. Pela internet e até mesmo por associações especializadas e hospitais, você poderá ter contato com pessoas dispostas a falar sobre a doença e suas experiências.

Quando procurar informações por aí, cuidado! Não confie em tudo o que vê pela internet. Cada caso é um caso, e não é porque algo deu certo ou errado com um outro alguém que o mesmo ocorrerá com você.

Prepare-se para a nova rotina

Saiba que terá de enfrentar uma rotina diferente, desde frequentes visitas ao hospital e contato quase diário com diversos médicos até limitações em certas atividades que fazia antes.
Em diferentes estágios da doença, sua vida será diferente, nada que seja impossível de encarar. Assim como se assume o câncer, assuma essas modificações de cabeça erguida.

Prepare os nervos

Os exames são sempre motivo de expectativa. O câncer é uma doença que deve ser constantemente acompanhada, portanto, esteja com a cabeça forte para receber cada notícia. Os resultados podem ser ás vezes animadores e ás vezes decepcionantes. Procure se entender e descobrir a melhor maneira de lidar com eles.

Novo estilo

Elegant Woman Having Breast CancerNos casos de quimioterapia, a queda de cabelos será motivo para que você passe a usar lenços e perucas. Enfrente este novo desafio e, se tiver vontade, até mesmo mude seu estilo e aparência. Encare essa transformação como uma forma de ousar e conhecer um outro lado seu.

De obstáculo à aprendizado

Faça de toda essa experiência um grande aprendizado. Você sabe do grande desafio que tem que enfrentar, portanto, sua força será enorme. Pode ter certeza que qualquer outro problema ou dificuldade será apenas mais um em sua vida, que você irá, assim como faz agora, enfrentar com toda a coragem.

Agrade-se

Nunca deixe de lado as orientações médicas e os cuidados com alimentação e atividade física, seu corpo está debilitado e é importantíssimo seguir as orientações de um profissional. Entretanto, dentro do que é permitido, não limite-se em se agradar! Coma coisas que gosta, cozinhe besteiras de vez em quando e aproveite tudo aquilo que lhe dá prazer. Nada melhor do que se auto incentivar com pequenos agrados diante dos desafios.

Desabafe

As emoções também estarão afloradas durante este período. Não deixe-as presas dentro de você. Chore, ria, cante, aquiete-se quando der vontade. Seu corpo está passando por diferentes reações, permita-as acontecer. Privar-se destas respostas naturais só lhe fará mal e deixará tudo mais difícil.

Sem margens para a depressão

Devido a esta mudança emocional, é muito fácil que o paciente de câncer entre em depressão. Sabendo disso, lute contra ela desde o começo. Não deixe de fazer coisas que lhe deem prazer, relacione-se sempre com diferentes pessoas, saia de casa e se esforce para não desanimar. A falta de vontade estará aíi, mas você pode combatê-la, não tema pedir ajuda!

Independentemente do quão significativa esta doença está sendo para você, seja como um choque ou como uma nova fase, lembre-se sempre de que você não está sozinho, e que sempre haverá uma boa alternativa para lidar com aquilo que pode parecer impossível no momento.


  • Escrito por Julia Zayas da Equipe Eu Sem Fronteiras.

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]