Autoconhecimento

5 coisas que você aprende quando se recupera da depressão

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Segundo uma pesquisa do IBGE, a depressão atinge 10,2% dos brasileiros, mas, ainda assim, é mal interpretada por muitos. Felizmente, o quadro vem mudando a cada ano e as pessoas têm se conscientizado mais sobre a importância de um diagnóstico e tratamento corretos.

A depressão é uma doença séria, mas que tem cura. E assim como qualquer processo, traz muitos aprendizados. Confira abaixo alguns deles:

Você pode conhecer uma nova versão de si mesmo

Superar uma doença como a depressão requer muita dedicação, empenho, vontade própria e autoconhecimento. Ao longo do processo você aprende a se entender melhor, lidar com seus sentimentos e ser muito mais seguro sobre o que gosta e quer para sua vida. Diante disso, é natural que você descubra uma versão de si mesmo completamente diferente a que estava acostumado. O processo de superação também significa um verdadeiro desenvolvimento de amadurecimento e aprendizagem.

Você sempre deve pensar com quem falará sobre isso

Infelizmente, grande parte das pessoas ainda vê a depressão como uma fraqueza e não como uma doença a qual qualquer pessoa está sujeita. Ou seja, se você não quiser travar grandes batalhas e ter um desgaste desnecessário, sempre tem que pensar em quem pode confiar e contar sobre sua trajetória. Independente de você dizer que está curado e que já passou por esta batalha, tem gente que sempre vai achar que a depressão é sinal de vulnerabilidade.

A culpa e a vergonha fazem parte ao lidar com a depressão

Provavelmente, são coisas que vão ficando mais fáceis de lidar com o tempo. Os depressivos sabem que se trata de uma doença mental a qual não tem muito controle, mas, ao mesmo tempo, também sentem culpa e vergonha por terem passado por um quadro de depressão. É como se eles sentissem que causam preocupação e dão mais problemas às pessoas que amam, sem contar o medo de serem julgados pela sociedade.

Existem pessoas que nunca vão entender. E tudo bem!

Por mais que seja explicado, que as situações sejam exemplificadas e que seja mostrado como um depressivo se sente, têm pessoas que nunca irão entender. E você precisa lidar com isso, superar e chegar a um estágio em que apenas lamenta internamente. Não adianta sentir raiva, pena de si mesmo e muito menos desejar o mal para estas pessoas. Algumas coisas sempre estarão além do entendimento que alguns humanos conseguem atingir. Preconceito e ignorância sempre existirão. Cabe aos portadores de doenças ou outras questões terem entendimento por estas pessoas e passarem por cima.

A recuperação demora e não é linear

Não existe um dia em que você é depressivo e no outro é uma pessoa feliz e radiante. A recuperação da depressão se dá gradativamente ao longo do tratamento. Na maior parte das vezes, ela é lenta e cheia de altos e baixos. Um dia bom pode ser seguido de um intensivamente ruim. Não crie expectativas demasiadas e infundadas, pois pode só piorar o caso.


Texto escrito por Roberta Lopes da Equipe Eu Sem Fronteiras

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]