Autoconhecimento

Arrepios: como explicar essa sensação que aparece de repente

Braço de pessoa branca arrepiado
Oleksii / 123RF
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Se você nunca disse, com certeza já ouviu alguém dizer “nossa, senti um arrepio”. Essa sensação pode ser definida como uma onda de frio, um tremor, um levantar dos pelos do corpo, principalmente do braço. Pode acontecer quando estamos fazendo alguma atividade, como assistir à televisão, estudar ou trabalhar, ou quando estamos acordando e até quando estamos distraídos.

As reações a esse acontecimento são as mais distintas. Algumas pessoas fazem o sinal da cruz, outras imaginam que estão apaixonadas e há quem acredita que o arrepio é uma evidência de que alguém acabou de pensar nela. Afinal, qual dessas definições está certa? A seguir, aprenda mais sobre os arrepios no corpo e entenda o que eles são!

Pessoa branca com expressão assustada e mão no rosto.
Andrea Piacquadio / Pexels

Arrepios segundo a ciência

De acordo com a biologia, os arrepios são pontos de relevo na pele causados pela contração de músculos, que faz com que os pelos fiquem eretos. Esse fenômeno também acontece com os animais, sendo mais visível neles, inclusive, já que os pelos ocupam todo o corpo, no caso dos mamíferos.

Segundo a ciência, esses arrepios acontecem por medo, prazer, surpresa ou por frio, de forma involuntária. O objetivo do corpo ao promover essa sensação é o de proteger-se, no caso do frio, ou de se preparar para uma ação, como a fuga no caso do medo. Eles são comuns nos braços e nas pernas, mas podem ocupar todo o corpo.

Então, se você está assistindo a um filme de terror assustador, ou se uma brisa toma conta do seu corpo, é provável que os seus pelos se levantem rapidamente. A palavra “horripilação” pode ser atribuída a isso. Se você já viu um gato com o pelo eriçado depois de olhar para um cachorro ameaçador, você entenderá perfeitamente como os arrepios se manifestam!

Arrepios segundo a Bíblia

Em um aspecto religioso, os arrepios podem ser entendidos por algumas pessoas como um sinal da presença de Deus. Elas acreditam que quando os pelos delas se levantam Deus está, de alguma forma, entrando em contato com elas, seja para fornecer apoio, proteção ou simplesmente mostrar que está presente.

No entanto, há controvérsias sobre esse fenômeno, visto que não há passagens da Bíblia que fazem referência ao significado atribuído a esse gesto involuntário do corpo. Sendo assim, não há confirmações de que os arrepios são um sinal da presença de Deus, mas isso não impede que uma pessoa atribua o fenômeno a um contato desse tipo, visto que a fé é única para cada um.

O que significam os arrepios no corpo?

Agora que você já sabe o que são os arrepios para a ciência e para a Bíblia, é possível explorar os outros significados que são atribuídos a esse gesto dos nossos corpos. Mantenha sua mente aberta e veja qual definição faz mais sentido para você!

Sabendo que nossos corpos são formados por partículas de energia, estamos a todo momento realizando trocas energéticas com o ambiente no qual estamos inseridos. Quando acessamos um campo que carrega energias muito distintas das que rodeiam nossos corpos, porém, há um choque, como uma descarga.

É esse encontro de energias que faz com que sintamos arrepios inexplicáveis, mesmo quando não estamos sentindo frio, medo ou outra sensação marcante. Se você considerar que os arrepios são causados por trocas energéticas, até mesmo conhecer uma pessoa nova pode provocar essa sensação em você.

Em uma outra interpretação, os arrepios podem ser vistos como um alerta. Se você estiver se aproximando de um espírito que tem intenções ruins contra você, é provável que essa energia negativa provoque arrepios em você. É daí que vem a ideia de que é preciso fazer o sinal da cruz ao ter essa sensação, para afastar esses espíritos mal-intencionados.

Como não é possível diferenciar um arrepio proveniente de um campo de energia diferente do arrepio causado por uma vibração negativa, você pode fazer o que achar melhor para afastar as energias que fazem mal. Andar com cristais que neutralizam as vibrações negativas é uma boa saída para isso!

Por que às vezes a gente se arrepia do nada?

Além da explicação espiritual para o fenômeno dos arrepios que acontecem de forma inexplicável, é possível que você tenha passado por essa sensação sem se dar conta do que estava acontecendo ao seu redor.

Se o seu cérebro identificou uma ameaça no ambiente onde você está, mesmo que conscientemente você não a tenha percebido, pode ser que você se arrepie do nada. Não terá sido exatamente “do nada”, mas você imaginará que sim, porque não identificou a situação que lhe causaria isso.

O que pode ser arrepios no braço?

Pele arrepiada.
Ildar Sagdejev (Specious) / Wikipédia / Wikimedia Commons

Os arrepios no braço são os mais comuns, porque normalmente deixamos essa parte do corpo exposta, além de ela ser toda recoberta por pelos. Se um vento soprar em você, os seus braços sentirão isso mais rapidamente. Além disso, os nossos braços são utilizados para a resposta a muitas situações de perigo ou que exigem uma ação rápida.

Quando você vê que algum objeto vai cair, ou que está indo na sua direção, rapidamente você utiliza as mãos para evitar que o pior aconteça. Então, os arrepios no braço são um sinal de que os músculos dessa parte do seu corpo se preparam com antecedência para possíveis situações de perigo ou que representam uma ameaça.

Arrepios podem ser algum alerta de saúde?

Os arrepios causados por frio ou por sensações marcantes costumam durar alguns segundos, mesmo que você os entenda como um contato divino ou entre campos energéticos. Então, se eles estão durando muitos minutos ou até horas, é melhor prestar atenção.

Quando um arrepio persiste por muito tempo, ele passa a ser considerado um calafrio severo. Ele pode ser um indicativo do risco de hipotermia, quando a temperatura corporal torna-se baixa demais devido ao frio, ou de outras doenças, como a malária, a gripe e a pneumonia.

É importante diferenciar os arrepios de tremores. Se o seu corpo está se movendo rapidamente, mesmo que os seus pelos não estejam eretos, você está passando por um tremor, e não por um arrepio. Nesse caso, é preciso procurar auxílio médico para identificar o que está causando essa condição, que pode reduzir significativamente a qualidade de vida de alguém.

Dessa forma, entende-se que os arrepios são uma reação normal do organismo, que pode ser interpretada a partir da ciência, da religião e da espiritualidade. Se você é uma pessoa que sente arrepios constantemente, observe o que existe ao seu redor que pode estar causando isso. Caso a sensação dure muito tempo, ou se transforme em tremores, procure orientação médica para entender como cuidar da sua saúde!

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para colunistas@eusemfronteiras.com.br