Convivendo

A felicidade é o seu maior presente

Thiago de Camargo
Escrito por Thiago de Camargo

“Em vão procuramos a verdadeira felicidade fora de nós, se não possuímos a sua fonte dentro de nós.” –

Marquês de Maricá.

O que é felicidade para você? Algumas pessoas sentem-se felizes quando estão com pessoas queridas, amigos ou familiares. Outros, encontram a felicidade viajando, estudando ou se dedicando à religião. Há ainda aqueles que atribuem felicidade à boa saúde. A verdade é que há inúmeras fontes de felicidade, mas não existe uma receita para se chegar até ela. Eu acredito que a felicidade não depende de uma data ou de um momento, ela depende de cada um de nós, depende de você!

Quando temos essa consciência acerca da felicidade, fica mais fácil enfrentar os problemas. A vida torna-se menos complicada, consequentemente, você é mais feliz. Entretanto, a busca pela felicidade precisa estar no presente, no momento agora. Nem no passado e nem no futuro. Caso contrário, poderá gerar várias doenças.

Certa vez, um grande amigo me contou que viajaria para os Estados Unidos. Eu fiquei muito feliz e disse: “Que legal! E quando será a viagem?” A resposta me deixou surpreso: “Daqui a dois anos”. “Como assim?”, perguntei. “Você está pensando naquela viagem que fará daqui a dois anos?”

Infelizmente, grande parte das pessoas é assim. Vive focada no futuro, vive se (pré) ocupando. E quem vive tanto lá na frente acaba desenvolvendo a ansiedade, uma das doenças mais perturbadoras da atualidade. Aquela que faz você querer comer durante a madrugada toda, que faz você almoçar duas vezes, jantar três vezes e, ainda assim, sentir “fome”. Por outro lado, pode tirar o apetite e afetar a qualidade do sono.

Da mesma forma, viver preso ao passado pode ser catastrófico. Ficar remoendo como você era mais magro, quantos amigos tinha e quais foram suas últimas realizações não vai mudar a sua vida para melhor. Ao contrário, pode gerar angústia, depressão e outras enfermidades. Viver preso ao passado pode conduzir a pessoa para lamentações nocivas e que em nada contribuem para o seu bem-estar e felicidade.

Por isso, a minha recomendação é: viva o hoje! O agora! Eu sempre reforço isso nas minhas palestras. Tem gente que vive pensando no passado, tem gente que vive pensando no futuro, essas pessoas acabam por não viver o momento mais especial, o tempo presente. E isso gera uma grande infelicidade.

E no ambiente corporativo há sinais que apontam que é preciso estar atento às emoções. Basta perceber como algumas pessoas são felizes apenas às sextas-feiras, aos sábados (quando não têm que trabalhar) e aos domingos (até a hora que ouvem a música do Fantástico, o que significa que a segunda-feira está chegando e que vai começar tudo de novo) . É ou não é exatamente assim? Os funcionários estão infelizes, muitos apresentam, inclusive, sintomas de ansiedade e depressão ao longo da carreira. Há diversas pesquisas que mostram isso.

Jamais deixe a sua felicidade nas mãos de outra pessoa.

Dessa forma, eu acredito que a felicidade depende de você. Penso que você jamais deve deixar a sua felicidade nas mãos de outra pessoa, seja na vida pessoal ou no âmbito profissional. Tampouco, tem que atribuir esse sentimento a algo material, a um cargo ou mesmo a alguém. Pois, ao depositar a felicidade naquilo que é inerente, criamos uma expectativa e a chance de nos decepcionarmos é muito alta. Tenha em mente que ser feliz depende única e exclusivamente de você, das suas atitudes e do seu nível de consciência.

Seja no trabalho ou na vida pessoal, ninguém tem uma vida completamente satisfatória. Todos nós temos problemas e dificuldades. Às vezes, eu me deparo com pessoas que me dizem que se tivessem a minha vida seriam mais felizes. Mas como dizer algo assim? Esse pensamento é um grande equívoco. O ser humano tende a enxergar apenas as vitórias e conquistas do outro e só percebe defeitos e problemas em si. Logo, assumem que são infelizes por não terem nada, mas acreditam que a vida daquele amigo é show e que ele tem um “vidão”. Ledo engano. Cada um de nós tem uma história de vida e, assim como você, eu já passei (e passo) por muitas situações nada agradáveis. No entanto, o que difere uma pessoa de outra é como cada uma lida com as adversidades.

Não se esqueça: a felicidade depende de você! Viva o presente! Hoje é dia de ser feliz!

Sua opinião é bem-vinda, sempre que colocada com a educação e o respeito que todos merecem. Os comentários deixados neste artigo são de exclusiva responsabilidade de seus autores e não representam a opinião deste site.

Sobre o autor

Thiago de Camargo

Thiago de Camargo

Thiago de Camargo é engenheiro, escritor, palestrante e consultor técnico e motivacional. Sucesso de público e crítica, foi agraciado com mais de 12 homenagens do CREA-SP, do CRQ-SP, do Instituto de Eng. de São Paulo e com o Prêmio Lavoisier. Autor do livro motivacional “Ai, que alegria... Hoje é dia de ser feliz!”, Thiago de Camargo mostra todo o seu dinamismo e, com maestria, lapida comportamentos e atitudes visando experiências diferenciadas e excepcionais.

Contato:

Telefone: (19) 9 8274 8121
E-mail: [email protected]
Site: thiagodecamargo.com